AT&T

AT&T vai lançar redes 5G nos EUA, mas calma

02/02 às 16h49 por

Enquanto o 4G ainda passa por expansão aqui no Brasil, a operadora norte-americana AT&T já está lançando redes de 5G em duas cidades americanas: Austin, no estado do Texas, e Indianapolis, em Indiana. Mas calma: em testes, as velocidades chegam em torno de “apenas” 400 Mb/s e ainda nem existe um padrão definido para o 5G, então nenhum smartphone suporta a tecnologia logo de cara. A velocidade

AT&T deixa de oferecer tecnologia 2G nos Estados Unidos

05/01 às 15h58 por

A AT&T, segunda maior operadora de telefonia móvel dos Estados Unidos, tomou uma medida drástica no último dia de 2016: deu adeus à tecnologia GSM (2G) no país e passou a oferecer serviços apenas em 3G e LTE. A companhia havia preparado o terreno há algum tempo: o anúncio foi feito meses antes e a operadora ofereceu gratuitamente um novo celular aos assinantes que ainda utilizavam rede 2G. Uma vez que por lá a maior part

AT&T anuncia compra da Time Warner (e o que os brasileiros têm a ver com isso)

24/10/2016 às 20h14 por

Uma grande fusão está para acontecer nos Estados Unidos. A AT&T, operadora americana de telecomunicações que tem a maior receita do mundo, anunciou a compra da Time Warner, terceiro maior conglomerado do mundo do ramo de entretenimento para TV, por US$ 85,4 bilhões. Por sua vez, a AT&T recentemente comprou a DirecTV, que era a dona da Sky no Brasil. E tudo isso pode gerar uma confusão ainda maior.

AT&T demonstra interesse em oferecer serviço de telefonia celular no Brasil

10/12/2015 às 15h02 por

Atenção, Brasil: é possível que tenhamos uma nova operadora de celular no futuro. A Anatel fará um leilão nos próximos dias para lotes de frequências de telefonia móvel. São várias faixas de 2,5 GHz em todo o país, além de sobras de 1,8 GHz e 1,9 GHz em regiões específicas, incluindo a região metropolitana de São Paulo. A surpresa é que a Sky, operadora recentemente adquirida pela AT&T, demonstrou interesse no leilão.

Obama sai em defesa da neutralidade na rede

11/11/2014 às 10h13 por

O presidente americano Barack Obama, assim como você e eu, também é a favor do princípio da neutralidade na rede. Nesta segunda-feira (10), ele divulgou um vídeo – assista abaixo – fazendo um apelo para que a FCC (Comissão Federal de Comunicações dos EUA) não ceda às pressões dos provedores de acesso. Obama disse aquilo que todos nós gostaríamos de dizer. O Mr. President lembrou que a FCC é um órgão independente – uma agência que regula as telecomunicações dos Estados Unidos da mesma forma que nós temos a An

Por US$ 49 bilhões, AT&T compra DirecTV, controladora da Sky no Brasil

19/05/2014 às 09h49 por

A AT&T, segunda maior operadora de telefonia móvel dos Estados Unidos, anunciou na noite de domingo (18) que fechou um acordo para comprar o grupo de TV por assinatura DirecTV em uma transação de 49 bilhões de dólares, o equivalente a 108 bilhões de reais. No anúncio, a AT&T cita as operações da DirecTV na América Latina, onde é controladora da Sky Brasil, com participação de 93%, junto com as Organizações Globo.

AT&T quer que algumas empresas paguem a conta de internet no lugar do usuário

09/01/2014 às 14h30 por

A maior operadora de telefonia dos Estados Unidos percebeu que está na hora dos gigantes da internet ajudarem a pagar a conta no fim do mês. Por esse motivo, a AT&T inaugurou um novo serviço chamado Sponsored Data (Dados Patrocinados) que será oferecido ao mercado e qualquer empresa terá a chance de subsidiar parte do tráfego de dados dos assinantes. Obviamente, esse subsídio valerá para os conteúdos que os patrocinadores acharem relevantes. A AT&T está de olho no Google, segundo uma reportagem do

A TIM como você conhece corre risco de acabar

24/09/2013 às 10h47 por

Questões financeiras fizeram com que o conglomerado Telecom Italia iniciasse as negociações com possíveis investidores para capitalizar o próprio grupo na Itália. Ao que tudo indica, os negócios firmados até agora poderão modificar a forma de existência da TIM Brasil, vista por alguns analistas como a joia da coroa do grupo de telecomunicações italiano. De acordo com o jornal Valor Econômico nesta manhã, os espanhóis da Telefónica futuramente se

EUA têm acesso a 1,6% de toda a comunicação mundial

12/08/2013 às 08h07 por

Temos falado muito sobre o programa de espionagem mantido pelo governo dos Estados Unidos. Neste fim de semana, apareceu na rede, de maneira oficial, uma importante informação a respeito do assunto. A NSA (Agência de Segurança Nacional, na sigla em inglês) revelou que tem acesso a 1,6% de toda a comunicação global. Seja por meio da internet ou por telefone, a administração do presidente Barack Obama (e dos antecessores) consegue rastrear este pequeno percentual de uma rede mundial utilizada por cerca de 2,4 bilhões de pessoas -- considerando-se apenas o número de internautas ativos.

Está faltando um Google Fiber por aqui

03/05/2013 às 07h40 por

Quem está mudando a realidade da banda larga nos Estados Unidos não é nenhuma das quatro grandes companhias de telefonia móvel (Verizon Wireless, AT&T, Sprint e T-Mobile). Muito menos as operadoras de banda larga tipo Net, que oferecem também telefonia fixa e televisão por assinatura. Pelo contrário, é um velho conhecido nosso: o Google. O serviço Google Fiber está mexendo com a concorrência na única cidade em que está disponível e naquelas em que chegará nos próximos meses. Apenas recapitulando.

Sistema de Alerta de Copyright entra no ar

25/02/2013 às 15h35 por

Os cinco maiores provedores de internet dos Estados Unidos, bem como os amigos das produtoras de filme e de música, devem iniciar nesta semana o que ficou conhecido como Sistema de Alerta de Copyright. Assinantes de internet serão notificados em seis etapas sobre o download de material ilegal. A punição máxima será o bloqueio da conexão – sim, o Skavurzka ficará inacessível. A iniciativa envolve AT&T, Cablevision, Comcast,

Operadora americana AT&T veio aprender conceito de internet “ilimitada” no Brasil

02/03/2012 às 13h00 por

Não é raro admirarmos o mercado estadunidense pelas diversas praticidades que funcionam por lá mas não têm vez no Brasil — bem como os preços mais camaradas para quem paga em dólar na terra do tio Sam. De toda forma, dessa vez foi a operadora americana AT&T que veio beber do copo das telecoms brasileiras ao apresentar o plano "ilimitado" que, reproduzindo o padrão daqui, de "ilimitado" não tem nada. Explico. Os planos chamados de Unlimited Data (dados ilimitados) receberam atualização nessa semana tanto para assinantes adeptos d

Carregar mais posts