Privatização dos Correios: UPS teria interesse em comprar estatal

Plano de privatização dos Correios ainda não foi definido, mas UPS já estaria de olho

Emerson Alecrim
Por
• Atualizado há 2 anos e 5 meses
Carro híbrido da UPS

No radar de privatizações do governo de Jair Bolsonaro, os Correios aparecem em posição de destaque. O futuro da estatal deverá ser traçado nos próximos meses. Enquanto isso, interessados em assumir a companhia começam a aparecer. Um deles é a gigante americana UPS.

Pelo menos é o que aponta o Valor Econômico. De acordo com o veículo, o presidente global da UPS, Nando Cesarone, teria conversado com o ministro da Economia, Paulo Guedes, na recente edição do Fórum Econômico Mundial. Fontes do governo relataram que, no encontro, o executivo manifestou interesse pelos Correios.

Há boas chances de que esse interesse seja real, afinal, a UPS é uma das maiores empresas de logística do mundo. Centenária (foi criada em 1907) e com sede nos Estados Unidos, a companhia está presente em mais de 200 países (incluindo o Brasil, é claro).

A manifestação de interesse teria sido feita depois que Guedes e a secretária especial do Programa de Parcerias de Investimentos (PPI), Martha Seillier, apresentaram a lista de concessões e privatizações do governo brasileiro. Especificamente sobre os Correios, o ministro comentou que a privatização vai ocorrer, no máximo, até 2021.

Correios

Paulo Guedes também ressaltou que a venda da estatal será feita de modo integral ou parcial. Ainda não há certeza porque o processo de privatização dos Correios está em fase de estudos, sobretudo pelo BNDES, que avalia a viabilidade e a modelagem do negócio.

Um parecer técnico a respeito da privatização dos Correios só deverá ser divulgado no último trimestre do ano. Enquanto isso, funcionários e políticos contrários à proposta tentam, por meio de campanhas e outras ações, impedir que a empresa deixe de ser uma estatal.

Receba mais notícias do Tecnoblog na sua caixa de entrada

* ao se inscrever você aceita a nossa política de privacidade
Newsletter
Emerson Alecrim

Emerson Alecrim

Repórter

Emerson Alecrim cobre tecnologia desde 2001 e entrou para o Tecnoblog em 2013, se especializando na cobertura de temas como hardware, sistemas operacionais e negócios. Formado em ciência da computação, seguiu carreira em comunicação, sempre mantendo a tecnologia como base. Em 2022, foi reconhecido no Prêmio ESET de Segurança em Informação. Em 2023, foi reconhecido no Prêmio Especialistas, em eletroeletrônicos. Participa do Tecnocast, já passou pelo TechTudo e mantém o site Infowester.

Canal Exclusivo

Relacionados