Início » Aplicativos e Software » Apple anuncia iPadOS e deixa sistema do iPad mais próximo ao macOS

Apple anuncia iPadOS e deixa sistema do iPad mais próximo ao macOS

Com a mudança a Apple separa torna o iPad mais independente

André Fogaça Por

A Apple aproveitou o começo desta segunda-feira (3) para anunciar que o iOS não será mais o mesmo nome do sistema operacional para iPads, que a partir de agora será chamado de iPadOS. O novo sistema operacional traz melhorias para trabalhar com múltiplos apps, além de novos gestos para a interface.

iPadOS com widgets

iPadOS traz recursos do macOS

A divisão de iOS já existia desde o lançamento do primeiro iPad Pro, só que de forma muito mais sutil e velada. Neste tipo de iPad o usuário já encontrava recursos que não estão nos iPhones, como a dock que pode ser levantada em qualquer app e a divisão da tela para mais do que um app por vez.

A partir do iOS 13 as mudanças ficarão ainda mais visíveis e isso inclui o nome iPadOS. Uma das principais mudanças está na tela inicial, que agora pode exibir widgets o tempo todo. Não da mesma forma como faz o Android, mas em uma versão dos próprios widgets que já estavam no iOS, só que agora não mais escondidos em uma área só para eles.

Novo explorador de arquivos

Este é o recurso que é até mais importante do que os widgets. A partir do iPadOS, o aplicativo Arquivos ganha mais funções e ficará muito semelhante ao que o Finder faz nos Macs. Nele o usuário poderá alternar os modos de visualização dos arquivos para colunas e exibir uma prévia no canto direito do aparelho.

Além disso, HDs externos e pendrives podem ser abertos sem problemas nos iPads (fundamental para o iPad Pro mais recente, que tem porta USB-C), mas ainda está incerto se o Arquivos será capaz de exibir todos os tipos e formatos de arquivos, como faz qualquer sistema operacional – móvel ou não.

Safari com cara de desktop

Nesta versão do sistema operacional, o iPad fará com que as páginas não abram a versão mobile dos sites – o que acontece, mesmo em um iPad Pro de 12 polegadas e que exibe alguns endereços com visual para um iPhone. Os sites ficarão com melhor visualização e o sistema trará até mesmo um gerenciador de downloads semelhante ao que existe no Safari dos Macs, indo até para atalhos de teclado do navegador nos computadores da maçã.

Apple Pencil ficou mais responsiva

A Pencil também recebeu melhorias, com um tempo de resposta menor. Ele passou de 20 ms para 9 ms para a latência do uso. Junto disso um novo gesto foi adicionado, que é ao utilizar três dedos na tela para copiar, colar e para desfazer alguma digitação.

No iPadOS o usuário poderá abrir múltiplas janelas do mesmo app e dividir duas delas na tela – como abrir duas notas no app Notas, dividindo a tela ao meio para ver as duas ao mesmo tempo. Por fim, uma versão do Exposé do macOS está presente e exibe todas as telas e ambientes abertos e que estão em background. Ainda não é uma forma de trabalhar com janelas como em um computador, mas está mais próximo.

Quais iPads receberão o iPadOS?

O iPadOS será lançado na primavera deste ano (provavelmente em setembro), junto do iOS 13, de graça e com testes fechados para desenvolvedores a partir de hoje – o período de beta público começa no fim deste mês. Os iPads compatíveis com o iPadOS são:

  • iPad de quinta geração (2017)
  • iPad de sexta geração (2018)
  • iPad Air 2
  • iPad Air (2017)
  • iPad Air (2019)
  • iPad Pro (todos os modelos)
  • iPad Mini 4
  • iPad Mini (2019)

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Celso

Na verdade, o Chrome OS, mesmo que timidamente, já vem sendo uma iniciativa para contemplar também os tablets.
As OEMs ainda trabalham com Android nos tablets mais para manter um nicho, mas a Google mesmo já esqueceu do Android com essa finalidade há tempos.

Comentário Mil Grau℗

Ela teve que se tornar mais aberta para não ser engolida pelo Google. Foi meio que uma redenção pelo fracasso no mobile.

Max Giudice

Será que no futuro o iOS será substituído por um iPhoneOS ?

pedrowillyam

O Steve Balmer rindo do iPhone na época de lançamento, ele deve se arrepender disso até hoje. Porém acho que esse fracasso da Microsoft no mercado mobile levou a empresa a se tornar uma das mais abertas atualmente, focando em serviços universais independente da plataforma utilizada, queria muito que um dia a Apple pudesse ser assim também.

rbnamerico

Eu vejo exatamente o movimento oposto: Com o iPad ganhando recursos do MacOS e tomando corpo nos pontos onde era mais falho, aumentam as chances de futuros Macs virem também com o iPad OS, telas de toque e uma experiencia mais proxima da realidade mobile

Silvio Ney

calma rsrsrsrsrsrs

Silvio Ney

Só por curiosidade, que tablet hibrido? Tipo o Surface, que você fala?

Silvio Ney

E em conjunto disso tudo, provavelmente uma performance melhor ainda, o que nunca foi problema nos iPads

Comentário Mil Grau℗

Mto por conta de suas más escolhas e não apostar no mercado mobile quando ela era relevante msm com o Windows Mobile (sem ser esse mobile de agora, os de lá de 2006). Se tivesse ido firme estaria entre Google e Apple no mercado mobile e essa fusão seria mais "fácil".

pedrowillyam

Por mais que a Apple negue isso na atualidade, pelo andar da carruagem com o iPad ganhando um sistema com seu nome e o Mac ganhando apps do iOS eu creio que o futuro é uma convergência entre os sistemas. O que a Microsoft sempre quis porém não conseguiu fazer.

Comentário Mil Grau℗

O problema da era Windows 8 foi a versão ARM que limitava o usuário a ter apps e programas somente na Windows Store e não poder baixar programas do próprio Windows por serem feitos em x86, por isso deu aquela queimada de leve. Mas quando a M$ "consertou" com os novos Surfaces x86 ai o bicho decolou.

Comentário Mil Grau℗

É inevitável que um dia o iPad irá ter um MacOS e esses arranjos por agora só dão uma pista do que iremos esperar no futuro. Por enquanto ainda prefiro um tablet ou híbrido com Windows perante um iPad.

Filipe Espósito

Mas tem suporte para mouse, só não falaram na keynote.

Filipe Espósito

O novo sistema permite usar mouse Bluetooth no iPad!

Bruno

Essa sem dúvidas foi uma melhores atualizações para o iPad agora sim vai poder usar todo poder de processamento, creio que as vendas vão até aumentar

Exibir mais comentários