Inspirado no Apple Watch, Xiaomi Mi Watch agora funciona com iPhone

Apesar de lembrar (e muito) o Apple Watch, Mi Watch não era compatível com iPhone

Emerson Alecrim
Por
• Atualizado há 2 anos e 5 meses
Xiaomi Mi Watch

No começo de novembro, a Xiaomi lançou o Mi Watch, relógio inteligente que é inegavelmente inspirado no Apple Watch, mas com a diferença crucial — e irônica — de não ser compatível com o iPhone. Mas essa limitação ficou no passado: a companhia acaba de confirmar uma atualização que permite ao smartwatch fazer sincronização com o iOS.

O update deve ser liberado entre esta terça-feira (3) e a próxima quinta-feira para todos os usuários do Mi Watch. Para obtê-lo, basta acessar as configurações do relógio e procurar a opção de update em About (Sobre). Se disponível, a atualização será baixada logo em seguida.

Causa certo espanto o Mi Watch não ter tido compatibilidade com o iPhone desde o seu lançamento, afinal, o relógio é baseado no Wear OS, sistema operacional que suporta a plataforma da Apple. Uma hipótese é a de que a incompatibilidade inicial tenha sido efeito das modificações trazidas pela interface MIUI for Watch.

Seja como for, agora o Mi Watch conversa com o iOS. Para iniciar a sincronização após o smartwatch ter sido atualizado, basta procurar o aplicativo Xiaomi Wear na App Store (a ser liberado ainda nesta semana).

Xiaomi Mi Watch

Além de ampliar a compatibilidade do relógio, a atualização traz correções de falhas, otimiza o emparelhamento, entre outros benefícios.

Na China, o Xiaomi Mi Watch foi lançado com preço oficial de 1.299 iuanes (cerca de R$ 770 na cotação atual). O gadget conta com tela AMOLED de 1,78 polegada, coroa giratória na lateral, corpo de alumínio, processador Snapdragon Wear 3100 4G quad-core de 1,2 GHz e bateria de 570 mAh (quase o dobro do que é oferecido pelo Apple Watch 5).

Com informações: Gizmochina.

Receba mais notícias do Tecnoblog na sua caixa de entrada

* ao se inscrever você aceita a nossa política de privacidade
Newsletter
Emerson Alecrim

Emerson Alecrim

Repórter

Emerson Alecrim cobre tecnologia desde 2001 e entrou para o Tecnoblog em 2013, se especializando na cobertura de temas como hardware, sistemas operacionais e negócios. Formado em ciência da computação, seguiu carreira em comunicação, sempre mantendo a tecnologia como base. Em 2022, foi reconhecido no Prêmio ESET de Segurança em Informação. Em 2023, foi reconhecido no Prêmio Especialistas, em eletroeletrônicos. Participa do Tecnocast, já passou pelo TechTudo e mantém o site Infowester.

Canal Exclusivo

Relacionados