Windows 11 não vai mais poder ser ativado com serial de Windows 7 ou 8

Microsoft informou neste mês que proprietários do Windows 7 ou 8 não poderão mais ativar o upgrade gratuito para o Windows 10 ou 11

Felipe Freitas
Por
Windows 11
Windows 11 não pode mais ser ativado a partir do Windows 7 ou 8 (Imagem: Guilherme Reis/Tecnoblog)

A Microsoft encerrou neste mês a opção de ativar o Windows 10 ou 11 através de uma chave de produto do Windows 7 ou 8. Previsto para durar um ano quando foi anunciado, em 10 de julho de 2015, o presente da Microsoft durou mais de oito anos. Em outras palavras: acabou-se o que era doce (e até que demorou para acabar).

Esse upgrade gratuito para o Windows 10 surgiu junto do lançamento dessa versão do sistema operacional da Microsoft. Para muitos, mais que uma boa ação da empresa, a atualização sem custos foi um pedido de desculpas para os clientes que sofreram com o Windows 8 — pelo menos foi assim que eu encarei na época e continuo pensando até hoje.

Fim do upgrade gratuito não envolve só lucro

Interface do Windows 8.1 (Imagem: Divulgação/Microsoft)
Essa imagem do Windows 8.1 não foi escolhida para a abertura para não ativar gatilhos (Imagem: Divulgação/Microsoft)

O motivo para a Microsoft encerrar o upgrade gratuito partindo do Windows 7 ou 8 (quem ainda usa, Deus?) para o Windows 10 ou 11 não é só forçar os clientes a pagarem pelas novas versões do sistema operacional. Na verdade, boa parte dos notebooks que rodam o Windows 7 e 8 nem devem ser capazes de rodar o Windows 10 tranquilamente — quem dirá contar com o chip TPM 2.0 para a versão 11.

Por exemplo, meu guerreiro Dell de 2013, que já sofria para abrir um Windows 10 com SSD, só via o Windows 11 no site da Microsoft. Em notebooks, o serial fica vinculado ao dispositivo. Logo, o usuário nem conseguiria levar a sua chave de ativação para um PC, por exemplo.

Segundo o site DeskModder, que encontrou o anúncio, ainda é possível fazer a atualização na versão estável do Windows 7 para o Windows 11 22H2. No entanto, o canal Canary (com versões de testes do Windows) cortou o upgrade.

A atualização gratuita do Windows 10 para o Windows 11 não foi removida pela Microsoft. Vale a pena fazer antes que a empresa mude ideia, algo que pode acontecer amanhã ou daqui a 6 anos.

Com informações: XDA-Developers e DeskModder

Relacionados