Início » Celular » iPhone 12 deve ter notch menor e sensor do Apple iPad Pro

iPhone 12 deve ter notch menor e sensor do Apple iPad Pro

Linha iPhone 12 pode ser dividida em quatro celulares com mudanças no visual e sensor LIDAR. Lançamento, porém, pode atrasar

Bruno Gall De Blasi Por

Quatro novos celulares da linha iPhone 12 são aguardados para 2020. É o que dizem as informações de bastidores em relação aos sucessores do iPhone 11, iPhone 11 Pro e iPhone 11 Pro Max. A Apple também deve apresentar dois novos acessórios nos próximos meses.

Apple iPhone 11 e 11 Pro Max - Review

As informações são da Bloomberg. A expectativa é de que a Apple apresente dois sucessores para o iPhone 11, ambos com câmera dupla. Já o iPhone 11 Pro e iPhone 11 Pro Max terão alterações inéditas, tanto no design quanto na fotografia.

Segundo o site especializado, a Apple pode incluir o sensor LIDAR do iPad Pro no conjunto de câmeras traseiras do iPhone 12 Pro e iPhone 12 Pro Max. O componente é responsável por analisar objetos em até cinco metros para experiências de realidade aumentada mais precisas.

Os smartphones ainda devem acompanhar o visual do iPad Pro, com corpo em metal e laterais retas, tal como era no iPhone 5, iPhone 5S e iPhone SE. O notch também deve ser menor no iPhone 12, conferindo mais espaço à tela.

Outra aposta fica pelo possível processador Apple A14 Bionic, que deve receber melhorias significativas no desempenho. O foco fica para a otimização dos recursos de inteligência artificial e realidade aumentada (AR), como a Apple vem fazendo nos últimos anos.

O Apple AirTags é mais uma novidade aguardada para os próximos meses. Espera-se, também, um novo HomePod, com metade do tamanho e design similar à geração atual.

iPhone 12 pode atrasar em 2020

Os efeitos da pandemia de COVID-19, doença causada pelo novo coronavírus, vem impactando os planos da Apple em 2020. Dessa forma, em março, a companhia decidiu cancelar o evento presencial da WWDC 2020, na sequência de outras empresas de tecnologia. A conferência está marcada para junho e será realizada pela internet.

A incerteza devido à doença pode alcançar, também, a estreia dos próximos iPhones. Mas, ainda que alguns analistas acreditem que o atraso no lançamento será de alguns meses, segundo a Bloomberg, os celulares chegarão ao mercado apenas algumas semanas além do habitual.

A Apple não comentou sobre o caso.

Com informações: Bloomberg, The Verge e 9to5Mac

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
3 usuários participando