Android 14 deixará apagar bloatware e mais novidades que o Google não contou

Em prévia, Android 14 traz ainda seleção automática de SIM card, clonagem de aplicativos e proteção avançada de memória RAM

Emerson Alecrim
Por
Android 14 (imagem: Vitor Pádua/Tecnoblog)
Android 14 (imagem: Vitor Pádua/Tecnoblog)

Não importa que a versão 13 não seja predominante. O Android 14 vem aí. Embora a novidade seja aguardada somente para o segundo semestre de 2023, alguns de seus recursos já são conhecidos. Podemos esperar pela possibilidade de remover o bloatware instalado por fabricantes ou operadoras, por exemplo.

Mas haverá mais. Atualmente, o Android 14 está na primeira versão Developer Preview (Android 14 DP1). É uma fase inicial, mas que já dá boas pistas do que está por vir. A seguir, confira o que já descobrirmos.

🚮 Remova aplicativos instalados em segundo plano

Bloatwares são aplicativos pré-instalados que a gente quase não usa. Eles podem ser instalados por operadoras ou pelo fabricante após uma atualização do sistema, por exemplo. Esses apps ocupam espaço de armazenamento e podem ficar ativos na memória, desnecessariamente.

No XDA Developers, Mishaal Rahman relata que o Android 14 trará uma opção na área Configurações que lista aplicativos instalados em segundo plano, muitas vezes, sem o seu conhecimento. A partir dali, será possível removê-los.

No Android 14 DP1, o recurso está oculto, o que sugere que ele está em fase inicial de desenvolvimento. Seria uma novidade bem-vinda! Tomara que essa opção chegue à versão final.

📶 Dual-SIM: mude automaticamente para o melhor sinal

Celulares Android com suporte a dois SIM cards são muito comuns. Talvez você use um modelo do tipo para alternar entre os chips quando uma operadora está com sinal fraco. E se isso puder ser feito automaticamente?

O Android 14 DP1 introduz uma opção que faz o smartphone alternar sozinho entre os dois SIM cards. Segundo o 9to5Google, o critério de escolha é a “melhor disponibilidade para chamadas e internet”.

Se isso não for interessante para você, tudo bem. A opção de mudar de chip automaticamente pode ser desabilitada.

Seleção automática de SIM card no Android 14 (imagem: 9to5Google)
Seleção automática de SIM card no Android 14 (imagem: 9to5Google)

👮‍♀️ Proteção avançada de memória

Vulnerabilidades relacionadas à memória RAM costumam ser graves. Por isso, o Google tem trabalhado em um meio de reduzir o risco de problemas do tipo aparecerem. Nesse sentido, o Android 14 terá um modo de proteção avançada de memória.

Esse mecanismo terá como base o Memory Tagging Extension (MTE), proteção no nível do hardware obrigatório em chips de arquitetura Arm v9. O MTE trabalha marcando áreas da memória. Então, o processador pode verificar se os dados carregados correspondem às áreas marcadas.

No Android 13, o Google introduziu um recurso que permite ativar o MTE em aparelhos compatíveis quando ele não vem habilitado por padrão. Para isso, é preciso mergulhar em configurações no nível do desenvolvedor.

Mas, no Android 14, isso não será necessário. Se o dispositivo tiver um processador Arm v8.5 ou superior com suporte a MTE, a habilitação dessa proteção será feita automaticamente pelo sistema. Isso fará a opção Proteção Avançada de Memória aparecer em Configurações para ser ativada ou desativa com um toque.

A desativação pode ser interessante quando há problemas de desempenho.

👨‍🤝‍👨🏼 Clonagem de aplicativos

Algumas interfaces, a exemplo da One UI, da Samsung, permitem que você clone ou duplique determinados aplicativos. Com isso, você pode ter duas contas do WhatsApp no mesmo aparelho, por exemplo.

O pessoal do XDA Developers conta que, no Android 14, o Google está testando uma opção chamada Aplicativos Clonados. A ideia é permitir que você tenha duas instâncias de apps como Facebook, WhatsApp e Telegram no aparelho, com cada uma funcionando de modo independente.

Esse recurso não vem ativado por padrão no Android 14 DP1 e ainda não há confirmação de que ele fará parte da versão final. Existe até a possibilidade de o Aplicativos Clonados funcionar apenas em celulares Google Pixel.

Aplicativos Clonados no Android 14 (imagem: XDA Developers)
Aplicativos Clonados no Android 14 (imagem: XDA Developers)

🔠 Fonte até 200% maior

No Android 13, é possível aumentar o tamanho da fonte para até 130% sobre o tamanho padrão. No Android 14, o limite aumentará para 200%. Esse tipo de ajuste é importante para pessoas que têm baixo nível de visão.

Como uma tela pode exibir textos com tamanhos diferentes (isso é comum em páginas web), esse ajuste poderá ser feito de modo a evitar que haja uma desproporção muito grande entre fontes menores e maiores.

⏲ Tempo de uso nas estatísticas da bateria

A função que mostra as estatísticas de uso da bateria mudaram no Android 12. Em vez de mostrar dados referentes ao uso do componente desde a última recarga, o sistema operacional passou a exibir estatísticas sobre uso nas últimas 24 horas.

Muitos usuários não ficaram felizes com essa mudança, tanto que essa opção voltou em atualizadores posteriores do sistema. Isso valerá para o Android 14, que exibirá esses dados de maneira mais clara. Basta conferir a informação exibida em “Tempo de tela desde a última recarga completa” nas estatísticas da bateria.

Detalhes de uso da bateria no Android 14 (imagem: 9to5Google)
Detalhes de uso da bateria no Android 14 (imagem: 9to5Google)

Ⓜ Texto nos ícones da barra de tarefas

O Android pode exibir uma barra de tarefas em tablets e celulares dobráveis. De acordo com o 9to5Google, o Android 14 DP1 mantém esse recurso, mas com um diferencial: os nomes dos aplicativos aparecem abaixo de seus respectivos ícones.

Isso pode ser interessante para usuários pouco familiarizados com a tecnologia saberem com mais precisão qual aplicativo está abrindo.

Barra de tarefas no Android 14 para tablets (imagem: 9to5Google)
Barra de tarefas no Android 14 para tablets (imagem: 9to5Google)

🤸‍♂️ Health Connect como recurso padrão

O Health Connect foi anunciado em 2022 como um hub que gerencia seus dados de saúde a partir de várias fontes. Por meio dele, você pode controlar quais apps têm acesso a detalhes como batimentos cardíacos, estatísticas de sono e exercícios físicos realizados.

Só que o Health Connect ainda não é um recurso padrão. Isso deve mudar no Android 14. O Android Police encontrou indícios de que o aplicativo, que hoje está disponível na Play Store como um app comum, fará parte das funcionalidades nativas da nova versão do sistema operacional.

Isso deve tornar o Health Connect mais popular.

🛑 Bloqueio de apps para versões desatualizadas do Android

Instalar aplicativos antigos via sideload (sem acessar a Google Play Store) pode ser perigoso. Eles podem conter vulnerabilidades importantes ou até malwares. É por isso que o Google planeja restringir a instalação de apps desatualizados no Android 14.

Inicialmente, deverá haver um bloqueio para aplicativos voltados somente a versões muito antigas do sistema operacional. Mas, em algum momento, o limite valerá para apps direcionados ao Android 6.0 ou versões anteriores.

🤚 Decida rapidamente quais fotos os apps podem acessar

O Android 13 permite que você escolha quais fotos ou vídeos um aplicativo pode acessar. Assim, não é preciso dar a ele acesso completo às pastas de mídia. Chamado de Photo Picker, esse recurso vai ser melhorado no Android 14.

No Android 13, o Photo Picker funciona por meio de uma API não obrigatória. Isso significa que muitos apps não são compatíveis com o recurso. No Android 14 DP1, o Google está testando uma maneira de permitir ao usuário escolher quais apps devem acessar fotos e vídeos por meio do Photo Picker, mesmo que eles não usem a API.

Esse deve ser um bom complemento para a privacidade.

📅 Quando o Android 14 será lançado?

O sistema operacional está previsto para o segundo semestre de 2023. Seis versões de teste do Android 14 deverão ser liberadas antes do lançamento oficial.

Como você já sabe, estamos na fase Developer Preview 1. A versão Developer Preview 2 deve ser lançada em março. Já a primeira versão beta é esperada para abril.

À medida que novas versões de testes surgirem, teremos informações mais detalhadas sobre o que o Android 14 terá de novidade.

Relacionados