TikTok está tomando lugar do Facebook como fonte de informação

Pesquisa mostra que um terço de usuários do TikTok se informam através da rede social, enquanto Facebook perde “leitores”

Felipe Freitas
Por

Uma pesquisa da instituição Pew Research, que se define como um “fact tank”, mostrou que está crescendo o número de usuários do TikTok que utilizam a rede social como fonte de informação. Do outro lado, o Facebook está perdendo este público — o que reflete o resultado da “batalha” entre as plataformas.

Perfil oficial do TikTok (Imagem: Pexels)
Perfil oficial do TikTok (Imagem: Pexels)

Nos últimos anos, a confiança do público no Facebook foi abalada após casos como o da Cambridge Analytica e as denúncias de Frances Haugen. Contudo, a troca da rede social da Meta pelo TikTok como fonte de informação não significa uma busca por notícias mais confiáveis. A pesquisa também leva em conta quem apenas leu as manchetes mostradas no feed.

Se a trend está no TikTok é verdade

O resultado divulgado pela Pew Research mostra que um terço (33%) dos adultos presentes no TikTok se informa através do conteúdo da plataforma. O número representa um crescimento de 11% em relação a 2020. A pesquisa entrevistou um total de 12.147 americanos com idades entre 18 e 65 anos ou mais.

O público que mais utiliza a rede social chinesa como fonte de notícias está na faixa etária de 18 a 29 anos — para a surpresa de quase ninguém, visto que esse é o principal perfil dos usuários da plataforma. 26% desse público está se informando por vídeos, na maioria das vezes, rasos e sensacionalistas. Mas não se engane: o número de pessoas que usam o TikTok para se informar está crescendo em todas as faixas etárias.

No Facebook, de acordo com o estudo, 44% do público se informa pela rede social — o número chegou a 54% dois anos atrás. O lado positivo para a Meta é que esse quesito cresceu no Instagram: saiu de 27% e foi para 29% — ficando apenas 4% atrás do seu grande rival TikTok.

Facebook e Instagram fora do ar
Facebook e Instagram (Imagem: Vitor Pádua / Tecnoblog)

Twitter lidera, mas perde espaço

Não é só o Facebook que está perdendo espaço como “fonte de informação” para os seus usuários. O Twitter, que ainda lidera essa estatística, foi de 59% para 53% nos últimos dois anos. Junto com o TikTok, a rede social do passarinho é considerada uma das que mais propaga fake news.

O Reddit, terceiro que mais serve de fonte de informação para os seus usuários, deve ser ultrapassado pelo TikTok nos próximos anos. A plataforma serve de fonte de notícias para 37% do seu público.

A queda do Facebook — e do Twitter e Reddit — e o crescimento do TikTok não é um ponto fora da curva. O resultado reflete o sucesso da rede social “das dancinhas” (e já me juraram que tem conteúdo educativo se eu procurar bem) com o público mais jovem — que está ainda mais afundado no hábito de ler apenas títulos.

Com informações: Mashable e Pew Research

Relacionados

Relacionados