Pela primeira vez em cinco anos, o Google voltou a ser dono da marca mais valiosa do mundo. De acordo com a consultoria Brand Finance, o nome do buscador atingiu valor de mercado de US$ 109,47 bilhões em 2017, ultrapassando a Apple, que despencou 27% em um ano — e ainda corre o risco de perder a vice-liderança para a Amazon, se a tendência se mantiver.

Google

O relatório da Brand Finance aponta que a valorização de 24% do Google ocorreu porque a empresa continua na liderança incontestável em buscas, que é o pilar de receita de publicidade da companhia. Por outro lado, a Apple “tem explorado a boa vontade de seus clientes, não conseguiu gerar receitas significativas de produtos novos, como o Apple Watch, e não demonstrou que tecnologias verdadeiramente inovadoras desejadas pelos consumidores estão na fila”.

Mas, a julgar pelo gráfico, quem realmente deve estar feliz com o novo ranking da consultoria é a Amazon, uma das empresas que mais cresceu entre 2016 e 2017 e que pode chegar ao topo da lista em 2018:

Com valorização de 53%, a marca da Amazon atingiu valor de US$ 106,37 bilhões. Como a Amazon tem atuação muito limitada no Brasil, é até difícil entender o quão gigante é a empresa de Jeff Bezos: o AmazonFresh, serviço de entrega de produtos de mercearia, se expandiu internacionalmente para Londres no ano passado, o que deve aumentar ainda mais o domínio da Amazon no varejo, e a empresa planeja criar nada menos que 100 mil postos de trabalho nos Estados Unidos nos próximos 18 meses.

Este é o ranking das dez maiores, que conta com oito empresas dos Estados Unidos, uma da Coreia do Sul e uma da China (entre parênteses, a variação em relação a 2016):

  1. Google: US$ 109,470 bilhões (+24%)
  2. Apple: US$ 107,141 bilhões (–27%)
  3. Amazon: US$ 106,369 bilhões (+53%)
  4. AT&T: US$ 87,016 bilhões (+45%)
  5. Microsoft: US$ 76,265 bilhões (+13%)
  6. Samsung: US$ 66,219 bilhões (+13%)
  7. Verizon: US$ 65,875 bilhões (+4%)
  8. Walmart: US$ 62,496 bilhões (+16%)
  9. Facebook: US$ 61,998 bilhões (+82%)
  10. ICBC (Banco Industrial e Comercial da China): US$ 47,832 bilhões (+32%)

Você pode conferir o relatório completo, a metodologia e um ranking das 100 marcas mais valiosas (que não inclui nenhuma brasileira) nesta página.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Kang Otro ✓

kkk boa!

Kang Otro ?
kkk boa!
Tiago Celestino

Acho que a Apple de hoje não está ligando tanto para esses rankings.

Tiago Celestino
Acho que a Apple de hoje não está ligando tanto para esses rankings.
Bráulio Pinto de Carvalho

Entre os 500, tem Itaú, Bradesco e Banco do Brasil, sil, sil. Pelo menos, né?

Chico Nores
Entre os 500, tem Itaú, Bradesco e Banco do Brasil, sil, sil. Pelo menos, né?
Bráulio Pinto de Carvalho

Steve Jobs está revirando os ossos de angústia nesse momento

Chico Nores
Steve Jobs está revirando os ossos de angústia nesse momento
Keaton

Não sou economista, mas -27% me parece bem ruim. haha

Keaton
Não sou economista, mas -27% me parece bem ruim. haha
Junior Santos ?
Eu ultimamente estou mais extremista. Se a Apple "anunciar amanhã" que o Cook está fora como CEO, vou bater palmas! Ele não é a melhor pessoa para o cargo. Ele transformou a gigante do Jobs, num monstro de empresa no quesito dinheiro. Inovação morreu junto com o fundador. Hoje é uma empresa de iPhones. Ele continua sendo o produto mais rentável da Apple, por enquanto. Penso que Maçã deveria ser igual era na época do Jobs: Cook como COO e alguém que realmente entenda de tecnologia e tenha visao para tal (como o Nadella que entrou no lugar do Balmmer) assumir o cargo de CEO.
Edley Santana 

Isso é bom. Não que eu fique torcendo pela derrota da Apple mas é bom pra dar um sacode na empresa. Está acomodada. O quesito "inovação" ficou pra trás. Ano após ano, tem trazido mais do mesmo. É bom levar esses sacodes.

Edley Santana ?
Isso é bom. Não que eu fique torcendo pela derrota da Apple mas é bom pra dar um sacode na empresa. Está acomodada. O quesito "inovação" ficou pra trás. Ano após ano, tem trazido mais do mesmo. É bom levar esses sacodes.
Lucas Herrera

Se a Apple fornecesse toda a tecnologia que existe nos seus produtos para todos os consumidores.Mais como sempre está entre EUA,Australia e Reino Unido kkkkk

Lucas Herrera
Se a Apple fornecesse toda a tecnologia que existe nos seus produtos para todos os consumidores.Mais como sempre está entre EUA,Australia e Reino Unido kkkkk
Exibir mais comentários