Início » Brasil » Projeto de lei quer criminalizar jogos eletrônicos violentos no Brasil

Projeto de lei quer criminalizar jogos eletrônicos violentos no Brasil

Deputado federal Júnior Bozzella propõe proibir jogos violentos para prevenir atentados como o de Suzano

Emerson Alecrim Por

Um projeto de lei apresentado pelo deputado federal Júnior Bozzella (PSL-SP) propõe criminalizar o desenvolvimento, a importação e a distribuição de jogos eletrônicos com conteúdo violento. O objetivo é banir jogos do tipo no Brasil para evitar que crianças e adolescentes sejam estimulados a cometer atos de violência.

Joystick (imagem: Pixnio)

O assunto é discutido há anos, mas, no contexto atual, passou a fazer parte dos discursos de autoridades depois do massacre de Suzano. A declaração mais marcante foi a do vice-presidente da República Hamilton Mourão:

“Hoje a gente vê essa garotada viciada em videogames e videogames violentos. Só isso que fazem. Quando eu era criança e adolescente, jogava bola, soltava pipa, jogava bola de gude, hoje não vemos mais essas coisas. É isso que temos que estar preocupados".

Na semana passada, o assunto chegou ao Senado Federal, que aprovou uma audiência pública requisitada pelo senador Eduardo Girão (Pode-CE) para tratar do assunto.

Já com o projeto de lei 1577/2019 (PDF), o deputado Júnior Bozzella argumenta que "ao menos em parte, essa banalização da vida e da violência pela população jovem é advinda pelo convívio constante com jogos eletrônicos violentos".

O deputado continua: "a presente proposta visa a proibição da comercialização ou disponibilização desse tipo de jogo ou aplicação em nosso país, de modo a diminuir a chance de ocorrência de tragédias como a que observamos recentemente na cidade de Suzano".

Cena de Call of Duty

Basicamente, o projeto propõe alterar o Decreto-Lei nº 2.848, de 7 de dezembro de 1940, e a Lei nº 12.965, de 23 de abril de 2014, "para criminalizar o desenvolvimento, a importação, a venda, a cessão, o empréstimo, a disponibilização ou o aluguel de aplicativos ou jogos eletrônicos com conteúdo que incite a violência".

Se o projeto for aprovado como tal, os infratores poderão ser penalizados com multa ou de três a seis meses de detenção. A pena é triplicada se o crime for praticado na internet ou meios de comunicação em massa.

A aprovação — ou não — da proposta requer algum tempo. O projeto de lei precisa passar por apreciação do presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), para só então ir para votação.

Aqui no Tecnoblog, já explicamos que culpar os jogos por atos de violência não tem fundamento. Essa discussão também foi tema do Tecnocast 110.

Com informações: UOL.

Tecnocast 110 – Jogos de ação estimulam a violência?

Vira e mexe a imprensa dá um jeito de culpar os jogos de ação por conta de algum ato de violência no mundo real. A ladainha é sempre a mesma: jovens estariam cada vez mais violentos, por culpa dos games. Dessa vez a associação foi feita pelo vice-presidente, Hamilton Mourão, após o massacre de Suzano.

Mas será que existe algum fundo de verdade nesse pensamento? Os jogos de ação podem mesmo deixar os jovens mais violentos? Dá o play e vem com a gente.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

InvaderZIM
Camarada se bater, xingar, berrar e gritar resolvesse alguma coisa, meus três vizinhos de infância hoje seriam gente, os três viraram ladrão e traficante, o problema é a educação e a presença da mãe e principalmente do pai que na maioria dos casos não existe na formação do carater da criança e adolescente, a maioria não ta nem ai pro que a criança ou adolecsente faz da vida ou com quem anda, logo esse tipo de coisa não teria como ser evitada por negligência na edução por parte do pai ou da mãe, já que o jovem não recebe a devida atenção.
Hinoken117
Jack O Estripador e Albert Fish não tinham jogos na época deles, e olha que eram dois dos maiores Serial Killers
Kaique Carvalho
Tem nada a ver essa lei sinceramente tanta coisa que esse deputado poderia estar fazendo de bom e ele perde tempo criando lei pra proibir jogos que no fim n vai adiantar PORRA nenhuma n vai diminuir assassinado nem merda nenhuma
Muigi
tem um confusão gigante sobre issoem teoria o psl e o presidente bolsonaro são conservadores,só que alguns canais lilberais como mamãefalei ou brasil paralelo,e até mesmo kim kataguri são liberais,mas apoiaram o bolsonaroem geral sim,o psl é conservador
Matheus Tinoco
me ajude compartilhar ninha chetheg #SejaContraProibirçãodaLEIDosGames lei 1577/2019 o deputado @juniorbozzella me ajuada amigo para lei não ser aprovada
Keaton
Sim, é como eu disse: Jogos violentos influenciam pessoas? Sim, influenciam. Influenciam todo mundo? Não.Mas no caso, me referia à menores de idade.
Lucas Felipe
ta ai bolzo no poder com esse vice presidente, brazil sempre tem um jeito de piorar ainda mais. Proibi os games e legaliza as armas, para uma partidinha real de CS na esquina.
otakuperfumado
nao é so comigo e sim 99,9% dos jogadores e isso é fato
Jean Maxwell
O problema com a classificação etária é que as vezes mesmo seguindo-a o jogador pode ser influenciado de alguma maneira. Por exemplo no jogo diz para +18 aí vai um cara com 19 anos joga o game e acaba sofrendo de ansiedade. Claro que o game não causa problemas da mesma grandeza que esses caras da mídia afirmam.
Jean Maxwell
"Se não aconteceu comigo, não acontece com ninguém". É o mesmo que pensar "Eu nunca fui assaltado no Brasil, logo ninguém nunca foi assaltado, logo assaltantes não existem no Brasil
Jean Maxwell
"Se não aconteceu comigo, não acontece com ninguém". É o mesmo que pensar "Eu nunca fui assaltado no Brasil, logo ninguém nunca foi assaltado, logo assaltantes não existem.
Daniel Martins
Rapaz, se por um acaso isso for aprovado (O que eu duvido muito) a internet derruba o governo.Cara se diz liberal e vem querer dizer o que podemos ou não jogar, ah vai tomar no cu deputado, você é um esquerdinha disfarçado de liberal.
Dayman Novaes
E se os processos seletivos não forem eficientes, qual será o incentivo para ele se tornar eficiente? Pois você vai continuar pagando imposto e a máquina estatal continuar rodando.É diferente da esfera privada, na qual a ineficiência significa morte da empresa, pois você não é obrigado a pagar.
Keaton
Isso é falacia. "Se não aconteceu comigo, não acontece com ninguém".O problema é que como o individuo reage aos estimulo, como já dito, vai de individuo para individuo. Não tem como afirmar que não vai acontecer com ninguém de boa indole. Nem que vá acontecer com alguém de má indole.Mas querer banir jogo é no minimo ridiculo.
NightLaw-San
Pra mim tem,reduzir a democracia que se tem ao ingressar na vida política impondo critérios rígidos e rigorosos aos candidatos como concurso,idade mínima,formação superior com experiência mínima obrigatória,curso de 6 meses para novos políticos enquanto a nova legislatura não toma posse,etc.
Baio-kun
Fala isso com base em que?
Mike Cross
"Só comparar a geração de hoje com a de antes" é o que a gente mais ouve na história da humanidade. A gente se acha prepotente em se julgar como exemplo, mas no fim sempre fomos a mesma merda desde que o mundo é mundo.
LeoRgz
Ninguém fala da participação dos moleques no fórum da deep web que é voltado para o planejamento e estímulo desses atentados terroristas?
otakuperfumado
nao é so o psl, pode ver ja teve projeto parecido muitas vezes, olha o cs deu baita tumulto na epoca e deu em nada
otakuperfumado
boxe, luta livre vao proibir quando?
otakuperfumado
como comentei mais acima, joguei mortal kombar com 3 anos e nunca fiz nada, o problema nao é jogo e sim a pessoa ser de ma indole
otakuperfumado
se eu joga darksouls eu vou reviver dps que morrer?
otakuperfumado
joguei mortal kombat com 3 anos, e nunca cometi crime, um pessoa de boa índole jamais vai confundi ficção com fida real
otakuperfumado
engraçado que jogavam bola e fizeram duas guerras mundiais né
otakuperfumado
nao é a primeira vez que teve esse projeto e tbm nao sera o ultimo infelizmente
otakuperfumado
luta livre e boxe tbm
ricms
Vdd. Tem idiotas nos dois lados.
David
O problema são os pais que mimam. Como eu disse, não adianta mimar mas também não adianta ficar batendo nas crianças de hoje em dia. A cinta pode resolver em alguns casos, mas o ideal é que os pais evitem que a criança controle eles e também evitem ter que bater na criança. Neste caso, se a criança tem tendência a se tornar violenta, não é com violência que você vai prevenir isso.
Kaleb
Funciona bom. Só comparar a geração de hoje com a de antes.
wesley wes
Trabalhar de verdade ninguém quer né? o Brasil tem trilhões de problemas, e os caras apresentam uma porcaria de projeto desse, como se fosse a solução magica, o próximo vai ser o que? filmes? novelas? desenhos? me poupem! pessoas que não tem o minimo de conhecimento falam falam e não tem nada a dizer, incrível! 90% de nosso políticos não tem capacitação nenhuma para estar lá esse projeto como muitos outros provam isso.
David
Bater e tirar as coisas não ajuda em nada. Vai por mim, isso só gera medo dos pais nas crianças. Basta os pais dizerem pra criança que ela não pode fazer tal coisa, e se ela não fizer elogiar ela. Uma criança que ama os pais é bem mais calma e controlável do que uma criança que tem medo dos pais. Não adianta de nada exagerar e fazer tudo que a criança quer, também não adianta ficar batendo na criança. Meus pais nunca me bateram ou me deram uma bronca muito pesada, e eu nunca desobedeci nada do que eles me disseram quando criança. Agora, com meus irmãos, eles pegam pesado nas broncas e tiram muitas coisas deles, e o resultado disso é bem perceptível, a cada dia eles têm menos respeito pelos nossos pais. Por outro lado, eu nunca fiquei muito bravo com eles. Muitas vezes eles respondem nossos pais, ficam chorando por bastante, e no outro dia estão fazendo a mesma coisa que disseram pra eles não fazerem. Quando eu digo pra não fazerem alguma coisa, eles simplesmente não fazem. Eu vejo todo dia a diferença entre criar uma criança na base das ofensas e gritos e criar uma criança na base dos elogios.Não digo que o certo é passar a mão na cabeça dos filhos e não dar nenhuma bronca neles, mas criar os filhos na base da cinta também não funciona.
Marcos Antonio Sales Ferreira
acabar com a robalheira que inclusive este corno que esta encabeçando esta porcaria ninguém quer ne, alguém ja fez alguma petição eletrônica contra isto???
Dayman Novaes
"Enquanto você enxerga como uma entidade autônoma e que age por vontade própria com o único intuito de se perpetuar no poder nas bases do Príncipe de Maquiavel, eu enxergo o Estado como o balcão de negócios das classes dominantes."Nós concordamos, o estado é essencial para manutenção de grandes empresas e monopólios, e vice versa.E você está cometendo o erro comum da economia clássica que é de tratá-la puramente como ciência. A causalidade de fenômenos complexos, como os sociais, dificilmente podem ser explicados por correlação empírica. Por isso a economia é fundamentalmente filosófica.Por exemplo, não é preciso testar e fazer correlações de dados históricos para saber que o aumento da base monetária causa inflação, é uma conclusão a priori.Não é preciso testar também que quanto mais centralizada uma economia menos eficiente ela é para satisfazer os desejos dos indivíduos (cálculo econômico no socialismo, de Mises). E não só na esfera pública, na privada também.E até mesmo a ciência verdadeira, precisa ter uma boa sustentação epistêmica para funcionar, o que é raro na economia clássica... Mas é óbvio, o estado como meio de dominação social, precisa do apoio de ""'economistas""" para convencimento ideológico. Parece teoria da conspiração, mas é a única explicação para tanto economista com base epistêmica quase nula.E acho que você está desperdiçando um potencial ainda maior deixar de estudar filosofia, principalmente epistemologia.
Leonardo Feelckins
filiados do PSL e da direita brasileira em si criticam tanto essa "paternidade" institucional, principalmente quando se trata do assistencialismo lulista e tem a coragem de apresentar um projeto de lei desses. é cada um que não representa nada com nada
Dayman Novaes
Perguntei a diferença fundamental (qualitativa) do estado e das milícias e você não disse, só repetiu que é diferente."Quanto as milícias, elas tem poder, mas não no mesmo status do poder do Estado." é a mesma coisa que repetir que é diferente, mas sem explicar porque."É um poder de dominação paramilitar e esse tipo de dominação costuma ocorrer predominantemente pela violência, apesar de existir algum consenso tanto por parte da população dominada quanto por parte do Estado, no caso fluminense."De novo, não explicou nenhuma diferença qualitativa. No máximo, deu a entender no texto que a diferença qualitativa é que a dominação da milícia é majoritaria (mais de 50%) por violência e a do estado é minoritária (menos de 50%) por violência. Mesmo que isso fosse verdade (e não é, pois há milícias que exercem controle com pouca violência física, e mais controle ideológico), não me parece suficiente para diferenciar um do outro.E enfim, se você acha que o que dá a legitimidade de uma instituição é consenso "social", dá pra notar a diferença fundamental.Para mim, legitimidade está relacionada à Coerência Lógica Formal, que é imune à opiniões."Consenso" é opinião, opinião é preferência pessoal. Houve um tempo que a preferência pessoal majoritária (consenso) era que escravidão era legítima e bela. Me desculpe, mas é difícil argumentar que em época alguma, uma instituição tem poder de legitimar escravidão, só porque era consenso.Consenso é literalmente irrelevante para julgar ações como certas ou erradas (legítimas ou ilegítimas).E legal que você conhece vários autores, e sabe mostrar que é culto :) pena que citar nome de pensadores não é argumento.
Fernanda Capácio
Engraçado que qualquer palpite hoje é base de Lei (Hoje a gente vê essa garotada viciada em videogames e videogames violentos. Só isso que fazem. Quando eu era criança e adolescente, jogava bola, soltava pipa, jogava bola de gude, hoje não vemos mais essas coisas. É isso que temos que estar preocupados) pra justificar a ausência do estado nas inúmeras esferas dessa nossa sociedade.Em nenhum momento um ignorante desses para um segundo pra pensar que muitos casos de violência envolvendo jovens se devem ao fato do cara levar uma vida de merda. Mas onde está o estado quando o jovem quer trabalho?! quando quer lazer?! quando quer saúde?! (até morre esperando atendimento) uma educação descente? (se não tiver dinheiro praticamente não tem).
Fernando Val
Se deu ao trabalho de pesquisar o monte de lixo que os representantes dos outros partidos também propuseram ou sua fé no partido que você segue o impediu de enxergar o óbvio?
Fernando Val
Foi mal se citei a igreja que você segue e ela não é um exemplo de bons pastores.
Fernando Val
Deixa quieto. Melhor não cutucar gente com ideologia no lugar dos neurônios.
Fernando Val
Ah! Não tinha entendido mesmo.
Mike Cross
Precisamente. Disciplina por dor física só gera obediência por medo ao invés de honestidade... A não ser que tu seja masoquista.Mesmo assim, muita gente crê que o respeito com base em medo é o que nos mantém focados, e foi a falta disso que fez brotar os millennials mas sei lá, pra mim isso é apenas um pretexto pra manter o status quo, o que também não é aquelas mil maravilhas.
Nopm
Ala a turma dos diferentes usando essa artigo como desculpa para xingar o PSL uahsaushsuhsXinguem o deputado que propôs isso, não o partido como um todo, isso é generalizar; aposto que se fosse o PT estavam aplaudindo.
Monitoramento Silcar
Então deveriam proibir novelas da globo, filmes, series.
Diego Medeiros
Eu to falando de um governo que foi eleito com discurso liberal e pró mercado
🧙‍♂️ Mago Erudito® ᴾᴿᴱᴹᴵᵁᴹ
Só ajudei ia eleger um senador. :(
Arthur Soares
Não é pra isso que existe a faixa etária nos jogos? Vamos proibir os filmes violentos também, nossas crianças daqui a pouco vão sair dando tiro na rua e pulando de um prédio para outro usando um carro.
Keaton
O objetivo é banir jogos do tipo no Brasil para evitar que crianças e adolescentes sejam estimulados a cometer atos de violência.Espera... esses jogos tem a classificação etária Livre, né? Pq se não é culpa dos pais que compram/permitem que os filhos joguem esses jogos. Quando acontece esse tipo de coisa, ai ao invez de assumirem a culpa, jogam a culpa nos desenvolvedores destes jogos que são desenvolvidos para maiores de 18 anos... claro, é sempre mais fácil jogar a própria culpa nos outros.
Keaton
3 coisas.1. Ainda tem todo um processo legal para se conseguir a POSSE.2. É a posse, não é porte. Porte ainda é bem restrito. Se você sair com a arma na rua, é porte. Ou seja, está cometendo crime.3. Ninguém que queira praticar o mal vai comprar arma legalizada (que é ridiculamente mais cara, dá pra rastrear, tem um monte burocracia e etc)... só sendo muito lesado pra isso.Agora... Essa porra de querer proibir/criminalizar jogo violento é de uma retardadice sem tamanho. Alias, já ouve outra dessas leis antes, quando aqueme maluco achou que o cinema era Duke Nukem (segundo a imprensa) e saiu atirando nos outros....O dia no qual esses infelizes que fazem as leis passarem a tentar entender o que aconteceu em situações como essas e não só tentar aparecer na midia com essas leis "milagrosas", eles começarão a investir em suporte emocional aos crianças e adolecentes. Aquilo ali não foi uma coisa que foi feita porque eles acharam engraçado fazer. Não foi mesmo. Deve ter tido todo um motivo que ninguém sabe agora.
Cristina Nascimento
Se surra desse jeito, as cadeias estariam vazias. Até no meu tempo, só da minha mãe olhar torto pra mim, já dava calafrio. Tem q haver respeito, educação. Um castigo tb. Deixar sem tv, sem jogo, sem brincar com os brinquedos ou com colegas. A gente combate violência e falta de educação com amor mas tb com disciplina. Não ker dizer q nunk apanhei.. apanhei e mto, pq eu não era mole. Não morri. Mas acho q não é com ignorância e pancada q se forma um cidadão.
Kaleb
O que pode ajudar se chama "cinta". Hj em dia os Pais passam demais as maos na cabeça dos filhos. Em meu tempo aprendi a virar gente apanhando, jogo games violentos e nunca fiz nenhuma merda e nem tive vontade de fazer.
Eduardo Sá
Vocês estão atrasados com a pegadinha de 1º de abril. Só pode.
DanielBastos
Ensinar os pais que eles devem fazer o que já deveriam fazer? HahabahaVc tá pedindo um milagre. Faixa etária seria o menor dos problemas.
DanielBastos
PSL é o mal. Desde Renan Calheiros, do PMDB, ministro da justiça na época queria proibir carmagedoom o PSL deveria estar por trás.Ops.. Não foi bem isso né
DanielBastos
Eu poderia concordar contigo, mas eu lembro que foi Renan Calheiros, do PMDB quem queria proibir carmagedoom. Isso entre outros casos bizarros de vários outros partidos.Aí pergunto. Seria o PSL o maior mal mesmo? Ou vc tá falando só pq é do político que vc não tem afinidade?
Dayman Novaes
É óbvio que o estado não se sustenta só pela coerção física, isso é inviável, ele tem alguns outros mecanismos de dominação psicológica (bit.ly/anatomia-do-estado). Eu imagine que você acha que essas coisas legitimam o estado porque você comentou sobre legitimidade, e citou esses processos de consenso e reprodução ideológica na mesma frase... Se te interpretei errado, o que é que dá a legitimidade ao estado?E o que é que diferencia fundamentalmente o estado de uma milícia que domina uma região da periferia?
Bruno Reis
Tentando diminnuir as babaquices da esquerda? AMBOS estão errados nas suas visões radicais! Retardado!
Dod 2019 New Era
Grande dia! Ver os bozomínions espumando por causa de um projeto de um deputado do partido do presidente não tem preço.Seria ótimo que fosse aprovado! B17 neles! Acabou a mamata!
DriRSNeves
Não tem problema ter uma arma em casa mas tem problema ter um jogo? Fundamentalistas sem noção, destruindo o país com tanta ignorância. Lunáticos.
Leco
O problema se chama pais ausentes, é a proposta mais imbecil que eu ouvi, vão proibir filmes, novelas, jornais, revistas, deveria proibir políticos também porque as crianças estão aprendendo a roubar...
Jhonatan Paiva
Se fosse do PT, o senhor estaria aplaudindo.
Jhonatan Paiva
Brasil nunca teve ditadura, e nunca vai ter.
Jhonatan Paiva
...
Jhonatan Paiva
Pode conter o choro, que esse projeto não vai passar.
Jhonatan Paiva
Bem desnecessário arrumar discussões políticas desnecessárias por aqui, mas eu vou aproveitar pra dizer: AS ELEIÇÕES JÁ PASSARAM, ENTÃO SENTA E CHORA.
Jhonatan Paiva
Já se foi comprovado, a muito tempo, que desarmar a população, não reduziu a violência, pelo contrário, só piorou as coisas.Mas não confunda as bolas, isso são situações bem diferentes.
acnet40
Se eu passar a jogar FIFA vou me transformar num Messi ou Cristiano Ronaldo ?
ZERADO
PENA DE MORTE PARA PEDÓFILOS E CRIME E HEDIONDO VOCÊS NÃO VOTABAIXAR A MAIORIDADE PENAL PARA 15 ANOS VOCÊS NÃO VOTAPL 1577/2019 VOÇES VOTA NÉ #JuniorBozzellaburrogames
Pedro
Políticos de diferentes partidos também já apresentaram propostas nesse sentido. O problema não é o partido, o problema são os políticos.
Dayman Novaes
A esperança é não existir um sistema que tenha o monopólio da violência, assim eles não vão ter escolha se não fazer um bom trabalho, como é na iniciativa privada (a verdade iniciativa privada, a que não se associa com o estado, como empresas de telefonia, por ex).
Meiksonq
estou emocionado com o showzinho de sensatez, vou dar follow no disqus
Ednei Pohkan
100% PRECONCEITO, só isso.
Drax
Pior que não :/ Mas esperança é a última que morre
Nathan
Passador de pano
William Lino De Macedo
O que mais me irrita é o fato de deputados de merdas terem que inventarem projetos fúteis para dizer no futuro o número de projetos que planejou para ganhar voto de um bando de imbecis que não vão ver quais projetos foram propostos, os sistemas de politicas atuais são patéticos! Com o projeto em si nem esquento a cabeça, pq não tem como passar sem ser barrado.
Diego Nascimento
Triste saber que pagamos o salário de um inútil desse!!!
Dayman Novaes
E tinha como ser diferente?
Dayman Novaes
Não basta chamar algo de complexo e com "algum grau de consenso" para dar legitimidade. O monopólio da violência que milícias exercem em favelas é bem complexo e também há um grau de consenso muito grande entre os moradores, dependendo da favela.A legitimidade das ações de uma instituição não emana da opinião de uma dada sociedade, pois opiniões são subjetivas (por definição). E Ações Humanas podem ser objetivamente classificadas como certas ou erradas (Ética Argumentativa de Hoppe).
🧙‍♂️ Mago Erudito® ᴾᴿᴱᴹᴵᵁᴹ
Eu poderia listar no mínimo 10 causas mais relevantes da violência do que a influência dos games, mas não vou.
Mickão
Eu não sei nem o que comentar quando vejo um parlamentar com esse nível de ignorância criar um projeto tão absurdo como esse. Sério, a hipocrisia é mais de 9.000!
🧙‍♂️ Mago Erudito® ᴾᴿᴱᴹᴵᵁᴹ
Pra mim isso se chama hipocrisia.
Gragas
todos os lados são babacas,fazer o que.
Carlin
É um grande circo mesmo, invés de investir em educação básica, tentam frear um mercado que só aumenta a sua lucratividade ano a ano, ao invés de incentivar jovens a tentarem entender e quem sabe se tornarem um desenvolvedor!Enquanto a visão for apenas vertical, nada vai adiantar, é preciso enxergar horizontalmente!
Rubens Bonfim
Tem que avisar o presidente disso, uma vez que ele é mesmo é adepto de FPS.Aliás, tem até um PS4 com PSVR.
João
Oporra, não era mais fácil implantar um controle maior na hora de vender os jogos e "ensinar" os pais que se a faixa etária do jogo é 16 não deveria deixar o filho de 11 jogar? A culpa não é dos jogos e sim dos pais poarr
Cesar R Bagatoli
Nossa, deu uns 3 loop na minha cabeça, não sei mais se vc concorda ou não com o desarmamento. Primeiro vc diz que ele me mostrou dados (de um site assim como eu mostrei de outro, ao contrário do que ele falou) dizendo que diminuiu/estancou. Depois vc afirma que voltou a crescer. Dai vc diz que armar ou desarmar não é o problema, mas diz que a solução não é armar. Confesso que o tico e o teco da minha cabeça bateram de frente e caíram mortos, mas não foi por arma de fogo viu? Mas concordo plenamente com você que educação sim é a solução, assim como atenção dos pais com seus filhos, carinho, conversas, etc. Bora lá, um dia a gente encontra o caminho, só espero que seja um caminho sem "balas perdidas".
João
Tentando aumentar a babaquice do PSL, amigo?
Kodos Otros
A única coisa de nova que estamos vendo desde 01/01/19 é o país sendo governado pelo Twitter. Essa é a nova política.
Thiago Calazans
"Nova política"Aham!
Drax
Verdade, deveriam proibir o futebol. Eu, no máximo, estraguei um botão do controle do videogame
Drax
Nenhum partido aqui no Brasil faz sentido, o Novo é o mais próximo de seguir a ideologia do partido.Todos os outros são "liberais", "trabalhadores" e etc., mas tomam atitudes completamente diferentes.A situação do PSL se agrava pq foi montado as pressas, com um amontoado de gente diferente, a fim de aproveitar a popularidade do bolsonaro e eleger muitos deputados e senadores. Os outros partidos mais antigos pelo menos mantém uma união, seja pelo bem ou pelo mal.
Victor Damázio
https://www.washingtonpost....https://en.wikipedia.org/wi...https://www.youtube.com/wat...https://www.nbcnews.com/vid...https://www.youtube.com/wat...Califórnia tá tendo muitos desses protestos violentos de esquerda, e não é só naquele estado:https://www.youtube.com/wat...Esse cara do Canadá diz ser feminista, mas chutou uma mulher por ela ser contra o aborto, é disso que eu tô falando.
Amazona
Já pensou se uns moleques desmiolados como aqueles de suzano pegam suas midias fisicas de minecraft quebram elas, se tornaram armas do mesmo jeito
Marcogro® 🤔
99% dos criminosos assassinos não tiveram acesso a joguinhos na infância, tiveram foi falta de escola, merenda e inclusão.Mas, pelo menos aqui no RJ a polícia vai poder continuar matando geral, até de helicóptero... Pra quem curte um gameplay, RJTV é o mais novo canal...
Drax
Sim, jogava bola, soltava pipa, e isso não o impediu de entrar para as forças armadas.
Drax
Isso aí. É mais fácil achar um culpado e fazer uma lei proibindo, do que combater o problema real, pois é algo que demanda tempo e investimentos.
Drax
O que mais se vê é como os políticos são preparados para exercerem suas funções. O fazem sem qualquer conhecimento e preparação, e levam em conta somente interesses e opiniões pessoais
João V. Marchese
na Califórnia do victor, as pessoas estão se matando por ideologias pessoais. alguém tem algum link sobre a calamidade publica da california?
JK
Nem deve ir pra votação.
blek
Jogos "violentos" tem faixa indicativa, Rainbow Six Siege, por exemplo, é 18 anos. Só por este detalhe esse projeto de lei já cairia por terra.
Alessandro
Olhando por esse lado será mais divertido atirar de verdadenão entre em pânico, tô de zoeira
Exibir mais comentários