Início » Negócios » Microsoft e Amazon fecham parceria para unir Cortana e Alexa

Microsoft e Amazon fecham parceria para unir Cortana e Alexa

Por
38 semanas atrás
Já conhece a nova extensão do Tecnoblog? Baixe Agora

Todas as grandes empresas de tecnologia estão investindo em suas próprias assistentes pessoais. E se elas juntassem forças? É o que Microsoft e Amazon estão fazendo: até o final do ano, a Cortana poderá interagir com a Alexa nos dispositivos suportados, incluindo o Amazon Echo e os computadores com Windows 10.

Isso significa que a Cortana terá acesso aos recursos exclusivos da Alexa e vice-versa. A Amazon diz que a Alexa poderá ler seus e-mails do trabalho no Office 365, acessar sua agenda ou marcar um compromisso, por exemplo. Por sua vez, a Cortana ganhará integração com dispositivos inteligentes e mais de 20 mil tarefas desenvolvidas por terceiros, além, obviamente, de poder fazer compras na Amazon.

Não será uma integração tão transparente: de acordo com o New York Times, você terá que falar primeiro “Alexa, abra a Cortana” no alto-falante Amazon Echo e “Cortana, abra a Alexa” em dispositivos com Windows 10. Só depois pode dar o comando de voz desejado.

As duas empresas devem ganhar com a parceria. Do lado da Amazon, Jeff Bezos afirma que a Cortana tem integração superior com o Office, já que os dois produtos são da mesma empresa. E, como lembra o The Verge, a Microsoft ainda está apenas começando a convencer os desenvolvedores a integrarem seus produtos com a Cortana — enquanto a Alexa já está bem mais avançada nisso.

Conversas entre Amazon e Microsoft para unir suas assistentes pessoais começaram em maio de 2016, depois de um encontro entre Jeff Bezos e Satya Nadella. Será que no futuro poderemos ver uma união também entre as outras gigantes de tecnologia, incluindo Apple e Google? Não dá para prever o futuro, mas Bezos diz que apoiaria a parceria.

Mais sobre: , , ,