Windows 8 virá com opção de downgrade para Vista ou 7

Thássius Veloso
Por

Compradores de máquinas com o Windows 8 devidamente instalado terão a opção de fazer o downgrade para o Windows Vista ou Windows 7, de acordo com informações levantadas pelo site da PC World. Para tanto há um pré-requisito: que seja o Windows 8 no sabor Pro, voltado para profissionais liberais e empresas. Tentamos contato com a Microsoft Brasil, mas a companhia preferiu não comentar sobre o assunto no momento.

O Windows 8 chega às lojas em 26 de outubro (junto com o tablet Surface). O acordo entre a Microsoft e o OEM (sigla que designa o fabricante do equipamento, geralmente a companhia que empresta sua marca e oferece o atendimento pós-venda) inclui uma cláusula que garante o downgrade para uma versão anterior do sistema operacional. Esse mecanismo já existia no Windows 7 Professional e se mantém na próxima geração do Windows.

Assistente de instalação continua o mesmo

Não temos a confirmação se o Windows 7 Professional vendido atualmente no Brasil oferece o downgrade para sistemas OEM. Questionada pelo Tecnoblog, a Microsoft do Brasil disse que não tem informação “para dividir nesse momento”, ainda que seja sobre um produto à venda. Uma página no site da companhia, indicada pelo leitor Brunno Leonardo (@), mostra os requisitos e as recomendações para que um consumidor migre do Windows 7 (dependendo da edição) para o Windows Vista ou Windows XP.

Esquema de downgrade para Windows 7 (OEM) comprado no Brasil

Até onde se sabe, a licença do sabor profissional do Windows 8 prevê o downgrade somente para as duas versões imediatamente anteriores. Nada de Windows XP, o sistema operacional mais usado do mundo até presente recente, segundo dados da firma NetApplications. Hoje em dia o Windows 7 figura como SO mais utilizado.

A Microsoft adota uma nova pegada com o próximo sistema. Mais amigável, com design diferenciado e uma controversa tela inicial que vem dando o que falar. O Paulo Higa publicou neste site a análise do Windows 8 em RTM, build liberada para os fabricantes. Depois ele também mostrou como trazer o menu Iniciar velho de guerra de volta ao sistema. É o mínimo para torná-lo agradável ao uso novamente. Eu considero seriamente permanecer no Windows 7.

Atualização às 15h12.

Relacionados

Relacionados