Como usar o oxímetro do Apple Watch

Dispositivo inteligente da Apple permite medir o nível de oxigênio do sangue; recurso está disponível no Series 6 e posteriores

Wagner Pedro
Por

Uma das novidades do dispositivo da Apple é que ele consegue calcular a quantidade de oxigênio presente no sangue, algo que pode ajudar a identificar várias doenças, como ataque de asma e até insuficiência cardíaca. Abaixo, vou te mostrar como usar o oxímetro do Apple Watch para monitorar sua saúde.

Apple Watch Series 6 (Imagem: Paulo Higa/Tecnoblog)
Apple Watch Series 6 (Imagem: Paulo Higa/Tecnoblog)

Antes de mais nada, é preciso ativar o oxímetro manualmente usando o iPhone que está pareado ao relógio. Veja como:

  1. Abra o aplicativo “Apple Watch” no iPhone;
  2. Na aba “Meu Relógio“, toque em “Oxigênio no Sangue“;
  3. Ative a opção “Medições de Oxigênio no Sangue“.

Agora que o recurso foi ativado, o processo de medição é bem simples e rápido. Para fazer isso, basta seguir as instruções abaixo:

  1. Abra o aplicativo “Oxigênio no Sangue” no Apple Watch;
  2. Toque no botão “Iniciar” — para obter um resultado mais preciso, não mexa o braço durante 15 segundos;
  3. Aguarde o fim da medição para ver o resultado na tela.

Como funciona o oxímetro do Apple Watch

Em primeiro lugar, a própria Apple afirma que o oxímetro presente no relógio não é destinado ao uso médico.

Na verdade, ele foi projetado apenas para “informar sobre o bem-estar e o condicionamento físico geral”. Ainda assim, quando comparado a um monitor comum de oxigênio no sangue, os resultados fornecidos são aceitáveis.

O oxímetro do Apple Watch Series 6 funciona da seguinte forma: há quatro LEDs e fotodiodos na parte de trás que, na hora da medição, dispara LEDs verdes, vermelhos e infravermelhos nos vasos sanguíneos da pele.

Os fotodiodos, responsáveis por medir a quantidade de luz refletida, enviam os dados coletados para um algoritmo especial que consegue descobrir quanto oxigênio está presente no sangue com base na cor.

Apple Watch Ultra
Recurso também está disponível nas versões mais recentes do Apple Watch (Imagem: Reprodução / Apple)

Por que é importante saber o nível de oxigênio no sangue?

De maneira bem resumida, o nível de oxigênio no sangue representa a porcentagem de oxigênio que os glóbulos vermelhos carregam dos pulmões para o resto do corpo.

Por isso, é importante saber como está o desempenho do sangue nessa tarefa para ter uma certa ideia de como anda sua saúde.

Na maioria das pessoas, o nível de oxigênio no sangue gira em torno de 95 a 100%, mas é normal que esses valores sejam mais um pouco mais baixos durante o sono.

Vale ressaltar que também é possível ter uma vida completamente normal com níveis abaixo de 95%.

Como calibrar seu Apple Watch para ter melhores resultados

Para aumentar a precisão do seu Apple Watch, é importante calibrar o dispositivo nas configurações do seu iPhone. Além disso, manter suas informações pessoais como altura, peso ou idade atualizadas também é fundamental para que o relógio consiga trazer dados mais fiéis à realidade.

O oxímetro do Apple Watch é confiável?

De acordo com a Apple, o oxímetro pode ter variações de resultados em alguns casos. Além disso, a empresa diz que a ferramenta não deve ser usada para fins médicos, sendo recomendada apenas para informar sobre o bem-estar e seu condicionamento físico.

Qual Apple Watch mede o oxigênio do sangue?

O recurso está disponível a partir do Apple Watch Series 6.

Tem como medir pressão no Apple Watch?

Não. A funcionalidade ainda não está disponível no relógio da Apple.

Wagner Pedro

Ex-autor

Wagner Pedro é um paraibano “arretado” apaixonado por smartphones e cobre tecnologia desde 2017. Autodidata desde a época dos PCs de tubo, internet discada e Windows XP, buscou conhecimento em pequenos cursos de Informática e uniu essa paixão ao jornalismo. Ainda sente falta do extinto Windows Phone.

Relacionados

Relacionados