Telegram recebe chamadas de vídeo em versão beta

Recurso do Telegram para fazer chamadas de vídeo aparece em versão de testes do mensageiro para Android, iOS e macOS

Bruno Gall De Blasi
Por
• Atualizado há 2 anos e 5 meses
Telegram

O Telegram deve liberar as chamadas de vídeo pelo mensageiro em breve: o recurso de videoconferência deu as caras na versão experimental do aplicativo de mensagens para Android, iOS (iPhone e iPad) e macOS. Ainda não se sabe, no entanto, quando a nova função estará disponível a todos os usuários.

As videochamadas são aguardadas desde abril, quando o Telegram prometeu o recurso sem revelar muitos detalhes após atingir 400 milhões de usuários ativos por mês. “Existem apps que são seguros ou com boa experiência de uso, mas não os dois ao mesmo tempo. Queremos corrigir isso, e vamos focar em entregar a você chamadas de vídeo seguras em grupo e com boa experiência de uso em 2020”, anunciaram.

Agora, em agosto, as chamadas de vídeo começaram a ganhar forma: a nova função surgiu na versão 7.0.0 do Telegram Beta. Segundo relatos do usuário do Twitter @alex193a, as videoconferências podem ser realizadas diretamente pelas conversas do aplicativo de mensagens e não requer ativação prévia para ter acesso à novidade.

Telegram recebe chamadas de vídeo em versão beta (Foto: Reprodução/Twitter/@alex193a)

A atualização do app ainda trouxe o suporte às bolhas de notificação do Android 11, em testes desde julho de 2020. E, claro, assim como a ferramenta de videoconferência, o recurso ainda está limitado às versões experimentais do mensageiro.

Não há previsão de lançamento dos recursos nas versões estáveis do Telegram.

Com informações: Twitter (@alex193a) e XDA-Developers

Receba mais notícias do Tecnoblog na sua caixa de entrada

* ao se inscrever você aceita a nossa política de privacidade
Newsletter
Bruno Gall De Blasi

Bruno Gall De Blasi

Ex-autor

Bruno Gall De Blasi é jornalista e cobre tecnologia desde 2016. Sua paixão pelo assunto começou ainda na infância, quando descobriu "acidentalmente" que "FORMAT C:" apagava tudo. Antes de seguir carreira em comunicação, fez Ensino Médio Técnico em Mecatrônica com o sonho de virar engenheiro. Escreveu para o TechTudo e iHelpBR. No Tecnoblog, atuou como autor entre 2020 e 2023.

Canal Exclusivo

Relacionados