WhatsApp Business começa a ser liberado para mais usuários no iPhone

O WhatsApp Business foi liberado apenas na App Store do México, mas deve chegar a mais países em breve

Victor Hugo Silva
Por
• Atualizado há 2 anos
WhatsApp Business

O WhatsApp Business, voltado para a comunicação entre empresas e clientes, finalmente ganhou uma versão estável no iOS. A alternativa comercial do mensageiro foi liberada para usuários da App Store mexicana e deve chegar para mais países em breve.

Até então, o WhatsApp Business para iOS estava disponível apenas via TestFlight, programa de testes do sistema da Apple. A versão beta foi liberada em fevereiro deste ano com vagas bem limitadas e, agora, o aplicativo começa a ser oferecido para um público maior.

A demora para o mensageiro ser liberado aos usuários de iPhone chama a atenção. Ele foi lançado para Android em janeiro de 2018 e, nesse intervalo, não houve qualquer informação sobre quando ele seria oferecido no iOS.

Ao ser liberado para iOS, o WhatsApp Business permite que mais empresas aproveitem suas soluções para se aproximarem de clientes. É possível enviar mensagens automáticas para enviar, por exemplo, saudações para novos consumidores ou avisos sobre o fim do horário de expediente.

O aplicativo também ajuda a economizar tempo por meio de atalhos para mensagens que costumam ser enviadas com frequência. Além disso, as empresas podem criar uma espécie de perfil que reúne dados como telefones, endereço e site.

Ainda não há informações sobre quando o WhatsApp Business para iOS chegará ao Brasil.

Com informações: WABetaInfo.

Receba mais notícias do Tecnoblog na sua caixa de entrada

* ao se inscrever você aceita a nossa política de privacidade
Newsletter
Victor Hugo Silva

Victor Hugo Silva

Autor

Victor Hugo Silva é formado em jornalismo, mas começou sua carreira em tecnologia como desenvolvedor front-end, fazendo programação de sites institucionais. Neste escopo, adquiriu conhecimento em HTML, CSS, PHP e MySQL. Como repórter, tem passagem pelo iG e pelo G1, o portal de notícias da Globo. No Tecnoblog, foi redator, escrevendo sobre eletrônicos, redes sociais e negócios, entre 2018 e 2021.

Relacionados