Início » Negócios » Microsoft vai lançar SQL Server para Linux

Microsoft vai lançar SQL Server para Linux

Paulo Higa Por

Este é um momento importante para a indústria: a Microsoft anunciou na noite desta segunda-feira (7) que está trabalhando em uma versão do servidor de banco de dados SQL Server para Linux. Em beta fechado, a novidade está programada para chegar ao pinguim em 2017 e será desenvolvida com apoio da Red Hat e da Canonical, responsável pelo Ubuntu.

Não é de hoje que a Microsoft colabora com o pinguim: desde 2012, é possível rodar não apenas Windows Server, mas também distribuições Linux no Microsoft Azure, plataforma de computação em nuvem da empresa. Em 2014, a Microsoft tornou open source o framework .NET para levá-lo ao Linux e OS X, além de ter criado uma fundação para promover software de código aberto.

sql-server-linux

A decisão significa que, pela primeira vez em décadas, a Microsoft está priorizando a venda do SQL Server sobre o Windows Server com o objetivo de fortalecer sua tecnologia de banco de dados. Isso pode significar menos vendas de sistemas operacionais, mas faz sentido: o CEO Satya Nadella diz ao New York Times que “os dados são o principal ativo agora”, não o sistema operacional.

E tudo isso está coerente com as últimas decisões tomadas no segmento de usuários finais. Como eu disse, a Microsoft de hoje é uma empresa aberta a novas tecnologias, que tenta levar seus produtos e serviços para o maior número possível de pessoas, em vez de restringir a oferta para quem já está dentro do ecossistema de Redmond. Não importa muito o sistema operacional que as pessoas rodam no computador, servidor ou smartphone — hoje, o Office é igualmente bom no iOS, Android e Windows.

Quem apostaria que a Microsoft faria tudo isso na década passada?

Mais sobre: ,

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Tiago Souza
verdade, isso é um motivo que mesmo conhecendo as ferramentas SQL Server e C# sempre opto para opções multiplataforma, isso já é uma mudança importante.
Ildomar Grings
dorgas mano
G. Croft
Depende do método de pesquisas. Também vi o SQL Server em primeiro, mas também vi ele entre os últimos, como a Oracle e IBM dominando.
Diego Vieira
Ô Ô Ô Ô Ô Ô Ô!
Ah! Aaaah!
Rafael Gil
Sei isso tudo que você disse!
Mas, o Android roda em cima do kernel Linux, logo, mesmo não sendo GNU, o office já roda em um sistema baseado em Linux.
O Android não deixa de ser uma distribuição Linux. Completamente diferente das outras, mas ainda assim, uma distro.
la_gomes
this is a loop hole
Hugo Vinícius
Note que não é apenas o kernel que faz um SO.

Embora o Android use o kernel Linux, ele não pode ser considerado um sistema operacional Linux como conhecemos (GNU/Linux), visto que as APIs do Android são* completamente distintas* do Linux. Além disso, até onde eu sei não se pode rodar programas com interface gráfica do Linux no Android já que este último não tem X11/Wayland/Mir e as bibliotecas do Gnome ou QT.

Agora, programas de console funcionam sem problemas. Também não vejo o por que dos drivers não serem os mesmos entre eles.

Fiz uma correção de gramática onde tem * -- Não tinha percebido o erro.
Rafael Gil
Acho que a MS está se precavendo para um mundo "dockerizado".
Agora dá pra rodar instâncias no Docker com .NET e SQL server. A MS não está dormindo no ponto, ponto pra ela!
Rafael Gil
Tecnicamente, o office pra android já roda em Linux, rsrs.
Rafael Gil
Atrai pessoas que usariam MySQL, Postgres ou Oracle XE.
Esse movimento não é pra quem já está na plataforma MS, mas sim para atrair quem não está. Desta forma, quando chegar nos limites da versão free...
Elton Alves Do Nascimento
Será que isso representa uma séria ameaça para a Oracle mesmo?
Antony
Concordo, mas como citei as implantações, 90% dos clientes colocam a versão express do MSSQL e migram apenas quando começa a necessidade de recursos e limitações que não existem nas outras versões (CPU e memória, por exemplo)
Wilson Neto
para o mundo que eu quero descer
Caleb Enyawbruce
Acho que nao fui claro. Eu falei por causa do SQL Server, nao por causa do Linux. E não falei nada relacionado a manutenção. Não sei de onde tirou isso, rsrs
Ramon Gonzalez
Acho que nao fui claro. Eu falei por causa do SQL Server, nao por causa do Linux. E não falei nada relacionado a manutenção. Não sei de onde tirou isso, rsrs
la_gomes
No dia em que a MS lançar o Office para o Linux, aí vou pedir para o mundo parar de rodar

atualizando: Onde lê Office para Linux mude para Office para PC Linux :)
LekyChan
talvez seja pelo tipo de licença que a Oracle possui que é por cada core de processamento.
Eduardo Spaki
nao eh questao de quem é mais rápido, mas sim em como a engine usa/integra o file system
Denilson Marcelino
Sabe que EXT4 é mais veloz que NTFS né?
Claudio Roberto Cussuol
Que lindo isso.....
Meu sistema é profundamente dependente do Sql Server. Não que eu me arrependa disso, pelo contrário.
Mas isso sempre foi um empecilho para adotar servidores Linux....
Para ficar perfeito só falta ser "di grátis" ;)
Wellington Guimarães
Como o o Oracle tem mais licenças vendidas e a MS tem mais instâncias pagas? Não seriam ambos apenas um critério (licenças vendidas)? Também não entendi essa do Oracle ter mais licenças vendidas por ser mais caro. :S
Thiago Sabaia
Agora é esperar o cPanel suportar esse SQL
Marco Santana
Concordo.
Cortana ✔
A licença de um SQL Server standard custa o equivalente à 20 licenças do Windows Server standard.Mesmo assim ainda é bem mais barato que Oracle.Acredite, o alvo da Microsoft é a Oracle.
Cortana
A licença de um SQL Server standard custa o equivalente à 20 licenças do Windows Server standard.
Mesmo assim ainda é bem mais barato que Oracle.
Acredite, o alvo da Microsoft é a Oracle.
Eduardo Spaki
tecnicamente isso é intrigante... pois um sgdb, para bom desempenho, esta intimamente ligado ao file system
Gabriel Arruda
Talvez seja culpa do Windows, mas não sei se o SQL Server se propõe a competir com as soluções Exadata por exemplo. Não é só porque roda em Linux/Solaris que o Oracle é utilizando, mas porque ma baixa plataforma nenhum banco é tão poderoso.
Gabriel Arruda
No final das contas, o Windows é a maior barreira para as ferramentas de desenvolvimento da Microsoft, então acho uma decisão bem acertada. Não é incomum comentários do tipo "C# é legal, pena que roda do Windows" e "SQL Server é bom, mas precisa de servidor Windows". Enquanto isso, as ferramentas concorrentes funcionam em qualquer SO.
Antony
Até porque um servidor Linux precisa de muito mais manutenção que um servidor Windows né? É cada uma mesmo...
Caleb Enyawbruce
E a coragem pra usar o SQL Server no Linux? rsrs!
Ramon Gonzalez
E a coragem pra usar o SQL Server no Linux? rsrs!
Antony
Acho que vai perder muita receita com essa decisão, que apoio. Em mais de uma empresa que trabalhei com MSSQL, os custos de implantação do Windows Server sempre eram proibitivos pra muitas empresas. Agora podendo usar Linux e a versão Express do banco (gratuita), muita gente vai poder implantar esses servidores com custo de licença zero.
Alex Upits
Tem que ver por qual parâmetro a MS é o mais utilizado...

Mais instancias: MySQL (pq é gratis)
Mais instancias pagas: MS SQL Server (pq é barato)
Mais licenças vendidas: Oracle (pq é caro)
Mais dados armazenados: IBM (pq é velho)
Cortana ✔
Enquanto Oracle sempre foi multiplataforma, a Microsoft perdia muito mercado estando restrita ao Windows.Mesmo assim, existem pesquisas que apontam o SQL Server como o mais utilizado em grandes empresas.Agora no Linux, será líder absoluto.
Cortana
Enquanto Oracle sempre foi multiplataforma, a Microsoft perdia muito mercado estando restrita ao Windows.
Mesmo assim, existem pesquisas que apontam o SQL Server como o mais utilizado em grandes empresas.
Agora no Linux, será líder absoluto.
Arthur Dubeux
A novidade era o máximo, um paradoxo estendido na areia. Alguns a desejar seus beijos de deusa, outros a desejar seu rabo pra ceia. ?