Algumas das principais fabricantes de eletrônicos e de veículos querem que o celular seja mais útil para motoristas. Para isso, elas mantêm o Consórcio de Conectividade de Carros e trabalham em algumas soluções nesse sentido.

A mais recente delas define um padrão para o smartphone ser usado como chave para abrir um automóvel. Assim, os motoristas poderão trancar, destrancar, ligar o motor e compartilhar o acesso de carro com outras pessoas por meio do iPhone, por exemplo.

A chave digital, como é chamada pelo consórcio, se conectará aos carros por meio de NFC. Ainda que algumas fabricantes já contem com soluções nesse sentido, a padronização deverá garantir que mais celulares sejam capazes de abrir mais veículos.

O projeto tem a contribuição de mais de 70 empresas como Apple, Samsung, LG, Panasonic, Audi, BMW, General Motors, Hyundai e Volkswagen. Por enquanto, trata-se apenas do início de uma padronização para a chave digital.

Por conta do interesse das empresas, o consórcio passou a trabalhar em uma segunda versão do projeto para padronizar o protocolo de autenticação entre veículos e dispositivos. O objetivo é criar uma solução que diminua os custos da implementação da chave digital. Esta etapa deverá ficar pronta no primeiro trimestre de 2019.

Com informações: Car Connectivity Consortium, Mac Rumors.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

J Janz

Arrumem aí: "querem que o celular *SEJAM* mais útil"