A área de comentários dos vídeos do YouTube não é exatamente conhecida por ser um local onde pessoas costumam publicar questões importantes para a sociedade e gerar discussões de alto nível intelectual, mas o Google está tentando melhorar a situação. O YouTube finalmente anunciou hoje um novo sistema de comentários que deverá privilegiar comentários relevantes, ou pelo menos é o que esperamos.

O novo sistema de comentários do YouTube será baseado no Google+. Comentários feitos pelo criador do vídeo, personalidades importantes e pessoas em seu círculo de amizades do Google+ aparecerão no topo. Discussões com bastante engajamento também serão destacadas. Além disso, comentários públicos feitos no Google+ sobre um vídeo também passarão a ser exibidos no YouTube.

youtube-comentarios

Como os comentários do YouTube serão enviados pelo Google+, você também poderá comentar de maneira particular, assim, será possível compartilhar a sua opinião sobre um determinado vídeo somente para seus amigos e seguidores do Google+, por exemplo. E sem trolls do YouTube enchendo o saco, claro.

Respostas a um comentário automaticamente são exibidas como conversas, então será possível acompanhar uma discussão mais facilmente. Hoje é necessário clicar repetidamente em links para descobrir quem está respondendo para quem, o que nem de longe é uma solução prática.

Mas talvez a parte mais legal sejam as novas ferramentas de moderação. Você poderá bloquear usuários, mas o YouTube não avisará o usuário sobre o bloqueio: o comentário ainda poderá ser visto por ele se estiver logado. A ideia do Google é evitar que usuários banidos criem contas falsas só para gerar confusão. Também há um campo onde é possível inserir uma lista de palavras proibidas: comentários com esses termos serão enviados para moderação (o que pode significar menos racismo, homofobia e xingamentos nos comentários).

youtube-comentarios-ferramentas

As novas configurações de comentários terão uma lista de “usuários aprovados”. Atualmente, o dono do vídeo pode deixar os comentários de três maneiras: ativados, desativados ou com aprovação manual (eles precisam ser autorizados antes de entrar no ar). Se o usuário estiver na lista de aprovados, o comentário passará direto pelo filtro, poupando trabalho.

O novo sistema de comentários baseado no Google+ começará a aparecer nesta semana na aba Discussão nos canais do YouTube. O Google promete disponibilizar o novo sistema em todos os vídeos até o fim do ano.

Amém.

Receba mais notícias do Tecnoblog na sua caixa de entrada

* ao se inscrever você aceita a nossa política de privacidade
Newsletter
Paulo Higa

Paulo Higa

Editor-executivo

Paulo Higa é jornalista com MBA em Gestão pela FGV e uma década de experiência na cobertura de tecnologia. Trabalha no Tecnoblog desde 2012, viajou para mais de 10 países para acompanhar eventos da indústria e já publicou 400 reviews de celulares, TVs e computadores. É coapresentador do Tecnocast e usa a desculpa de ser maratonista para testar wearables que ainda nem chegaram ao Brasil.

Relacionados