Início » Computador » Google Chrome vai impedir que sites "sequestrem" botão Voltar

Google Chrome vai impedir que sites "sequestrem" botão Voltar

Tática de inutilizar o botão voltar envolve até a inserção de publicidade no histórico de navegação da aba

André Fogaça Por
48 semanas atrás

O time de desenvolvimento do Google Chrome está trabalhando em uma forma de evitar que sites impeçam o usuário de voltar a página, quando o botão voltar é clicado. O recurso ainda está em estágio embrionário e deve mais pra frente, ainda em beta e para poucos usuários do navegador.

Quem nunca ficou irritado ao perceber que o botão voltar simplesmente não funciona? O Google também está irritado e começou a trabalhar com mais empenho em uma ferramenta, que inviabiliza este tipo de atitude pouco correta dos endereços. Novos códigos estão em testes no browser e reconhecem quando um site utiliza este recurso, chamado de manipulação de histórico.

Quando o Chrome percebe que está em um site destes, ele pula automaticamente a página maliciosa e permite que o usuário volte a navegar com base no histórico real, que ele mesmo acessou antes de chegar no endereço atual.

Alguns sites utilizam este recurso pouco bacana para inserir publicidade dentro do histórico de navegação da aba aberta. A novidade percebe este tipo de alteração, ao comparar uma navegação realizada de fato pela pessoa e o site que não foi aberto, mas está lá marcado e atrapalhando a navegação.

Por padrão, a função de análise do histórico será habilitada para todos - quando ela chegar, claro. O recurso foi descoberto dentro do código do Gerrit, que utiliza a base do Chromium para rodar, o que deixa claro que os testes estão ainda no começo e, mesmo para uma versão beta do Chrome oficial, este alívio de navegação deve demorar para chegar aos usuários comuns.

O lado positivo é que estes novos códigos, que impedem a manipulação do histórico, já estão nas mesas dos desenvolvedores do Chrome há dois anos.

Com informações: 9to5Google.

Mais sobre: ,