Arquivo Telecomunicações

Anatel vai apurar rompimento de fibra e garante: usuários serão ressarcidos

Rafael Silva
Por

As melhores ofertas,
sem rabo preso

A tarde de ontem foi conturbada para quem vive no sul do Brasil e gosta de acessar a internet ou fazer ligações no celular: um triplo rompimento de fibra óptica afetou usuários das operadoras TIM, GVT e Vivo nos três estados da região. Pouco depois das 20h do mesmo dia a Anatel emitiu uma nota com mais detalhes do rompimento e o que pretende fazer sobre ele.

Segundo informações da agência, a queda dos serviços começou às 13h e só começaram a voltar ao normal por volta das 16:30. As redes das seguintes operadoras foram afetadas: Vivo/Telefônica, NET, GVT/Geodex, Tim, Intelig, Oi, Eletronet, Global Crossing/Level 3, Claro e Embratel. O problema aconteceu na altura do quilômetro 66 da BR-116, entre as cidades de Quatro Barras e Campina Grande do Sul no Paraná.

Quilômetro 66 da BR 116: tem uma fibra rompida por aí.

Normalmente um rompimento de fibra óptica é um dos fatores que não são controlados pelas operadoras e por isso é amplamente usado como desculpa por todas elas quando a internet não está funcionando. Ainda assim, a Anatel afirma que “os usuários prejudicados serão ressarcidos pelo tempo em que foram privados dos serviços nos termos da regulamentação” e também diz que abrirá um procedimento administrativo para apurar as responsabilidades, além de aplicar sanções cabíveis.

Para aqueles usuários que ainda tiverem alguma dúvida, a agência recomenda que você bata um papo com os representantes dela por meio dos vários canais de atendimento disponíveis.

Rafael Silva

Rafael Silva tem 27 anos, estudou Tecnologia de Redes de Computadores e mora em São Paulo. Tem uma queda pela Apple na área de dispositivos móveis, mas sempre usou Windows em todos os seus notebooks e desktops. Vez ou outra fala alguma coisa interessante no Twitter: @rafacst. [Envie um email]

Mais Populares

Responde

Relacionados

Em destaque