Python ganha três novas versões em 2022 que “foram amaldiçoadas”

As versões 3.10.2, 3.9.10 e 3.11.0a4 do Python foram anunciadas ao mesmo tempo, mas não sem antes enfrentarem alguns problemas

Emerson Alecrim
Por

2022 começou com a Python Software Foundation (PSF) lançando, em uma só tacada, três versões da linguagem de programação Python. Mas isso não é efeito de um pico de produtividade ou algo do tipo. Alguns problemas afetaram o plano original de lançamento e, para piorar, as três novas versões chegaram sem instaladores para o Windows. “Todas foram amaldiçoadas de alguma forma”, brinca a nota oficial.

Livro sobre Python (imagem: Mike McCune/Flickr)
Livro sobre Python (imagem: Mike McCune/Flickr)

As três versões receberam as numerações 3.10.2, 3.9.10 e 3.11.0a4. Como parte da série 3.10.x, a primeira traz os recursos mais recentes do Python. Já a série 3.9.x traz recursos legados, enquanto a 3.11.x corresponde a versões previews, com recursos a serem adicionados oficialmente em etapas futuras.

O que houve de errado?

Para começar, o Python 3.10.2 teve que ser lançado com certa urgência por conta de uma falha na versão anterior que pode causar vazamento de memória. Além disso, a nova versão traz correções para outros 100 bugs, aproximadamente.

A falha de vazamento de memória foi considerada tão importante que a PSF decidiu disponibilizar o Python 3.10.2 em 14 de janeiro, mesmo não sendo possível, na ocasião, liberar instaladores para Windows.

Essa limitação, que também afetou as outras duas versões, foi causada por uma dificuldade de renovação de certificado. Aparentemente, o problema foi solucionado no início desta semana, pois as páginas de download das versões em questão já incluem os arquivos para Windows, tanto para 32 bits quanto para 64 bits.

Já o Python 3.9.10 traz mais de 130 mudanças em relação ao Python 3.9.9. Trata-se de uma versão que deu mais trabalho do que o esperado, portanto. Por sua vez, o Python 3.11.0a4, que consiste na quarta versão alpha (de sete previstas) do Python 3.11, apresentou quase 20 inconsistências que impediam a sua disponibilização (já resolvidas).

Por causa disso, Pablo Galindo Salgado e Lukasz Langa, os desenvolvedores responsáveis, “desabafaram” no blog do Python: “os lançamentos que você está vendo foram todos amaldiçoados de alguma forma. Que maneira de começar 2022! (…) Esperamos que 2022 não seja um ano todo intenso”.

Se nada fugir do planejado, a próxima versão estável do Python, a 3.10.3, será lançada em 4 de abril. Por ora, para quem utiliza o Python 3.10.1, a atualização para a versão 3.10.2 é extremamente recomendada.

Com informações: ZDNet.

Relacionados

Relacionados