Windows 10 - múltiplos dispositivos

Não tem jeito: mesmo com a popularização do Windows Phone, os aplicativos móveis frequentemente ganham primeiro versões para Android e iOS — e muitas vezes nem sequer chegam à plataforma da Microsoft. Para mudar esse cenário, a Microsoft anunciou nesta quarta-feira (29), durante a Build, uma forma mais prática de levar os apps dos sistemas operacionais concorrentes para o novo Windows 10.

Terry Myerson, vice-presidente da divisão de sistemas operacionais da Microsoft, anunciou que os desenvolvedores poderão migrar os apps do Android e iOS diretamente para o Windows 10. Como? A empresa está liberando dois novos kits de desenvolvimento. Para desenvolvedores Android, será possível usar código em Java e C++. E o Objetive-C, usado nos aplicativos para iOS, também será suportado.

Na prática, isso significa que as empresas poderão migrar os apps já produzidos para as plataformas concorrentes de uma forma mais rápida, sem precisar desenvolvê-los do zero. Durante a Build, a Microsoft mostrou que vem testando as ferramentas há um bom tempo: o Candy Crush Saga, disponível na loja do Windows Phone, na verdade é a versão do iOS convertida, com poucas modificações.

O Candy Crush Saga do Windows Phone é a versão do iOS convertida

O Candy Crush Saga do Windows Phone é a versão do iOS convertida

A dúvida, claro, fica por conta de apps que dependem que APIs específicas do Android ou iOS. Mas, segundo o The Verge, a Microsoft criou APIs alternativas, que funcionam de maneira similar às originais. É algo parecido com o que vemos na Amazon Appstore: como os tablets Kindle Fire não possuem APIs do Google, os desenvolvedores precisam fazer adaptações em seus apps e games.

Outra novidade que deve aumentar a oferta de aplicativos é a possibilidade de transformar sites em aplicativos universais do Windows. Assim como qualquer aplicativo tradicional para Windows, esses sites convertidos suportarão funções como notificações e compras in-app.

Também veremos mudanças nos softwares de desktop. Hoje, a Windows Store oferece apenas apps modernos; não é possível instalar softwares tradicionais, como o Photoshop, pela loja. A ideia da Microsoft é usar o App-V para virtualizar aplicativos de desktop no Windows 10. Dessa forma, o Photoshop Elements, por exemplo, poderá ser instalado diretamente da loja e desinstalado sem deixar nenhum rastro no sistema.

Veremos o impacto dessas novidades nos próximos três anos, quando a Microsoft espera ter 1 bilhão de dispositivos rodando o Windows 10. A nova versão do sistema operacional da Microsoft será lançada nos próximos meses e a atualização será gratuita para os atuais usuários de Windows 7 e Windows 8.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

FerJIV
Só falta anunciar mais na tv, ninguém aguenta mais as propagandas lixo das casas bahia e do itau, e sim de novos produtos. Eu tenho o windows phone, ele é melhor que o android em todos os quesitos menos na disponibilidade de apps
Daniel Alves Dias
só prova o quanto a MS peca em garantir qualidade e confiança, usar versões genéricas dos produtos dos fabricantes (digam o que quiserem, serão apps GENÉRICOS) só mostra o quanto é desestimulante esperar que um dia o windows será realmente bom.
Luis de Vaz Lobo

Já é a Google trabalhando pra vc não pensar no Windows...rs

Luis Carlos Rodrigues
Já é a Google trabalhando pra vc não pensar no Windows...rs
Jairo ☠️

Realmente .. no mercado mobile é um baita sucesso ....Chegou antes do Android com WM....e até agora 4% de share e lançando dezenas de low ends ..e desde quando o consumidor sai ganhando algo em um mercado monopolizado? JÁ se esqueceu da MS dos anos 90 e início de 2000?

jairo
Realmente .. no mercado mobile é um baita sucesso ....Chegou antes do Android com WM....e até agora 4% de share e lançando dezenas de low ends ..e desde quando o consumidor sai ganhando algo em um mercado monopolizado? JÁ se esqueceu da MS dos anos 90 e início de 2000?
Luis de Vaz Lobo

A tá...vc foi sarcástica...
essas inteligências artificiais...

Luis Carlos Rodrigues
A tá...vc foi sarcástica... essas inteligências artificiais...
Luis de Vaz Lobo

Fora a invasão de apps que a Microsoft promete, dentre eles a Cortana...ataque em todas as frentes...

Luis Carlos Rodrigues
Fora a invasão de apps que a Microsoft promete, dentre eles a Cortana...ataque em todas as frentes...
Luis de Vaz Lobo

Sério Cortana? Está de qual lado?

Luis Carlos Rodrigues
Sério Cortana? Está de qual lado?
Marcos Vinícius
kkkkkkkkkkkkk muito errado, na verdade ninguém quer isso.
Arlys Souza
Eu tava pensando aqui como o povo do Google deve estar puto com isso tudo. Porque antes, a desculpa era que não lançavam apps pro WP porque não era relevante... E agora vão deixar de lançar seus produtos para WINDOWS, deixando a MS dominar com OneDrive, Outlook e Office??? rsrs
Dario Nero

Li em outros locais que a interface será adaptada ao novo Modern do Windows 10. Por isso que a Microsoft afinou detalhes de design do novo sistema com itens de outras plataformas, como o menu hamburguer. Tanto o iOS quanto o Material Design são interfaces proprietárias. A Microsoft certamente não poderia vender apps com a cara da Google e Apple.

Exibir mais comentários