Início » Negócios » Dubai faz teste com "táxi autônomo voador"

Dubai faz teste com "táxi autônomo voador"

Emerson Alecrim Por

Dubai, nos Emirados Árabes Unidos, quer ser a primeira cidade do mundo a ter um serviço de "táxi autônomo voador": na segunda-feira (25), um drone para transporte de passageiros da companhia alemã Volocopter foi testado na região com sucesso. Bom, pelo menos o voo foi bem-sucedido, pois o transporte de pessoas ficou para uma fase posterior.

Não há detalhes sobre a rota feita pelo drone, mas as autoridades de Dubai afirmam que a aeronave voou durante cinco minutos em uma altura de aproximadamente 200 metros. Como que para mostrar a seriedade do projeto, o teste foi acompanhado de perto por Hamdan bin Mohammed, príncipe herdeiro de Dubai (que aparece dentro da aeronave na foto, mas por alguma razão não quis voar nela).

Volocopter

A aeronave usada no teste é um protótipo capaz de transportar dois passageiros ao mesmo tempo durante 30 minutos, com velocidade máxima de 100 km/h. O equipamento, que lembra um helicóptero, tem um aro na parte superior composto por 18 hélices e, em caso de emergência, pode acionar baterias extras ou dois paraquedas.

O drone é autônomo, por conta disso, pode seguir rotas programadas sem necessidade de um operador humano. A ideia é permitir que o usuário chame uma aeronave do tipo a partir de um aplicativo similar ao Uber, simples assim. A expectativa das autoridades de Dubai é complementar os serviços de transporte da região.

Pode soar como um plano utópico, mas faz sentido se levarmos em conta que Dubai tem um número considerável de endinheirados que, provavelmente, não veria problema em pagar por esse tipo de privilégio, por assim dizer.

Mas, antes disso, é necessário garantir a segurança do serviço. O drone precisa ser capaz, por exemplo, de desviar de prédios altos ou de outras aeronaves. O voo realizado nesta semana representa apenas a fase inicial, portanto. O plano é colocar o serviço em operação dentro de um prazo de cinco anos.

A concorrência no segmento tende a ser grande. Airbus e o próprio Uber estão entre as companhias que também trabalham em projetos do tipo. Mas a Volocopter conta com uma pequena vantagem: um protótipo anterior da companhia realizou um voo tripulado no ano passado.

Porém, o voo foi conduzido por Alexander Zosel, cofundador e CIO da companhia. Os próximos passos incluirão testes de voos autônomos com passageiros — desde que pessoas dispostas a experimentar o brinquedinho apareçam, é claro.

Com informações: Phys.org

Mais sobre: , ,

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Heri
Gostei do príncipe.
Sonia Caixão
Gostei do príncipe.
Diogo
De fato. Dinheiro não é problema pra eles, é a solução.
ʞǝʌǝɥs
duvido que os milionários e bilionários vão querer se arriscar a voar nessa geringonça
Jose X.
duvido que os milionários e bilionários vão querer se arriscar a voar nessa geringonça
Programador Front-End
Tomara que de certo o desenvolvimento dessa tecnologia
Jonatas Barbosa
Mutação bacana dinheiro como nosso amigo abaixo falou... não falta rsrs
Seraph
"que aparece dentro da aeronave na foto, mas por alguma razão não quis voar nela"Bom passou bastante segurança com certeza.
Henrique Seraph
"que aparece dentro da aeronave na foto, mas por alguma razão não quis voar nela"
Bom passou bastante segurança com certeza.
Trovalds
Dinheiro não é problema pra eles. Literalmente.