Notícias Jogos

Pokémon Scarlet e Violet terão multiplayer em mundo aberto pela primeira vez

Função inédita nos jogos de Pokémon, multiplayer simultâneo permite explorar a região de Scarlet e Violet em até quatro pessoas; jogos chegam em novembro de 2022 para Switch

Murilo Tunholi
Por

As melhores ofertas,
sem rabo preso

Pokémon Scarlet e Violet receberam seu segundo trailer, nesta quarta-feira (1º), com uma grande novidade: será possível explorar o mundo aberto em multiplayer simultâneo para até quatro pessoas. Além disso, o vídeo revelou monstrinhos e personagens inéditos, incluindo os lendários que ilustram as capas de cada jogo, assim como a data de lançamento para Nintendo Switch.

Pokémon Scarlet e Violet vão permitir exploração do mundo aberto em até quatro pessoas (Imagem: Divulgação/Nintendo)
Pokémon Scarlet e Violet vão permitir exploração do mundo aberto em até quatro pessoas (Imagem: Divulgação/Nintendo)

Ainda sem nome oficial, a região de Pokémon Scarlet e Violet será aberta para explorar, assim como acontece em Pokémon Legends: Arceus. A diferença é que os jogadores poderão convidar até três amigos para se aventurarem juntos em tempo real.

Inclusive, será possível trocar monstrinhos e batalhar a qualquer momento por meio do multiplayer simultâneo. Os jogadores conectados na mesma sessão ainda poderão capturar seus próprios Pokémon, mesmo que as demais pessoas estejam ocupadas em atividades diferentes.

Entre as outras novidades mostradas no trailer estão os Pokémon inéditos. Foram revelados os nomes e visuais de três monstrinhos que devem aparecer nas primeiras rotas do jogo, além dos lendários Koraidon e Miraidon, que ilustram as capas de Pokémon Scarlet e Violet, respectivamente.

Pawmi é um Pokémon rato elétrico que libera eletricidade pelas patas dianteiras, após esfregar suas bochechas. Já Lechonk é um porquinho do tipo Normal capaz de farejar as ervas e frutas da maior qualidade possível. Por fim, Smoliv, do tipo Grama, tem visual inspirado em uma azeitona e pode disparar óleo nos adversários para deixá-los lentos.

Pawmi, Lechonk e Smoliv são os novos Pokémon de Scarlet e Violet (Imagem: Divulgação/Nintendo)

Durante a aventura, os jogadores vão receber orientações de dois professores diferentes, dependendo da versão escolhida. Em Pokémon Scarlet, a professora Sada será a guia da região. Enquanto isso, em Pokémon Violet, o professor Turo irá compartilhar seu conhecimento com os treinadores.

Com lançamento marcado para 18 de novembro deste ano, Pokémon Scarlet e Violet chegam como exclusivos para o Nintendo Switch. A pré-venda das versões digitais já está disponível na eShop do console.

Assista, a seguir, ao trailer completo:

Junichi Masuda, diretor de Pokémon, deixa Game Freak

Hoje, a Pokémon Company também divulgou que Junichi Masuda — diretor dos jogos de Pokémon há mais de 20 anos — deixou a Game Freak. Masuda foi um dos cofundadores da empresa e esteve à frente de quase todos os principais títulos da franquia, desde Ruby e Sapphire, lançados em 2002.

Agora, Masuda assume o cargo de chefe criativo na própria Pokémon Company. Ele deixa de cuidar exclusivamente dos videogames para supervisionar outros segmentos da franquia, podendo incluir desde animações, filmes, parques temáticos, entre outros. Em comunicado, o ex-diretor comentou:

“Atuei como diretor da franquia Pokémon, começando em Pokemon Ruby e Sapphire até Pokemon X e Y, e estive envolvido na produção de muitos jogos, incluindo Pokemon GO. Gostaria de expressar meus sinceros agradecimentos a todos os fãs de Pokémon. No futuro, espero transcender os limites dos videogames, tentando oferecer surpresas maiores, diversão e emoção a todo o mundo, enquanto faço o meu melhor para conectar as pessoas, expandir o círculo dos jogos e ajudar a criar um mundo mais rico para compartilharmos. Agradeço o apoio contínuo de vocês em minha nova função”.

Junichi Masuda.

Com informações: Destructoid

Murilo Tunholi

Ex-autor

Jornalista, atua como repórter de videogames e tecnologia desde 2018. Tem experiência em analisar jogos e hardware, assim como em cobrir eventos e torneios de esports. Antes do Tecnoblog, passou pela Editora Globo (TechTudo) e Mosaico (Buscapé/Zoom). É apaixonado por gastronomia, informática, música e Pokémon. Já cursou Química, mas pendurou o jaleco para realizar o sonho de trabalhar com games.

Mais Populares

Responde

Relacionados

Em destaque