Uber - smartphone

O Uber anunciou nesta terça-feira (2) que passou a aceitar pagamento de viagens com cartão de débito no Brasil. A empresa precisou fechar parcerias com instituições bancárias para que fosse possível fazer a transação sem maquininha, por isso, o número de cartões aceitos é mais limitado.

Por enquanto, a novidade é restrita a cartões múltiplos (crédito e débito) do Bradesco e Banco do Brasil com bandeira Visa, além de cartões múltiplos ou somente débito do Santander com bandeira MasterCard. O Uber diz que “mais bancos e bandeiras serão adicionados ao longo dos próximos meses”.

Com o cartão de débito, o Uber quer se tornar uma “opção cada vez melhor para cada vez mais pessoas”. A empresa afirma que, quando o dinheiro passou a ser aceito como meio de pagamento, “viu o número de viagens aumentar principalmente nas periferias”. No entanto, os assaltos a motoristas também aumentaram, o que obrigou o aplicativo a exigir o CPF dos usuários que quisessem pagar com dinheiro.

O processo para adicionar o cartão de débito é o mesmo do crédito: basta abrir o menu, entrar em Pagamento, depois em Adicionar forma de pagamento, e então digitar os números do cartão. No caso dos cartões múltiplos, você pode alternar entre crédito e débito nas configurações a qualquer momento.

A nova opção começou a aparecer hoje e será liberada para todos os usuários ao longo da semana.

Receba mais notícias do Tecnoblog na sua caixa de entrada

* ao se inscrever você aceita a nossa política de privacidade
Newsletter
Paulo Higa

Paulo Higa

Ex-editor executivo

Paulo Higa é jornalista com MBA em Gestão pela FGV e uma década de experiência na cobertura de tecnologia. No Tecnoblog, atuou como editor-executivo e head de operações entre 2012 e 2023. Viajou para mais de 10 países para acompanhar eventos da indústria e já publicou 400 reviews de celulares, TVs e computadores. Foi coapresentador do Tecnocast e usa a desculpa de ser maratonista para testar wearables que ainda nem chegaram ao Brasil.

Canal Exclusivo

Relacionados