Início » Brasil » Samsung anuncia preços: Galaxy S6 por R$ 3.299 e S6 Edge por R$ 3.799

Samsung anuncia preços: Galaxy S6 por R$ 3.299 e S6 Edge por R$ 3.799

Smartphone revelado em Barcelona é o principal concorrente do iPhone 6

Avatar Por
4 anos e meio atrás

samsung-galaxy-s6-frente

O Galaxy S6 e o Galaxy S6 Edge vão custar respectivamente 3.299 reais e 3.799 reais no mercado brasileiro. O anúncio foi feito nesta noite pela Samsung durante o evento de lançamento do smartphone em um shopping de São Paulo. Os produtos vão chegar às lojas a partir de 25 de abril.

Preço, disponibilidade e cores

  • Samsung Galaxy S6 de 32 GB: R$ 3.299,00 (25 de abril)
  • Samsung Galaxy S6 Edge de 32 GB: R$ 3.799,00 (15 de maio)
  • Samsung Galaxy S6 Edge de 64 GB: R$ 4.299,00 (25 de abril)

A pré-venda começa em 16 de abril, próxima quinta-feira. Os produtos para o mercado brasileiro serão nas cores White Pearl, Black Sapphire, Gold Platinum e Green Emerald (somente Galaxy S6 Edge).

Não tem 128 GB

Repare que o modelo de 128 GB não deve chegar ao país. O diretor sênior de dispositivos móveis, Antônio Quintas, disse que é uma decisão mercadológica, em resposta a este intrépido repórter. Ele explicou que a experiência da Samsung ao longo dos anos indica que os early adopters compram smartphones com 64 GB, mas depois a procura por 128 GB é muito pequena.

Quintas acrescentou ainda que não há uma restrição tecnológica e a companhia pode começar a fabricar localmente o S6 e Edge de 128. “É apenas um chip de memória que precisa ser incluso e trocado”, segundo ele.

Quem comprar um S6 ou S6 Edge terá 100 GB de graça na nuvem da Microsoft, o OneDrive. Num passado recente, a parceria da Samsung era com o Dropbox.

S6

A nova geração dos smartphones topo de linha da marca Galaxy foi apresentada há um mês em Barcelona, num evento antecedendo a Mobile World Congress. A aposta da Samsung é justamente na inovação ao apresentar recursos que não são encontrados no principal concorrente, o iPhone 6 (bem como o Plus). O CEO chegou a brincar, no palco, dizendo que o seu idioma predileto é “Engenharia”.

galaxy-s6-edge-baixo

Alguns dos recursos mais interessantes do Galaxy S6 são o recarregamento de bateria e o sistema de pagamento móvel. A promessa da Sam é de que, com 10 minutos de carga numa tomada, o S6 consegue autonomia de 4 horas de bateria. Essa função depende exclusivamente do fio conectado à eletricidade e não vale para o carregamento sem fio (por indução). Vale lembrar ainda que, pela primeira vez, o Galaxy topo de linha não tem mais bateria removível.

Já a tecnologia de pagamentos desenvolvida pelos engenheiros da Samsung inclui o NFC, que já se tornou um padrão de mercado, e também uma função que permite ao aparelho funcionar com as máquinas de cartões mais antigas (chamadas de POS, no jargão do setor).

O Galaxy S6 Edge chama ainda mais a atenção pela tela com curvatura nas bordas direita e esquerda. É um design bastante diferente do que estamos acostumados, o que por si só pode se tornar um chamariz para compradores. Além disso, reza a lenda que a tela curva facilita nos movimentos de swipe (deslizar de um canto ao outro). A tecnologia por trás da tela Edge, que também já vimos no Note 4 Edge, custa mais caro, fazendo com que o preço deste modelo seja mais elevado.

Concorrência com a Apple

O formato do Galaxy S6 levantou as já tradicionais críticas sobre cópia em relação ao iPhone. A parte de baixo, em especial, lembra muito a do smartphone da Apple. A Samsung também adotou o metal, num movimento que o nosso editor ninja Paulo Higa descreveu da seguinte forma: “Não é como se fosse um crime usar plástico num smartphone, mas o design dos novos Galaxy S6 faz com que eles realmente se pareçam com um topo de linha, um ponto que eu sentia falta desde o Galaxy S II.”

Se vale o investimento? Você saberá no nosso review. Aguarde e verá!