Início » Aplicativos e Software » Uber testa exibir rotas de ônibus, trem e metrô em São Paulo

Uber testa exibir rotas de ônibus, trem e metrô em São Paulo

Uber inclui rotas de transporte público no app, como uma opção ao lado do UberX, Uber Juntos e Uber Comfort

Felipe Ventura Por
06/11/2019 às 16h21

Se você está em São Paulo, talvez consiga experimentar um novo recurso que a Uber está testando: rotas de transporte público, incluindo metrô, trem e ônibus. Isso é exibido como uma opção ao lado do UberX, Uber Juntos e Uber Comfort. A funcionalidade também pode ser encontrada em Londres, Paris, San Francisco e mais cidades.

Uber Transit em São Paulo

O recurso se chama Uber Transit: quando você abre o aplicativo e escolhe um destino, surge a opção de transporte público junto aos serviços UberX, Uber Black e outros. Você poderá conferir o trajeto mais rápido, saber como ir até o ponto de ônibus ou estação de metrô, e ver em tempo real quando o ônibus vai chegar.

A chegada do Uber Transit a São Paulo foi anunciada no perfil oficial da empresa no Twitter, mas a assessoria diz ao Tecnoblog que "ainda não aconteceu o lançamento oficial, o que pode estar acontecendo são testes iniciais".

As rotas de transporte público foram inicialmente liberadas em Denver (EUA) no mês de janeiro, fornecidas pelo Moovit, e desde então se expandiram para Londres, Sydney, Chicago, Paris, Cidade do México e San Francisco. A Uber promete lançar o Transit em mais sete cidades nos próximos meses, incluindo Washington D.C., Nova York e São Paulo — nelas, o recurso ainda está em testes.

Uber Transit em São Paulo

Uber quer ser "sistema operacional do seu dia a dia"

Mas por que a Uber iria sugerir que você pegue um ônibus, se ela não ganha dinheiro com isso? É porque, ao complementar o transporte público, ela pode lucrar de outras formas: levando mais usuários até estações de metrô, por exemplo, ou firmando parcerias com prefeituras para conceder viagens subsidiadas.

Em Denver, desde que o app passou a mostrar rotas de transporte público, a Uber viu um aumento de 11,6% em viagens que começam ou terminam em uma estação. Desde maio, o app também vende passagens de trem e ônibus na cidade: a empresa não ganha comissão em cima da tarifa, mas aumenta a chance de convencer usuários a chamar um carro ou pedir delivery.

Inclusive, vale lembrar que a Uber está preparando um novo aplicativo que reúne viagens de carro e entregas do Eats: "queremos tornar a Uber o sistema operacional do seu dia a dia", disse o CEO Dara Khosrowshahi em setembro.