Início » Gadgets » Apple patenteia recarga wireless entre iPhones, iPads e Macs

Apple patenteia recarga wireless entre iPhones, iPads e Macs

Um iPhone com bateria quase esgotada poderia ser abastecido por um MacBook ou iPad sem a ajuda de fios

Paulo Higa Por

Talvez você não precise conectar um cabo ou comprar um carregador wireless para manter o iPhone com bateria no futuro: a Apple patenteou uma tecnologia que permite transferir energia elétrica por indução entre dispositivos. Na prática, um smartphone com bateria quase esgotada poderia ser abastecido por um notebook ou tablet sem a ajuda de fios.

Foto por Kārlis Dambrāns/Flickr

O pedido de patente foi publicado nesta quinta-feira (26) e descreve um sistema de “carregamento indutivo entre dispositivos eletrônicos”, sendo que ambos os gadgets devem ter uma bobina com dois modos de operação: um para transmitir energia e outro para receber energia. Um controle atrelado à bobina permitiria alternar entre os modos.

Carregamento wireless no MacBook

No documento, a Apple incluiu duas ilustrações: uma mostra um iPhone sendo carregado por meio da tela de um iPad; e outra revela um MacBook com alguns pontos em que você poderia apoiar um dispositivo com carregamento wireless. Assim, seria possível manter apenas o notebook na tomada e deixar também o iPhone e o Apple Watch com bateria cheia (só não deve ser muito bom usar o MacBook enquanto isso).

Uma simples patente não garante que a tecnologia seja incluída em futuros produtos, claro. Além disso, a novidade certamente exigiria hardware novo: os iPhones 8, 8 Plus e X podem ser carregados por indução, mas não carregar outros gadgets; e ainda não há modelos de iPads ou MacBooks que suportem carregamento wireless. Sem contar que o AirPower, anunciado em setembro de 2017, ainda não deu as caras no mercado.

Mas será que isso daria certo? E por que eu tenho a impressão de que a Apple quer remover a única porta que sobrou no iPhone? 🤔

Com informações: AppleInsider.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Keaton

Vamos ver quão diferente será.

O Slide to unlock existia no Windows CE desde sempre, Apple de alguma forma patenteou isso dois anos após.

paulo yan

Ai meu Deus! Vem aí um iPhone todo fechadinho

Luiz Fernando

O método deles deve ser diferente e inédito. O resultado será o mesmo daqueles que já vemos por aí? Sim, porém os meios são outros e ela está no direito de patentear

Keaton

Interessante eles patentearem algo que já existe e não é deles... esse e o swipe to unlock... entre outros.

raphael_silva

As vezes tem que levantar, esqueceu no carro rs

Mas as vezes é falta de comodidade mesmo.

tuneman

basta reclamar no Escritorio de Patentes dos Estados Unidos....

Vitor Gyn

O problema é uma empresa gastar milhões em pesquisas de uma novidade e quando estiver quase com o produto finalizado, vir outra e produzir o mesmo. É meio que justo atualmente como está.

Paul

Essa é uma das formas que eles ganham dinheiro.
Por exemplo, ela lucra horrorores com o Android sem nem msm fabricar um.

Jorge Melo

Patenteou, é? Isso já existia entre outras marcas, vide carregadores sem fio. Só colocar um em cada aparelho... Nada de novo debaixo do Sol...

Trovalds

Sem fio na rua... em casa você vai acabar pendurando algum gadget pra poder carregar seu aparelho na tomada mais próxima.

Jairo ☠️

Concordo , a MS é mestre nisto

Lucas Santos

É justo pra isso que existe: dar um tempo pro criador criar o produto. Mas com a tecnologia de hoje patentes deveriam valer por somente um ano.

zoiuduu .

será que celulares do futuro vao tudo ser sem fio?

marcos

Uma hora a bateria do iPad vai acabar e você terá que recorrer ao fio. Achei esse encosta encosta útil em relação á segurança. Apple não queria iphones conectados com usb por muito tempo sem senha. Nesse carregamento acho que os aparelhos não pediriam senha e nada seria transferido além da carga

John Smith

Vivemos no mundo onde levar um cabo USB pra carregar dispositivos é muito complicado.

Exibir mais comentários