Windows 10 vai perder sincronização da Linha do Tempo em julho

A ferramenta local para a Linha do Tempo ainda continuará presente no Windows 10, mas a Microsoft não disse por quanto tempo

André Fogaça
Por
• Atualizado há 2 anos
Linha do Tempo no Windows 10 (Imagem: reprodução)
Linha do Tempo no Windows 10 (Imagem: reprodução)

Uma nova documentação dentro da página de suporte para o Windows 10 aponta que a sincronização da Linha do Tempo neste sistema operacional não funcionará a partir de julho deste ano. Com a mudança, o usuário somente poderá ver seu histórico de atividade na máquina onde ele aconteceu.

Desde abril de 2018, com a atualização Fall Creators, os usuários do Windows 10 podem usar o atalho com a tecla Windows + Tab para abrir uma linha do tempo que ocupa toda a interface do sistema operacional, exibindo o que foi feito até algum momento no passado recente, permitindo a retomada de tarefas em apps e serviços de forma rápida. Este histórico também exibe informações registradas em outros computadores com a mesma conta da Microsoft.

A ideia é dar ao usuário a possibilidade de começar a produzir um texto em um computador e continuar exatamente de onde parou quando mudar para um dispositivo diferente, tornando uma experiência única em dois produtos separados fisicamente, indo além e permitindo continuar o uso de apps e até mesmo arquivos.

Este cenário mudará para todos a partir de julho deste ano, quando a Microsoft colocará em prática uma limitação da Linha do Tempo já em testes desde abril deste ano. Na build divulgada apenas para usuários do programa Insider Preview, este histórico não exibe a atividade registrada em outro computador. Ela passa a ser apenas local.

“A partir de julho de 2021, se você tiver seu histórico de atividades sincronizado em seus dispositivos por meio de sua conta da Microsoft (MSA), você não terá mais a opção de carregar novas atividades na Linha do Tempo. Você ainda poderá usar Timeline e ver seu histórico de atividades (informações sobre aplicativos, sites e arquivos recentes) em seu dispositivo local. As contas conectadas ao AAD não serão impactadas”, diz a Microsoft em nota publicada na página de suporte.

Office + OneDrive ajuda quem depende da Linha do Tempo

A remoção de parte da sincronia dentro da Linha do Tempo para o Windows 10 já aconteceu no aplicativo para Android no ano passado. Se você ainda assim precisa de alguma mão para continuar o trabalho de um computador em outro, o recomendado é utilizar o histórico de navegação de browsers como o Edge ou Chrome, junto do OneDrive e o Office. Este segundo pode ser vinculado com a nuvem dentro dos aplicativos para a web – é assim que eu utilizo.

A Microsoft afirma que a Linha do Tempo continuará presente no Windows 10, mas não disse por quanto tempo.

Com informações: Windows Latest.

Receba mais notícias do Tecnoblog na sua caixa de entrada

* ao se inscrever você aceita a nossa política de privacidade
Newsletter
André Fogaça

André Fogaça

Ex-autor

André Fogaça é jornalista e escreve sobre tecnologia há mais de uma década. Cobriu grandes eventos nacionais e internacionais neste período, como CES, Computex, MWC e WWDC. Foi autor no Tecnoblog entre 2018 e 2021, e editor do Meio Bit, além de colecionar passagens por outros veículos especializados.

Relacionados