Início » Celular » Positivo Q20 é lançado com câmera tripla e bateria de 4.000 mAh

Positivo Q20 é lançado com câmera tripla e bateria de 4.000 mAh

Novo Positivo Q20, celular "mais avançado" da marca, chega com preço promocional de R$ 899

Darlan Helder Por

A Positivo lançou, nesta sexta-feira (9), o Q20, o smartphone “mais avançado” da marca com três câmeras, 128 GB de armazenamento interno e bateria de 4.000 mAh. Para a estreia, ele tem preço promocional de R$ 899.

O Q20 foi homologado na Anatel em agosto deste ano, como mostrou o Insiraficha. No design, ele tem traseira em vidro e laterais cromadas. A tela é IPS de 6,1 polegadas e há um notch em forma de gota que abriga a câmera de selfie de 8 megapixels (usada também para o desbloqueio do aparelho via reconhecimento facial).

Ainda em câmeras, há uma lente principal de 13 megapixels, um sensor de profundidade de 2 megapixels e uma ultrawide de 5 megapixels.

Positivo Q20 (Divulgação/Positivo)

Positivo Q20 (Divulgação/Positivo)

O processador do Positivo Q20 é da Unisoc, octa-core de 1,6 GHz + 1,2 GHz, ou seja, dedicado para tarefas básicas. O armazenamento interno é de 128 GB, enquanto a memória RAM, por sua vez, é de 4 GB. Ainda acompanhando a tendência, o Q20 tem uma bateria de 4.000 mAh, que deve permitir dois dias de uso longe das tomadas.

O aparelho sai de fábrica rodando Android 10, tem entrada para fone P2 e nada de Micro USB por aqui. Felizmente, o Q20 tem USB tipo C.

Positivo Q20 (Divulgação/Positivo)

Positivo Q20 (Divulgação/Positivo)

De acordo com Cristiano Freitas, diretor de Negócios de Mobilidade da Positivo Tecnologia, “o grande diferencial do Positivo Q20 é a capacidade de armazenamento, superior a qualquer outro concorrente nessa faixa de preço, os quais costumam ter entre 32 e 64 GB”.

O Q20 estará à venda por R$ 899 no Prime Day nos dias 13 e 14 de outubro. Procurada pelo Tecnoblog, a assessoria da Positivo não confirmou o preço que estará em vigor após a promoção da Amazon.

Positivo Q20 – ficha técnica

  • Tela: 6,1 polegadas, HD+, IPS
  • Processador: Unisoc octa-core A55, 1,6 GHz + 1,2 GHz
  • RAM: 4 GB
  • Armazenamento interno: 128 GB
  • Câmera frontal: 8 megapixels
  • Câmeras traseiras:
    • Principal: 13 megapixels
    • Ultrawide: 5 megapixels
    • Profundidade: 2 megapixels
  • Bateria: 4.000 mAh
  • Conectividade: Wi-Fi, Bluetooth 4.2
  • Android: 10
  • Cores: Midnight Blue e Pearl White.
  • Mais: leitor de impressões digitais e reconhecimento facial

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
11 usuários participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

@RODRIGO

De fato, o celular com 128GB mais barato do mercado nacional (posso estar enganado ou exagerado) — até mesmo contra o Philco Hit Max! Preço agressivo!! Meus parabéns, Positivo! Poderia ter Bluetooth 5.0, Wi-Fi 5 (ac) e NFC, mas… está bom!

Eu (@Keaton)

O processador do Positivo Q20 é da Unisoc, octa-core de 1,6 GHz + 1,2 GHz, ou seja, dedicado para tarefas básicas.

O Q20 estará à venda por R$ 899 no Prime Day nos dias 13 e 14 de outubro.

Sério? Sério mesmo? Smartphone LOWEND por 900 reais? Poxa vida, o pessoal com menos grana que se exploda, pelo jeito… Eu aposto que esses 128GB terão uma velocidade de escrita/leitura bem baixa… capando ainda mais o desempenho do aparelho. To esperando uma resenha para ver o quão terrivel é esse aparelho. :\

Poxa, sério que nenhuma empresa quer lançar algo minimamente decente por 700-800?

Douglas Knevitz (@Douglas_Knevitz)

Mas esses aparelhos de 99, custam lá fora 160/200 dólares. E chegam aqui por valores absurdos.

Matheus Motta (@Matheus_Motta)

Bom preço pro cenário atual, onde Motorola e Samsung querem vender um igual (ou pior) por mais de mil 1400 reais

Júlio César (@Potrinho)

Acho difícil por conta do cenário atual. Levando em conta que esse preço é de lançamento, até que achei bom.

² (@centauro)

128GB de armazenamento e 4GB de RAM por R$900 é difícil encontrar por aqui.

Agora, SoC “dedicado para tarefas básicas” me soa tão estranho.
O processador foi projetado pra conseguir realizar “tarefas básicas” muito bem?
Ou foi projetado para conseguir realizar apenas “tarefas básicas”?
E o que raios é considerado “tarefas básicas” hoje em dia?
Usar app de banco me parece uma tarefa bem básica hoje em dia, mas dependendo do app, você provavelmente vai precisar de um processador meio parrudo pra conseguir ter uma experiência minimamente agradável. =P

Eu (@Keaton)

Mas nem estou falando de um Snapdragon 8xx, me referia à algo como um 632 (já mais antiguinho, mas que ainda faz um bom trabalho. melhor que esses Unisocs da vida) com 4GB de RAM e 64GB flash de boa velocidade.

Só ficaria um preço decente se fosse uns 300 reais a menos, que eu realmente espero que caia… porque se Helios P25 à 1000 reais já é deprimente… imagina Unisoc. hahaha

@Banana_Phone

Esse seria um ótimo aparelho para a minha mãe, que praticamente só usa WhatsApp e Facebook e reclama sempre que a memória está cheia, pois o celular dela tem 32gb cheio de vídeos do WhatsApp.

Yusuke Urameshi (@Yusuke_Urameshi)

O preço que você quer não existe. Para a situação atual está um preço normal. Só importando para conseguir coisa melhor.

Eu (@Keaton)

Pois é, só que o “preço normal” acaba com a inclusão digital do pessoal mais pobre, coisa que acontecia fácil e eu achava super bacana. :\

André Noia (@Andre_Noia)

É a necessidade de 90% das mães e avós hj em dia.

Yusuke Urameshi (@Yusuke_Urameshi)

Para pessoas que não jogam e não ligam para câmera até que é uma boa alternativa.