Início » Telecomunicações » Cabo submarino de 40 Tb/s é ativado entre Brasil e Angola

Cabo submarino de 40 Tb/s é ativado entre Brasil e Angola

Cabo submarino SACS (Sistema Atlântico Sul Cabo) liga Fortaleza a Luanda, na Angola, para latência menor entre EUA e África

Felipe Ventura Por

O Brasil ganhou mais uma conexão via cabo submarino com o restante do mundo: trata-se do SACS (Sistema Atlântico Sul Cabo), que liga Fortaleza a Luanda, na Angola. Ele tem capacidade de 40 terabits por segundo e oferece latência menor entre EUA e África. Isso será útil para provedores de internet, empresas multinacionais e redes de pesquisa.

Segundo o TeleSíntese, a conexão entre Miami (EUA) e Cidade do Cabo (África do Sul) tem latência de 163 milissegundos no SACS, passando pelo Brasil, contra 338 ms na rota anterior. Entre Fortaleza e Luanda, esse tempo caiu de 350 ms para 63 ms.

O cabo já é utilizado pela RNP (Rede Nacional de Ensino e Pesquisa), responsável por conectar centros de pesquisas e universidades no Brasil; e pelo Centro de Pesquisas de Miami. A Angola Cables também pretende atrair provedores de internet regionais, grandes operadoras e o setor corporativo.

O SACS possui quatro pares de fibra óptica e tem vida útil de pelo menos 25 anos. A Angola Cables investiu US$ 130 milhões para construí-lo. Ele opera de forma integrada com o Monet, cabo submarino do Google que liga Boca Ratón, na Flórida (EUA), às cidades de Fortaleza e Santos (SP).

Brasil terá mais cabos submarinos para internet

Há cada vez mais cabos submarinos no Brasil, alguns deles lançados em 2018. O recém-construído SAIL (South Atlantic Inter Link) tem capacidade de 32 Tb/s e vai de Fortaleza até Camarões, na África. O BRUSA, de 138 Tb/s, conecta o Brasil a Porto Rico e aos EUA.

O Tannat, de 90 Tb/s, ligará Praia Grande (SP) a Maldonado (Uruguai). E o Júnior, de 13 Tb/s, conectará a cidade do Rio de Janeiro à Praia Grande para transmitir apenas dados do Google. Ambos estão previstos para entrarem em operação ainda este ano. Enquanto isso, o ARBR — entre Brasil e Argentina — só deve ficar pronto em 2019.

Mapa dos cabos submarinos no Brasil elaborado pela TeleGeography

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Bruno Silveira
Sim. Geograficamente é a melhor localizaçao do brasil para rotas de saida internacional.
ribeiro
Essa brisanet está na PB tbm.
ribeiro
Complementando, esse único cabo ele é bastante antigo, ano de 2000 com apenas 20 Gb/s de capacidade.
Bruno Silveira
Existe apenas 1 cabo com ligacao direta com a europa ativado atualmente no brasil. E esse cabo so serve para voz e nao passa dados por ele.
Miguel Martins
é lasca! tomara que chegue uma dessas por aí tb.
MicCaptchA
Que coisa boa em! Aqui na minha cidade tudo vira cartel. Estabelecem um preço minimo, que está longe de ser baixo e fica por ai mesmo. Inclusive com salários base.
Miguel Martins
essa mesma operadora cobra R$99,90 por 40 Mega que é o que assino. recentemente tava com promoção de dobrar a velocidade para novos clientes. ou seja, quem assinou nesse período esse plano de 40 tá recebendo 80 por cem reais mensais. e a conexão é ótima! não é a toa que tá canibalizando a concorrência.
MicCaptchA
Moro no oeste paranaese e pago 100 dinheiros em 30mb de fibra. Esse preço ta bom de mais. Mas não é nada necessário tudo isso de internet.
raphaela1
Mas ja temos dois cabos fazendo a rota Brasil-Portugal
Miguel Martins
https://uploads.disquscdn.c...
Jedielson Almeida
Caraca.. quanto tá saindo esse 1Gbps?
Gustavo Rotondo
creio que seja o ponto mais perto da europa
Miguel Martins
tá na hora mesmo de incluir o Amazonas nos investimentos.
Miguel Martins
não sei, mas aqui no interior sul do estado a gente conta com provedor ofertando 1 Gbps de internet já. a média daqui creio que seja 20 Mbps.
Bruno Silveira
Pouco me interessa em conexao direta com Angola. Quero saber é do cabo Brasil - Europa. Esse sim é importante. Esse cabo era para ter ficado pronto em 2014. Foram adiando e agora a previsao é para 2020. isso se nao adiarem novamente.
João
Só se for para algum site do continente africano. Não sei se vai melhorar a latência pra europa inteira.
Paul
Interessante que tudo passa por Fortaleza. Pq? É uma ''rota/localização'' estratégica ou ideal?
wuhkuh
Pior que vocês tão mais ferrados que a gente me Belém e aqui é punk também!
Paulo Manso
Se eu entendi bem ele quis dizer que o Amazonas está isolado apenas hehe
Paçaro
Como assim? Mas o Amazonas tá no Brasil.
Firmino Gomes
Com o perdão da minha ignorância, mas preferia a notícia de um cabo desses do amazonas para o Brasil. 60-150ms de ping pra jogar é uma desgraça.