TB Responde Aplicativos e Software

Como criar um pendrive bootável com uma distro do Linux

Criar um pendrive bootável de uma distro Linux é a melhor maneira de testar um novo sistema operacional sem ter que formatar o PC

Diego Melo
Por

As melhores ofertas,
sem rabo preso

Criar um pendrive bootável com uma distro do Linux pode ser útil para quem deseja instalar uma nova distribuição, quer testar o sistema operacional sem ter que formatar o computador, ou precisa recuperar instalações do Windows com problemas. Veja como criar um pendrive de boot do Linux no Windows e no macOS.

Image by Rudy and Peter Skitterians from Pixabay

Primeiro, você precisará de um pendrive com pelo menos 2GB de espaço (ou mais, dependendo da distro). Depois, baixe o arquivo .ISO da distribuição que deseja instalar.

Como criar um pendrive bootável do Linux no Windows

Time needed: 5 minutes.

No Windows, a maneira mais prática é utilizando um software específico para isso. Há várias opções disponíveis, porém neste TB Responde será utilizado o Rufus, pois é gratuito e não requer instalação.

  1. Baixe o programa necessário

    Baixe o Rufus (a versão portátil não precisa ser instalada);

  2. Conecte o pendrive e selecione o dispositivo

    Conecte o pendrive ao PC, abra o programa e selecione o pendrive. Lembre-se que todo o conteúdo será apagado;

  3. Selecione o boot e a distribuição do Linux

    No campo seleção de boot, clique em “Selecionar” e escolha o arquivo “.ISO” da distribuição Linux que será instalada;

  4. Defina um nome de volume e comece o processo

    Para um pendrive de boot padrão, você não precisa alterar as outras opções. Se preferir, pode dar um nome diferente ao pendrive em “Nome do volume” e clique em iniciar;Como criar um pendrive bootavel linux- tela windows

  5. Arquivos Syslinux

    Caso seja exibida uma janela sobre a versão dos arquivos Syslinux, clique em “Sim”;

  6. Grave a imagem ISO

    Na próxima tela, deixe selecionada a opção “Gravar no modo Imagem ISO (Recomendado)” e clique em “OK”; após confirmar a formatação, clique em “OK” novamente;

  7. Finalize a gravação

    Aguarde pelo término do processo e, ao final, você terá um pendrive bootável Linux pronto para ser utilizado.

Como criar um pendrive bootável do Linux no macOS

No macOS, também há várias opções de programas para criação de pendrive bootável. O que tem a interface mais “amigável”, apesar de exigir um download um pouco maior, é o balenaEtcher. Ele é gratuito e também possui versões para Windows e Linux.

  1. Baixe o balenaEtcher;
  2. Abra o arquivo .dmg e arraste o programa para a pasta de Aplicativos;
  3. Abra o balenaEtcher (talvez você precise confirmar a execução do programa fornecendo a senha de administrador);
  4. Clique em “Flash from file” e escolha o arquivo .ISO da distribuição Linux;
  5. Clique em “Select target” e certifique-se de escolher o pendrive. Todo o seu conteúdo será apagado;
  6. Clique em “Flash!”, confirme com a senha de administrador (se solicitada), e aguarde o término do processo.
Como criar um pendrive bootavel linux- tela macOS

Com o pendrive bootável criado, siga estas instruções para dar boot no computador por ele e poder utilizar a distribuição Linux escolhida.

Esse conteúdo foi útil?

Diego Melo

Ex-redator

Diego Melo é jornalista e cursa Análise e Desenvolvimento de Sistemas. Escreve sobre tecnologia desde 2011, fez parte da equipe do Tecnoblog durante quatro anos, produzindo pautas sobre programação, guias e tutoriais de programas. Hoje é desenvolvedor full-stack e trabalha diariamente com tecnologias como JavaScript (Vue.js), PHP (Laravel) e SQL (MySQL).

Mais Populares

Responde

Relacionados

Em destaque