Gigante chinesa Honor já está lançando celulares no Brasil? Ainda não

Empresa chinesa prepara ingresso no mercado brasileiro, mas ainda não será com o Honor X8b e o Honor X7b.

Thássius Veloso
Por
Mão segurando celular
Honor Magic 6 Pro foi exibido em Barcelona durante a MWC 2024 (Foto: Thássius Veloso/Tecnoblog)
Resumo
  • Apesar dos rumores, a Honor ainda não definiu uma data para começar a vender os modelos Honor X8b e Honor X7b no Brasil. Por enquanto, a marca está criando expectativa nas redes sociais, onde destaca as características dos smartphones sem revelar quando estarão disponíveis.

  • George Zhao, CEO global da Honor, tem planos ambiciosos para o Brasil, visando replicar o sucesso da marca em outros países da América Latina. A equipe em São Paulo já está explorando o mercado, que é liderado por grandes nomes, como Apple, Motorola, Samsung e Xiaomi.

  • O CEO expressou a intenção de competir com gigantes como a Samsung, e essa estratégia foi bem recebida por Carlos Baigorri, presidente da Anatel, que destacou a necessidade de mais opções no mercado brasileiro.

Nos últimos dias surgiu a informação de que os celulares Honor X8b e Honor X7b chegarão ao Brasil nesta semana. No entanto, o Tecnoblog apurou em primeira mão que não é bem assim: a fabricante não tem data para início das vendas em território nacional, de acordo com fontes com conhecimento do assunto.

Em vez disso, a Honor começou a fazer barulho nas redes sociais para capturar a atenção do público. A fabricante de origem chinesa tem feito postagens misteriosas e a ideia é popularizar o nome antes do início de fato da comercialização dos produtos.

Print do perfil da Honor Brasil
Perfil da Honor Brasil faz mistério sobre futuros lançamentos (Imagem: Reprodução/Tecnoblog)

Movimentação na web

O perfil da Honor Brasil no Instagram (@honormobilebrasil) conta com pouco mais de 13 mil seguidores. Todas as publicações mais recentes fazem menção a características dos smartphones, como design, bateria e câmera. Nenhum deles, porém, crava a data de lançamento dos equipamentos. O site oficial está em bom português e também não menciona nenhum cronograma.

Ainda em fevereiro, a Honor divulgou teasers sobre o Magic 6 Series e o Magic V2 Series. Eles foram oficialmente apresentados na feira de conectividade de Barcelona, a MWC 2024, mas não desembarcaram por aqui.

A equipe de comunicação da Honor também fechou parcerias com influenciadores, que já mostraram telefones da marca em vídeos e outros conteúdos. Foram degustações, já que hoje em dia só é possível comprar os produtos por meio de importadores.

De olho no Brasil

Homem sentado
George Zhao é CEO da Honor (Foto: Thássius Veloso/Tecnoblog)

Conforme eu mesmo relatei neste espaço, o CEO global da Honor, George Zhao, revelou a intenção de entrar no mercado brasileiro. A fabricante chinesa vai muito bem em outros países da América Latina, com crescimento superior a 700%, o que faria do Brasil o natural próximo destino.

Funcionários baseados em São Paulo estão mapeando as oportunidades. Atualmente, o setor de smartphones é dominado por Apple, Motorola, Samsung e Xiaomi. Outras empresas, como Multi, Positivo e Realme, estão tentando participar da competição, mas contam com percentual de mercado praticamente inexpressivo.

Homem concede entrevista enquanto repórteres gravam com celulares
Carlos Baigorri é presidente da Anatel (Foto: Thássius Veloso/Tecnoblog)

Ainda em Barcelona, Zhao disse que a Honor “consegue competir com a Samsung” na Europa e deve repetir o mesmo por aqui. A informação sobre o interesse dos chineses foi comemorada pelo presidente da Anatel, Carlos Baigorri. Ele me disse numa conversa exclusiva que os brasileiros têm poucas opções.

Relacionados