Início » Celular » Apple deve lançar novo iPad Mini e AirPower em 2019

Apple deve lançar novo iPad Mini e AirPower em 2019

Apple marcou evento para o dia 30; além de um novo iPad Mini e do AirPower, a nova geração do Mac Mini pode ser finalmente revelada

Por
52 semanas atrás

A Apple marcou um evento para o próximo dia 30, em Nova York. Como esperado, os rumores sobre o que a companhia deve anunciar já começaram. Um dos mais recentes diz que o carregador sem fio AirPower e uma nova geração do iPad Mini devem finalmente ser revelados.

iPad Mini

Ming-Chi Kuo, analista de mercado que é conhecido por fazer previsões acertadas a respeito do universo da Apple, aponta que o AirPower deve ser ao menos mencionado no evento. O dispositivo foi apresentado há mais de um ano, mas tem tido o seu lançamento adiado desde então.

Com a proximidade do evento, o clima é de “agora vai”. O AirPower é bastante esperado porque promete fazer recarga sem fio do iPhone, do Apple Watch e dos AirPods (que também devem receber uma nova versão), tudo ao mesmo tempo. A expectativa é a de que o dispositivo seja lançado no fim de 2018 ou, com mais chances, no início de 2019.

Apple AirPower

Também há grande expectativa com relação ao iPad Mini. Para Ming-Chi Kuo, o modelo terá um processador atual entre as suas novidades, o que soa óbvio, afinal, o iPad Mini não é atualizado desde 2015. Mas, na previsão do analista, é provável que o tablet seja apresentado apenas em 2019, não no evento.

Para a próxima semana, o foco deverá girar em torno de uma nova geração do iPad Pro. Dois modelos da linha poderão ser apresentados, ambos trazendo porta USB-C, tela melhorada e um novo Apple Pencil.

Novo Mac Mini?

Um Mac Mini também é um anúncio possível. Neste mês de outubro, a linha completou quatro anos sem passar por grandes atualizações. As expectativas com relação a esse lançamento aumentaram depois de a Apple ter registrado novos produtos na Eurasian Economic Commission, uma espécie de Anatel da Eurásia.

Mac mini

Esse procedimento é necessário para que a companhia possa disponibilizar seus produtos em determinados países da região, como Armênia e Bielorrússia. Alguns dos registros são apenas atualizações, mas outros são inéditos e fazem referência ao macOS. Daí a suspeita de que, entre eles, está o novo Mac Mini.

Faça as suas apostas.

Com informações: 9to5Mac, Mac Rumors.