Galaxy S7 e S8 recebem atualização surpresa da Samsung

Atualização de sistema tem entre 31 MB e 420 MB; o patch não afeta nada no quesito segurança para nenhum dos celulares

Ricardo Syozi
Por
Samsung Galaxy S8 (Imagem: Tecnoblog)
Samsung Galaxy S8 (Imagem: Tecnoblog)

Smartphones com uma certa idade não costumam receber atualizações de firmware por parte das empresas. Normalmente, aparelhos com mais de cinco anos tendem a ser colocados de lado para dar espaço às novidades das marcas. No entanto, o Galaxy S7, S7 Edge e S8 da Samsung acabaram de ganhar updates. Sim, do nada. Mas será que isso traz algo interessante para os celulares? A resposta é: nem tanto.

Para o S7 e S7 Edge, a atualização pesa 31 MB e os coloca na versão G93*FXXU8EVG3. Já no caso do S8, a versão do firmware fica na G95*FXXUCDVG4, com 420 MB no total. Vale destacar que nada disso toca em qualquer nível de segurança dos sistemas. A novidade, por outro lado, afeta unicamente o GPS do aparelho, o atualizando e melhorando sua estabilidade.

Lançados entre 2015 e 2017, os smartphones Samsung Galaxy S7, S7 Edge e S8 já não são mais os queridinhos dos fãs de gadgets há bastante tempo. Atualizações de firmware não são aguardadas para eles, contudo, não é algo para descartar totalmente.

O update foi liberado na última sexta-feira (19), pegando muitos usuários de surpresa. É verdade que isso não é lá muito empolgante, mas se a Samsung o disponibilizou, então é algo importante, sem dúvida.

Mais atualizações deverão chegar

Foram descobertas outras informações nos servidores de firmware da Samsung, elas sugerem que atualizações similares devem surgir para outros aparelhos. O Galaxy S9 é um deles, mas celulares mais antigos como o S6 e o Galaxy J7 também são mencionados.

Seja como for, a sul-coreana não é novata no que se refere a dar uma força para gadgets que já saíram de linha. Em dezembro de 2021, por exemplo, a companhia liberou updates para o S8 e S8+. Eles trouxeram correções de segurança e de vulnerabilidade, segundo a empresa.

Com tudo isso em mente, faz sentido imaginar que smartphones de cinco anos atrás ou mais poderão continuar sendo usados pelas pessoas.

Com informações: Android Police.,

Receba mais notícias do Tecnoblog na sua caixa de entrada

* ao se inscrever você aceita a nossa política de privacidade
Newsletter
Ricardo Syozi

Ricardo Syozi

Repórter

Ricardo Syozi é jornalista apaixonado por tecnologia e especializado em games atuais e retrôs. Já escreveu para veículos como Nintendo World, WarpZone, MSN Jogos, Editora Europa e VGDB. Possui ampla experiência na cobertura de eventos, entrevistas, análises e produção de conteúdos no geral. Entrou para o Tecnoblog em 2021.

Relacionados