Início » Carro » Tesla atinge valor recorde após promessa sobre caminhão elétrico Semi

Tesla atinge valor recorde após promessa sobre caminhão elétrico Semi

A montadora de Elon Musk indicou que vai iniciar produção em massa do Tesla Semi e passou a ser avaliada em US$ 190 bilhões

Victor Hugo Silva Por

Um memorando para os funcionários da Tesla sobre planos de começar a produzir o caminhão elétrico Semi fez a empresa atingir recorde de valor de mercado. Mesmo sem grandes detalhes de quando o veículo passará a ser produzido, o documento levou as ações a se valorizarem 9% nesta quarta-feira (10) e fez a montadora ser avaliada em US$ 190 bilhões (cerca de R$ 945 bilhões).

Tesla Semi (Foto: Divulgação/Tesla)

As ações da Tesla terminaram a terça-feira (9) cotadas em US$ 941. Um dia depois, com a divulgação do memorando pela CNBC e a confirmação de sua veracidade por Elon Musk, o valor chegou a US$ 1.025. Na mensagem para funcionários, a Tesla afirma que produzirá parte do caminhão Semi em sua fábrica de Nevada, nos Estados Unidos.

“É hora de dar tudo de si e levar o Tesla Semi à produção em volume. Até agora, a produção foi limitada, o que nos permitiu melhorar muitos aspectos do design”, afirma Musk, no documento. “A produção da bateria e do powertrain deverá ser realizada na Giga Nevada, com a maioria dos outros trabalhos acontecendo em outros estados”.

Apesar da empolgação de investidores, o Semi deve levar mais alguns meses para começar a ser entregue. A Tesla divulgou no balanço do primeiro trimestre que entregará o veículo a partir de 2021, num atraso de dois anos sobre à previsão inicial. Apresentado em novembro de 2017, o caminhão tem autonomia de 800 quilômetros em velocidade média de 100 km/h.

O valor de mercado recorde acontece em um momento em que a montadora parece ter adequado suas fábricas para aumentar a produção. Em 2019, foram 367 mil carros entregues e, para 2020, a meta é elevar o número para 500 mil. A organização refletiu na alta das ações: elas custavam “apenas” US$ 214 em 10 junho de 2019.

Tesla é a montadora mais valiosa do mundo

Ainda que os valores possam mudar rapidamente, é possível afirmar que a Tesla é a montadora mais valiosa do mundo. A empresa tem, nesta quarta-feira (10), valor superior à soma de Volkswagen (US$ 85 bilhões), GM (US$ 41 bilhões), Ford (US$ 27 bilhões) e Fiat Chrysler (US$ 19 bilhões).

A montadora é seguida de perto apenas pela Toyota, avaliada em US$ 179 bilhões. O feito se torna ainda mais impressionante ao levar em consideração que, em termos de unidades vendidas, a Tesla não se compara a essas montadoras. Enquanto a empresa de Elon Musk trabalha para chegar a 500 mil unidades, a GM, por exemplo, vendeu cerca de 7,7 milhões de carros em 2019.

Tesla Semi (Foto: Divulgação/Tesla)

Com informações: TechCrunch, CNET.

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
2 usuários participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

ochateador (@ochateador)

Será que esse caminhão consegue andar de ponta a ponta na rodovia pan-americana sem intervênção humana ?