Sim, a Apple vai lançar um iPhone com USB-C mesmo que seja contra a vontade dela

Executivo da empresa confirmou a informação, mas criticou a UE por causa da exigência; dispositivo com carregamento padrão poderá ser lançado já em 2023

Yan Avelino
Por

Agora é oficial: a Apple vai cumprir a lei da União Europeia que obriga os dispositivos eletrônicos a terem um padrão de carregamento comum, o USB-C. A confirmação foi dada por Greg Joswiak, vice-presidente sênior de marketing mundial da empresa, em entrevista ao The Wall Street Journal nesta terça-feira (25).

Lightning no iPhone 12 Mini e iPhone XR (imagem: Emerson Alecrim/Tecnoblog)
Lightning no iPhone 12 Mini e iPhone XR (imagem: Emerson Alecrim/Tecnoblog)

No início deste mês, a UE deu seu veredito final à lei que exige um carregador padrão para todos os dispositivos, incluindo smartphones e tablets. Dessa forma, as empresas têm até o ano de 2024 para equipar seus aparelhos com o USB-C.

Desde 2012, a Apple adota o Lightning em grande parte dos dispositivos. Portanto, com base na nova regulamentação da União Europeia, os iPhones devem se adequar à porta padrão em, no máximo, dois anos.

Segundo os legisladores da UE, a nova lei visa diminuir o desperdício, haja vista que consumidores não precisam comprar um novo carregador toda vez que compram um dispositivo. O bloco econômico disse que a decisão também vai reduzir a produção e o descarte de novos carregadores.

Ainda enquanto a proposta tramitava, a Apple até demonstrou tamanha insatisfação com proposta, afirmando que a obrigação trará mais custos aos consumidores e que vai limitar a inovação. Ainda assim, a crítica não convenceu os legisladores.

Ao WSJ, Joswiak criticou a UE pela lei, admitindo que ambos os lados estão em “um pouco de desacordo”. “Achamos que a abordagem teria sido melhor ambientalmente e melhor para nossos clientes não ter um governo tão prescritivo”, disse ele.

USB-C poderá durar pouco tempo nos iPhones

Dizem alguns rumores que a gigante de Cupertino já se planeja para lançar os próximos aparelhos com carregamento USB-C em 2023. Além disso, a empresa pode introduzir o carregamento padrão de forma global, e não apenas na União Europeia.

Segundo Mark Gurman, da Bloomberg o futuro iPhone 15 já deve trazer o conector USB-C, contudo, ela pode não demorar muito tempo no dispositivo. Gurman afirmou que a gigante pretende eliminar todas as portas, adotando o carregamento por indução nos próximos anos.

O “pulo do gato” está justamente nessa decisão da Apple, haja vista que dispositivos que não carregam por fio estão isentos da nova regulamentação da União Europeia.

A ideia não é nova, vale ressaltar. Ainda em 2018, a gigante de Cupertino cogitou lançar o iPhone X sem a porta Lightning nem botões. A proposta, como sabemos, não saiu do papel. 

Com informações: 9to5Mac

Relacionados

Relacionados