Quando você paga quase US$ 10 bilhões por um produto ou serviço, o mínimo que os acionistas esperam é a reversão desse investimento em dividendos para a empresa. E, embora os órgãos reguladores americanos ainda não tenham dado o OK para a compra do Skype, a Microsoft já sabe onde quer colocar o serviço: no Office, sua suíte de produtividade.

O presidente da divisão de negócios corporativos da MS conversou com o Seattle Times e respondeu uma das principais dúvidas de quem acompanha os recentes passos da companhia: o que ela vai fazer com o Skype? Ora, vai integrar ao Office 365, a solução de produtividade baseada na nuvem que a Microsoft lançou recentemente — e que não está disponível no mercado brasileiro.

Lync em funcionamento (imagem: divulgação)

Entre os recursos do Office 365 está o Lync, um comunicador instantâneo corporativo. Diz DelBene, o executivo em questão: “A possibilidade de conectar usuários do Lync aos usuários do Skype é uma grande oportunidade para nós”. É mesmo!

Pouco a pouco, a Microsoft poderia substituir o Lync pelo Skype, para oferecer ainda mais recursos aos usuários em um único aplicativo. Talvez até mesmo integrá-lo diretamente aos menus do Office/Office 365.

Não tenho dúvidas de que o Skype integrado ao Office e possivelmente aos serviços online da Microsoft seria uma mão na roda para usuários. E você, o que pensa sobre isso? Tenho certeza que esse pode ser o pior pesadelo para alguns leitores.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Gabriel
"Entre os recursos do Office 365 está o Lync, um comunicador instantâneo corporativo. Diz DelBene, o executivo em questão: “A possibilidade de conectar usuários do Lync aos usuários do Skype é uma grande oportunidade para nós”. É mesmo! Pouco a pouco, a Microsoft PODERIA SUBSTITUIR o Lync pelo Skype, para oferecer ainda mais recursos aos usuários em um único aplicativo. Talvez até mesmo integrá-lo diretamente aos menus do Office/Office 365." Se ocorrer substituição, possível que fique restrito à compra do Office, sim. Também percebi que poderá continuar gratuito e ser apenas integrado ao Office, mas a primeira alternativa me assusta um pouco.
@bestknighter
Viajou? Eles não vão vender o Skype como sendo parte do office não! Ele só vão integrá-los. Você vai poder muito bem ter o Skype de graça no seu PC, se depender só disso. Pelo menos foi o que entendi do texto...
Gabriel
Pra um usuário comum que pirateia, parece não fazer diferença, mas eu senti uma brutal diferença ao utilizar um computador só com Windows e Office originais e o mesmo computador, depois de formatado, com os piratas. A estabilidade cai muito. (Isso é apenas uma observação pessoal, testem por conta em risco.)
Tio Z
Não defendendo, mas que diabos de office pirata você testou? Em todo caso, espero que o Skype seja integrado mas não ADICIONADO ao pacote Office, isso sim seria um tiro no pé com uma .50 anti-blindagem. Ficamos na esperança que seja mais algo como a integração com browsers e sistemas de instant messaging.
Gabriel
Esse plano de colocar o Skype integrado ao office será um ótima solução para as empresa na realização de videoconferências ao mesmo tempo integrando o Power Point inserindo gráficos e muitos outros recursos,já para os usuários na minha opinião não teria muita vantagem.
Gabriel
"Não tenho dúvidas de que o Skype integrado ao Office e possivelmente aos serviços online da Microsoft seria uma mão na roda para usuários. E você, o que pensa sobre isso? Tenho certeza que esse pode ser o pior pesadelo para alguns leitores." Quer dizer que terei de comprar o Office para utilizar um serviço que antes era gratuito? Eu uso LibreOffice (e sofro bullying por isso /trollface), não vou pagar pelo Office nem mesmo por causa do Skype. Nem vou usar Office pirata, lento, cheio de bugs e modificado por algum ser humano obscuro nesses blogs duvidosos que existem por aí (a lentidão e os bugs surgem justamente por conta das modificações de pirataria, antes que me chamem de troll). É, adeus Skype... Foi bom enquanto durou. =( Agora, analisando pela ótica empresarial, será uma solução fantástica, sem dúvidas.
Caio Furtado
Ao meu ver, eles estão kibando (e melhorando ao mesmo tempo) as apresentações ao vivo do Google Docs, onde outras pessoas podem acompanhar suas apresentações e tal, e estão dando um novo sentido a videoconferência, acrescentando o PowerPoint, etc.
Thiago Sabaia
Depois dessa compra,não duvido de nada.