Início » Internet » Zuckerberg funda gigantesco clube do livro no Facebook

Zuckerberg funda gigantesco clube do livro no Facebook

200 mil internautas já aderiram à ideia

Avatar Por

Criador da maior rede social do planeta (junto com alguns colegas), Mark Zuckerberg vai usá-la para alcançar uma de suas resoluções de ano novo. O bilionário inaugurou uma página com a proposta de se tornar um clube do livro. Como já era de se esperar, mais de 200 mil internautas aderiram à ideia.

Esta não é a primeira vez que Zuck aproveita a mudança de ano para apresentar uma interessante resolução. Em anos anteriores, ele disse que ia aprender mandarim, o idioma mais falado do mundo. Não só o fez, como já dá entrevistas a jornalistas na língua oficial da China. Também se comprometeu a só comer carne dos animas caçados por ele – não sabemos a quantas anda esta medida.

Espaço será moderado e é voltado somente para quem leu os livros

Espaço será moderado e é voltado somente para quem leu os livros

Por meio da página A Year of Books, Zuckerberg vai escolher um novo título a cada quinzena (ou algo assim). “Os livros te permitem explorar totalmente um assunto e imergir de um modo mais profundo do que a maior parte da mídia hoje em dia”, escreveu o CEO do Facebook. Alfinetadas à parte, o importante é que ele também convidou os leitores a participarem das discussões na página.

Entretanto, foi direto e reto ao afirmar que o espaço será moderado e é voltado somente para quem de fato leu os títulos.

O primeiro livro do clube do livro de Zuck é The End of Power, do venezuelano Moisés Naím. Os exemplares se esgotaram na Amazon poucas horas depois que o projeto foi anunciado. O autor também celebrou a permanência da versão em audiolivro como o mais procurado entre os títulos de não-ficção da iTunes. Ele agradeceu diretamente a Mark Zuckerberg pela marca.

O Fim do Poder também está à venda na Amazon brasileira. A edição digital e em bom português custa R$ 27,19 e também pode ser baixada por assinantes do Kindle Unlimited. Como bem lembra o Brainstorm 9, entretanto, as discussões na página A Year of Books tendem a acontecer em inglês mesmo.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Michael Felipe
No Facebook deve ter algo do tipo para dizer quais livros você já leu (tem com os filmes). Se for assim, eles terão que confiar no que o usuário disser (se leu, ou não). Ainda seguindo esse raciocínio, se o livro a qual está sendo debatido tiver na lista de lidos do usuário, ele terá liberação para comentar... acho que é isso
João Paulo Rochel
" We ask that everyone who participates read the books and we will moderate the discussions and group membership to keep us on topic." também queria ver como vai ser
Rogério Brito
Não entendo como será feita esta moderação já que é uma página publica. Como vão saber se quem curtiu a página já leu os livros?
Carlos E. Backes 📱💻 🎮

E em 30/12 ele comprou ações das maiores editoras e distribuidoras de livros... hehehehe
Brincadeira a parte, excelente iniciativa!!

Carlos E. Backes
E em 30/12 ele comprou ações das maiores editoras e distribuidoras de livros... hehehehe Brincadeira a parte, excelente iniciativa!!
Fabiano

Em breve, parcerias com as maiores editoras e autores do mundo

Chicken Little
Em breve, parcerias com as maiores editoras e autores do mundo