AliExpress tem vendedor de celulares falsos da Samsung e Huawei

Vendedor do AliExpress oferece smartphones falsos da Samsung e Huawei; celulares têm problema ou não funcionam

Felipe Ventura
Por
• Atualizado há 2 anos e 5 meses
AliExpress

O AliExpress é bastante popular no Brasil: somos o quinto maior mercado desta plataforma de e-commerce, que atrai o interesse de pessoas interessadas em comprar eletrônicos como fones de ouvido e celulares. É necessário tomar cuidado, no entanto: um vendedor está oferecendo smartphones falsos da Samsung e Huawei; eles vêm com problemas ou simplesmente não funcionam.

O vendedor se chama Kimtien e tem 70 anúncios no AliExpress para dispositivos chamados S10+ e Note 10+, clones da Samsung; além dos celulares Mate 30 Pro, Mate 31 Pro, P30 Pro e R30 Pro, copiando produtos da Huawei. Todos eles custam menos de R$ 1 mil, e alguns têm frete grátis para o Brasil.

Para usuários experientes, é relativamente fácil detectar que o vendedor oferece celulares falsos. No entanto, isso ainda deixa um público enorme suscetível a ser enganado.

Cliente brasileiro elogia Galaxy S10+ falso

Por exemplo, temos um S10+ falso cuja ficha técnica menciona o processador MediaTek MTK6595 lançado em 2014 (!). Ele promete ter câmera traseira de 16 megapixels, bateria de 4.800 mAh e Android 9.1 — uma versão que, até onde eu sei, o Google jamais lançou.

AliExpress - Galaxy S10 falso

Nas resenhas, um cliente brasileiro inicialmente elogia o Galaxy S10+ falso: “celular chegou perfeito, está funcionando normalmente, não paguei nenhum tipo de imposto quando chegou aqui no Brasil, a palavra do vendedor realmente é verdadeira”.

Alguns dias depois, o mesmo cliente informa que não consegue abrir apps direito; além disso, a câmera e a bateria não correspondem à descrição. “Peço o meu reembolso, estou passando muito transtorno por causa desse aparelho”, diz ele. “Vendi o meu pensando que eu ia ter um melhor, mas acabou que esse é pior.”

Samsung Galaxy S10 falso

Fotos de um cliente mostram Galaxy S10 falso vendido através do AliExpress

Usuários de diversos países caem no golpe

Não são apenas brasileiros que caem na listagem falsa. Um cliente da Holanda diz sobre o Note 10+ falso: “esse telefone não funciona, quero meu dinheiro de volta”. Um usuário da Polinésia Francesa explica que “o celular não tem garantia de um ano, ele não funciona mais e eu não posso fazer nenhum litígio, porque faz mais de 15 dias que confirmei o recebimento”.

Enquanto isso, um cliente da Rússia se queixa sobre uma cópia do Huawei Mate 30 Pro. “o celular tem bateria fraca, dura metade do dia das 7h às 14h sem eu navegar na internet, ele fica no meu bolso”.

A descrição afirma que o aparelho tem processador MediaTek Helio X30 (MTK6799). “Ele trava periodicamente, se 6 páginas estiverem abertas, ele pensa por quase um minuto”, conta o usuário. Ele também se queixa da baixa qualidade das fotos.

Ainda assim, vários desses aparelhos do vendedor Kimtien têm boas avaliações no AliExpress, com notas variando de 4 a 5 estrelas. Os produtos falsos estão disponíveis há meses, desde pelo menos outubro de 2019, e continuam no ar.

Com informações: Gizmochina.

Receba mais notícias do Tecnoblog na sua caixa de entrada

* ao se inscrever você aceita a nossa política de privacidade
Newsletter
Felipe Ventura

Felipe Ventura

Ex-editor

Felipe Ventura fez graduação em Economia pela FEA-USP, e trabalha com jornalismo desde 2009. No Tecnoblog, atuou entre 2017 e 2023 como editor de notícias, ajudando a cobrir os principais fatos de tecnologia. Sua paixão pela comunicação começou em um estágio na editora Axel Springer na Alemanha. Foi repórter e editor-assistente no Gizmodo Brasil.

Canal Exclusivo

Relacionados