Início » Gadgets » Samsung patenteia óculos AR com navegação curva a curva

Samsung patenteia óculos AR com navegação curva a curva

A ideia da patente da Samsung é de trazer recursos inteligentes para carros que podem não contar com tantos sensores assim

André Fogaça Por

Uma patente registrada pela Samsung na Coreia do Sul descreve um sistema de auxílio ao motorista que utiliza óculos de realidade aumentada e duas câmeras. Todo o conjunto pode ser capaz de analisar o trânsito, enquanto recebe informações de navegação curva a curva de um smartphone conectado com todo este aparato.

patente samsung oculos ar

A imagem exibe três produtos que aparentemente conversam entre si, gerando informações adicionais de um celular que está pendurado na saída de ar do sistema de ventilação forçada. O primeiro é uma câmera que está apontada para frente, no topo do para-brisa e que muito provavelmente é capaz de analisar o que o motorista está vendo, seja uma placa de trânsito, os carros que estão na frente ou até mesmo uma faixa de pedestres.

Outra câmera fica mais para baixo, apontada para o motorista e focando no rosto. Alguns modelos de carro utilizam câmeras filmando o motorista, ou sensores, para entender se a atenção da pessoa está na rua ou se o sono chegou e os olhos fecharam. Também é possível utilizar esta outra câmera para rastrear o movimento do rosto, que pode ajudar na precisão das informações exibidas no terceiro item, que é o óculos de realidade aumentada.

A ideia dos óculos está na exibição de informações sobre a rota, curva a curva, para exibir quando é o momento de trocar de faixa, subir uma rampa de acesso ou então virar para algum lado e continua no caminho. A vantagem de utilizar óculos e não uma área do para-brisas, como fazem algumas fabricantes, é que não importa para onde o motorista olhe, as informações sempre estarão no mesmo lugar e dentro do campo de visão.

Vale sempre lembrar que uma patente registrada não significa que um novo produto está chegando, já que muitas empresas registram suas ideias apenas para que outras não façam algo semelhante.

Com informações: CNET.

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
2 usuários participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Eu (@Keaton)

Já gostei da ilustração. Como algo pode dar errado se for usado daquela maneira?