Galaxy Note 10 não deve ter entrada para fone nem botões físicos

Samsung deve lançar Galaxy Note 10 em dois tamanhos de tela diferentes, cada um com modelos 4G e 5G

Felipe Ventura
Por

Com o Galaxy S10 vendendo bem e o Galaxy Fold sofrendo atrasos, é hora de falar sobre o Galaxy Note 10: mais fontes corroboram que o celular grandão da Samsung virá sem entrada para fone de ouvido e até mesmo sem botões físicos. Ele deve ser lançado em dois tamanhos de tela diferentes — 6,28 e 6,75 polegadas — cada um com seus respectivos modelos 4G e 5G.

Uma fonte diz ao Android Police que o Galaxy Note 10 não terá conector de 3,5 mm para fone de ouvido; além disso, os botões externos — liga/desliga, volume, Bixby — serão substituídos por áreas capacitivas ou sensíveis à pressão ao longo da borda, demarcadas por relevo e textura diferentes.

O site coreano ETNews adiantou no ano passado que a Samsung poderia remover a entrada para fone no Galaxy Note 10. O mesmo veículo disse em março que o aparelho viria sem botões físicos.

Samsung já lançou celulares sem entrada para fone

Vale lembrar que a Samsung já anunciou vários celulares sem entrada para fone: é o caso do dobrável Galaxy Fold, Galaxy A60, Galaxy A80 e Galaxy A8s; o tablet Galaxy Tab S5e também vem sem o conector. No entanto, essa seria a primeira vez que isso chegaria aos modelos high-end.

E quanto aos botões sensíveis ao toque? Bem, a HTC tentou fazer isso com o U12+ e não deu muito certo, pelo menos inicialmente: os controles de volume e liga/desliga “não eram confiáveis, tinham níveis de sensibilidade muito variáveis, e era propensos a toques fantasma que, em casos extremos, causavam um reset no celular”, segundo o Android Central.

A HTC acabou corrigindo isso com uma atualização de software, mas já era tarde: a imagem do U12+ já estava manchada. Ele foi um dos últimos celulares lançados pela empresa depois que ela vendeu parte de sua divisão mobile para o Google.

Note 10 e Note 10 Pro devem ter 5G e carregamento rápido

Os detalhes sobre o Galaxy Note 10 vêm pingando aos poucos nos últimos meses, vindos do SamMobile, da mídia coreana e de agências de homologação. Acredita-se que o aparelho virá em quatro versões diferentes:

  • SM-N970: Galaxy Note 10 com tela de 6,28 polegadas e bateria de 3.400 mAh
  • SM-N971: Galaxy Note 10 com 5G, tela de 6,28 polegadas e bateria de 4.300 mAh
  • SM-N975: Galaxy Note 10 Pro com tela de 6,75 polegadas, bateria de 4.500 mAh e quatro câmeras na traseira
  • SM-N976: Galaxy Note 10 Pro com 5G, tela de 6,75 polegadas e quatro câmeras na traseira

Segundo a Forbes, o Galaxy Note 10 terá carregamento rápido superior a 25 W. “Você deveria estar pensando maior… espere ser agradavelmente surpreendido e não ficar desapontado quando as especificações forem divulgadas publicamente”, diz a fonte.

O Huawei P30 Pro tem carregador de 40 W, enquanto o dobrável Mate X chega a 55 W. A Xiaomi prepara uma tecnologia de carregamento de 100 W para celulares. E esta semana, a Samsung anunciou chips para carregamento seguro de 100 W via USB-C.

De acordo com o SamMobile, o Galaxy Note 10 (SM-N970) será lançado nas cores preto, prata, branco e rosa, além de um modelo vermelho para alguns países. Por sua vez, o Galaxy Note 10 Pro (SM-N975) viria em prata, preto e branco.

O Galaxy Note 10 e Note 10 Pro devem ser anunciados oficialmente em agosto.

Relacionados

Relacionados