Início » Demais assuntos » Geekoticos anônimos: o mal do consumismo

Geekoticos anônimos: o mal do consumismo

Thiago Mobilon Por

Você achava que consumismo desenfreado era um problema apenas de mulherzinha moderna? Quilos e quilos de roupas, perfumes, maquiagem, e você sempre ouve a dita falando que tá sem calça, blusinha, soutien (é assim que escreve?!), e é claro: money.

Eu sou um Geek consumista, absolutamente viciado em tudo que tenha visor e bateria. Mas consumismo desenfreado e irresponsável, só te leva a uma coisa: perceber que fez merda.

Aí você tenta vender tudo (pela metade do preço, claro), acaba comprando outro, e por aí vai até o dia em que precisa parar de comprar o leite das crianças porquê “precisava” de um aiFone (tá apelei).

É aí que você vê que sua conta bancária tá no zero, senta e pensa:

“Fudeu…

…vou até twittar isso!”

Como saber se você deve entrar para o Geekoticos Anônimos?

Rá! Essa vai pro meu Flickr

Comprou um gadget recentemente? Legal! Como se sente? Simplesmente satisfeito, ou pronto para o próximo?

Geralmente o problema começa aí, você acha que tem tudo sobre controle, mas já está planejando comprar uma câmera digital, um SmartPhone, e por aí vai.

Confesso que me inspirei muito, ao ler este post da Giselehhh, uma mulherzinha não tão moderna. Assim como as mulheres estão sempre se sentindo bregas, e fora de moda, os Geeks se sentem desatualizados, e loucos para testar aquele novo recurso que acabaram de inventar.

Ambos são tão iguais quanto diferentes, mas com certeza um gadget é muito mais útil do que um guarda roupa cheio de acessórios da moda. 😆

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

ze
iiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii muda de ramo sustentabilidade vtodos temos duas opçõe s viver para o ego ou pelo espirito a escolha é nossa
mary
o povo imbecil
Jane PTM
Isso vai crescendo e muitas vezes nem percebemos... rs Eu já deixei de comprar coisas de "meninas" pra investir em gadgets... E abri mão de algumas futilidades pra manter meu plano de dados do smartphone... Adorei o post!
Gisele
Ohh que emoção ser citada aqui! Mas quer dizer que sou uma mulherzinha não tão moderna, é? Tá, eu concordo. Por sinal concordo com quase tudo que você escreveu. Quase. Porque no final vc não foi feliz. Nada a ver comparar Gadgets com acessórios de modo: ambos são importantes! Putz... mulher geek deve sofrer, hein? Viu o fantástico hoje? Olha que coincidência a matéria que fizeram: http://video.globo.com/Videos/Player/Noticias/0,,GIM766504-7823-CONSUMIDORES+OMITEM+GASTOS+PARA+EVITAR+CONFLITOS+COM+PARCEIROS,00.html Huhauhahu.. perfeito, hein?
Lari Herbst
Eu me identifico com a parte da compra compulsiva de gadgets, mas não me vejo entrando pros compradores-compulsivos-anonimos ahahah, estou feliz com minhas compulsões, ainda. :P Legal o assunto do post, rs.