YouTube agora indica os melhores smartphones para assistir a vídeos

YouTube Signature Devices é uma lista que indica quais smartphones executam plenamente os principais recursos da plataforma

Emerson Alecrim
Por
• Atualizado há 2 anos e 5 meses
Galaxy Note 9

O Galaxy Note 9 foi anunciado nesta quinta-feira (9) e, para promovê-lo, a Samsung mencionou uma característica curiosa: o celular é certificado para uso do YouTube. Não é nenhuma invenção, não. Trata-se de um programa recente chamado YouTube Signature Devices que atesta quais smartphones são plenamente compatíveis com os recursos do serviço.

Não basta só reproduzir vídeos. Para ser indicado como um “Dispositivo de Assinatura do YouTube” (em tradução livre), o smartphone deve cumprir uma série de requisitos, como suportar conteúdo em HDR, reproduzir vídeos em 360 graus, ter decodificação 4K e funcionar corretamente com DRM (gerenciamento de direitos digitais).

Também é importante que o dispositivo suporte o codec VP9, usado pelo YouTube há alguns anos. Talvez seja por isso que o iPhone não está entre os 18 smartphones listados atualmente no YouTube Signature Devices: a Apple não dá suporte a esse codec na linha.

Apesar de o Galaxy Note 9 aparecer em destaque no YouTube Signature Devices, não há uma classificação do melhor para o pior ou algo nesse sentido. A lista simplesmente segue a ordem de lançamento (mais recentes no topo):

Fabricantes interessados em incluir smartphones na lista devem preencher este formulário. Os aparelhos serão testados para verificação dos critérios. De acordo com o YouTube, os requisitos serão atualizados a cada ano, mas a companhia pode ajudar os fabricantes a resolver eventuais problemas de desempenho ou reprodução de vídeo nos celulares submetidos.

Com informações: The Verge.

Receba mais notícias do Tecnoblog na sua caixa de entrada

* ao se inscrever você aceita a nossa política de privacidade
Newsletter
Emerson Alecrim

Emerson Alecrim

Repórter

Emerson Alecrim cobre tecnologia desde 2001 e entrou para o Tecnoblog em 2013, se especializando na cobertura de temas como hardware, sistemas operacionais e negócios. Formado em ciência da computação, seguiu carreira em comunicação, sempre mantendo a tecnologia como base. Em 2022, foi reconhecido no Prêmio ESET de Segurança em Informação. Em 2023, foi reconhecido no Prêmio Especialistas, em eletroeletrônicos. Participa do Tecnocast, já passou pelo TechTudo e mantém o site Infowester.

Canal Exclusivo

Relacionados