Snapdragon X50 5G NR
Modem Snapdragon X50, compatível com o padrão 5G NR

Empresas de telecomunicações estão bastante ansiosas para implementar o 5G o quanto antes. A nova tecnologia promete atingir velocidades de 1 Gb/s (gigabit por segundo) no download, além de reduzir a latência.

A Qualcomm anunciou que 18 grandes fabricantes vão adotar seu modem 5G a partir de 2019. A lista inclui Sony, Asus, LG, HTC, Nokia/HMD, Xiaomi, Oppo, Vivo, ZTE, Sharp, Fujitsu, entre outras.

A Samsung não está na lista, mas anunciou uma parceria com a Qualcomm no mês passado para trabalhar na tecnologia 5G nos próximos anos. A coreana vem preparando suas próprias soluções para internet móvel rápida.

Há outras duas ausências notáveis na lista. A Apple estaria cogitando usar modems da Intel, após uma complexa disputa judicial com a Qualcomm. E a Huawei, terceira maior fabricante global de smartphones, também não é mencionada.

Não adianta fazer dispositivos com 5G se as operadoras não adotarem a tecnologia. Por isso, a Qualcomm também anunciou que 18 empresas estarão testando redes de próxima geração no modem X50.

A lista inclui a TIM, que recentemente ativou a primeira antena 5G na cidade italiana de Turim, atingindo um recorde de 20 Gb/s. Temos também operadoras como AT&T, Verizon, Vodafone, Deutsche Telekom, NTT Docomo e China Mobile.

O 5G ganhou sua primeira especificação oficial em dezembro — trata-se do Non-Standalone 5G NR (New Radio). O 3GPP, organização que define padrões de telecomunicações, agora está preparando o Standalone 5G, que servirá como guia para as operadoras e as fabricantes.

Com informações: Qualcomm, Engadget.

Receba mais notícias do Tecnoblog na sua caixa de entrada

* ao se inscrever você aceita a nossa política de privacidade
Newsletter
Felipe Ventura

Felipe Ventura

Ex-editor

Felipe Ventura fez graduação em Economia pela FEA-USP, e trabalha com jornalismo desde 2009. No Tecnoblog, atuou entre 2017 e 2023 como editor de notícias, ajudando a cobrir os principais fatos de tecnologia. Sua paixão pela comunicação começou em um estágio na editora Axel Springer na Alemanha. Foi repórter e editor-assistente no Gizmodo Brasil.

Canal Exclusivo

Relacionados