Início » Computador » Google Chrome vai impedir que sites “sequestrem” botão Voltar

Google Chrome vai impedir que sites “sequestrem” botão Voltar

Tática de inutilizar o botão voltar envolve até a inserção de publicidade no histórico de navegação da aba

André Fogaça Por

O time de desenvolvimento do Google Chrome está trabalhando em uma forma de evitar que sites impeçam o usuário de voltar a página, quando o botão voltar é clicado. O recurso ainda está em estágio embrionário e deve mais pra frente, ainda em beta e para poucos usuários do navegador.

Quem nunca ficou irritado ao perceber que o botão voltar simplesmente não funciona? O Google também está irritado e começou a trabalhar com mais empenho em uma ferramenta, que inviabiliza este tipo de atitude pouco correta dos endereços. Novos códigos estão em testes no browser e reconhecem quando um site utiliza este recurso, chamado de manipulação de histórico.

Quando o Chrome percebe que está em um site destes, ele pula automaticamente a página maliciosa e permite que o usuário volte a navegar com base no histórico real, que ele mesmo acessou antes de chegar no endereço atual.

Alguns sites utilizam este recurso pouco bacana para inserir publicidade dentro do histórico de navegação da aba aberta. A novidade percebe este tipo de alteração, ao comparar uma navegação realizada de fato pela pessoa e o site que não foi aberto, mas está lá marcado e atrapalhando a navegação.

Por padrão, a função de análise do histórico será habilitada para todos – quando ela chegar, claro. O recurso foi descoberto dentro do código do Gerrit, que utiliza a base do Chromium para rodar, o que deixa claro que os testes estão ainda no começo e, mesmo para uma versão beta do Chrome oficial, este alívio de navegação deve demorar para chegar aos usuários comuns.

O lado positivo é que estes novos códigos, que impedem a manipulação do histórico, já estão nas mesas dos desenvolvedores do Chrome há dois anos.

Com informações: 9to5Google.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

marcos_5000

Só que esse recurso era usado apenas pra inserir publicidade e dificultar pro usuário voltar para o site.

Geraldo Lopes

Adblock ficando cada vez mais essencial para se ter uma navegação tranquila...

Fabio Alvez

O Portal Terra já fez isso, além de entulhar a gente com publicidade, experimente navegar com o adblock desativado, é mais propaganda que notícia, além de zilhões de matérias sobre programas da Globo. Irritante!

O fantástico senhor raposo

Não gostei. Defendo mais liberdade pra pagina sobre o browser. Assim como dos programas sobre o sistema

André Lima

There's no such thing as free lunch, young padawan...

Rodrigo Calixto

Muito bom, deixei de acessar alguns sites por causa disso. O omelete e o The enemy, deixei de acessar por conta disso.

Natthan Fruche Terzi

Eles deveriam criar um botão no android para fechar o navegador definitivamente, não ficar voltando tudo até fechar.

@Sckillfer

Já tinha visto algo sobre isso faz tempo e nada do recurso vir... Pior que além dos sites "maravilhosos" que manipulam o histórico pra tu nunca conseguir voltar, tem os que fazem o contrário te redirecionam sem deixar o histórico da pagina que tu estava

Jairo ☠️

Excelente medida , parabéns aos envolvidos

Wellington Gabriel de Borba

Finalmente vai ficar fácil bater meus bolos.

André

Não é gambiarra. E não é difícil de entender: normalmente os endereços internos dentro de um site são rotas previamente configuradas do lado do servidor. O que, em sua maioria, requer uma requisição para trazer aquele endereço carregado totalmente em separado. Apesar de cache, compactação, e o que for possível para minimizar, haverá ainda diversos requests e responses para aquela tela ser resolvida.

Entretanto, a partir do momento que você carrega alguma página daquele site, você já carrega também grande parte do código de diversas áreas e/ou outras dependências. Com isso, é possível carregar, através de JS e manipulando a API de histórico, outras páginas ou áreas, de forma mais simples através apenas do client (o seu browser), sem a necessidade de requisitar tudo novamente do servidor. Veja bem, não virá tudo de graça no primeiro loading, nem tampouco deixará de haver requisições adicionais, mas, haverá sim uma redução drástica da quantidade de dados trafegados e requisições feitas em seu total.

O plano móvel de muita gente agradece.

Murilo

Que se adequem. Sou sempre a favor de mudanças que devolvem o poder da navegação (e sobre o navegador) ao usuário. O histórico deveria ser usado para EU ver o que EU acessei, não o que uma página (maliciosa ou não) colocou no histórico.
Confesso desconhecer a técnica citada, mas apenas pelo seu comentário para ser uma gambiarra mesmo.

Apenas completando, apesar do que eu disse, eu duvido que o Google irá prejudicar o funcionamento de algo legítimo.

André

E como ficam as aplicações que fazem o roteamento do lado do client e manipulam o histórico (mas para manter a uniformidade da navegação)?

🧙‍♂️ Mago Erudito® ᴾᴿᴱᴹᴵᵁᴹ

Pra nós que vivemos no meio da tecnologia isso já é irritante, mas imagina pra idosos que não entendem muito, clicam pra voltar e nada acontece, acabam achando que estão fazendo algo errado...

Dayman Novaes

Há controvérsias...

Exibir mais comentários