iFood disponibiliza versão mais leve do aplicativo para Android

Novo app conta com praticamente todas as funções da versão tradicional

André Fogaça
Por
• Atualizado há 2 anos e 5 meses
iFood

O iFood lançou uma versão mais leve de seu aplicativo que roda em dispositivos Android. Com objetivo de ocupar menos do que 300 KB e de consumir menos dados durante a navegação, o novo app não chega ao usuário pela loja oficial de aplicativos da plataforma, mas sim como web app instalado através Chrome.

A empresa afirma que mesmo com tamanho menor de download, fechando em 280 KB contra quase 60 MB do aplicativo completo, o usuário encontra a mesma experiência e quase que os mesmos recursos da versão tradicional, como fazer pedidos, acessar o histórico da conta, alterar modos de pagamento e o endereço, encontrar restaurantes nas proximidades, além de poder acompanhar a entrega do pedido feito. Mesmo com a experiência muito próxima, notei que dois recursos do aplicativo tradicional estão ausentes: pagamento de restaurantes por QR Code e a opção de retirar a comida, no lugar da entrega.

Versão leve do iFood (esquerda) comparado ao aplicativo tradicional (direita)

Versão leve do iFood (esquerda) comparado ao aplicativo tradicional (direita)

Ao invés de um download convencional via Play Store, o app vem pelo Chrome e funciona como um web app, que é basicamente uma página abrindo a home do iFood, como se fosse um aplicativo. Para instalar esta versão do iFood no Android, o usuário precisa acessar o link ifood.com.br/pwa e tocar no botão para instalar.

Além da versão para dispositivos móveis, a home do site que abre nos computadores agora é muito semelhante ao que é entregue nos smartphones.

Receba mais sobre iFood na sua caixa de entrada

* ao se inscrever você aceita a nossa política de privacidade
Newsletter
André Fogaça

André Fogaça

Ex-autor

André Fogaça é jornalista e escreve sobre tecnologia há mais de uma década. Cobriu grandes eventos nacionais e internacionais neste período, como CES, Computex, MWC e WWDC. Foi autor no Tecnoblog entre 2018 e 2021, e editor do Meio Bit, além de colecionar passagens por outros veículos especializados.

Canal Exclusivo

Relacionados