O iOS 11 foi marcado por uma série de bugs constrangedores. Por exemplo, quando o usuário digitava a letra “I”, o texto era automaticamente convertido para “A [?]”. E quando o app Mensagens recebia um link específico, ele podia travar o iPhone.

Por isso, segundo o Axios, a Apple atrasou alguns recursos do iOS para o ano que vem. O foco da próxima versão, a ser anunciada em junho, será em “desempenho e qualidade”.

A Apple estaria priorizando esforços para tornar os iPhones mais responsivos, e menos propensos a exigir atendimento ao cliente. Por isso, as novidades do iOS 12 devem ficar restritas a melhorias na realidade aumentada, monitoramento de saúde e controles parentais.

Enquanto isso, o iOS 13 — previsto para 2019 — deve receber uma série de recursos, incluindo um redesign na tela inicial e na interface para o CarPlay, além de melhorias nos apps Mail, Fotos e Câmera. Parece que Craig Federighi, chefe de software na Apple, anunciou esse plano aos funcionários no início do mês.

Como lembra o Mashable, essa é uma estratégia que lembra o Snow Leopard. O foco dessa atualização para o macOS (na época chamado de OS X) era em estabilidade; boa parte de seu código-fonte foi reescrito.

Com informações: Axios, Mashable.

Receba mais sobre Apple na sua caixa de entrada

* ao se inscrever você aceita a nossa política de privacidade
Newsletter
Felipe Ventura

Felipe Ventura

Ex-editor

Felipe Ventura fez graduação em Economia pela FEA-USP, e trabalha com jornalismo desde 2009. No Tecnoblog, atuou entre 2017 e 2023 como editor de notícias, ajudando a cobrir os principais fatos de tecnologia. Sua paixão pela comunicação começou em um estágio na editora Axel Springer na Alemanha. Foi repórter e editor-assistente no Gizmodo Brasil.

Canal Exclusivo

Relacionados