Início » Celular » iPhone XR: quase um iPhone XS, custando bem menos

iPhone XR: quase um iPhone XS, custando bem menos

O iPhone XR era esperado como um iPhone de 2018 mais simples, só que ele veio com 95% de um iPhone XS e com preço que é quase 30% menor do que o modelo mais caro.

André Fogaça Por
Nota Final 9.3

A Apple voltou com iPhones coloridos, que foram lançados com o iPhone 5C lá em 2013, só que agora como evolução dos iPhones 8 e 8 Plus e com nome de iPhone XR. Ele tem o mesmo processador de um iPhone XS, câmera que até é melhor em algumas situações (mesmo com uma lente a menos!) e preço quase bem menor do que seu irmão mais caro. Uma matemática que me faz ter certeza de que este é o iPhone que você precisa olhar, já que ele é menos caro. Continue lendo os próximos parágrafos que eu vou te explicar se ele realmente é o iPhone do ano, ou não.

Em vídeo

Design

O design é o primeiro ponto de vista de quem ainda não olhou o novo iPhone. Ele voltou a ser colorido e as cores não estão somente na parte traseira, mas também no alumínio que fica nas bordas do smartphone. O iPhone XR é colorido em tom meio pastel, que fica claro nestes dois que estão na cena: o azul é meio azul calcinha e o amarelo é menos forte, mas me lembra gema de ovo.

Nada muda em relação ao que existia no iPhone X nas configurações de botões, mas este novo modelo marca a morte do botão home e garante a troca de botão liga/desliga para um que chama a Siri e apenas bloqueia a tela. De fato, você precisa pensar neste iPhone como o sucessor do iPhone 8, não do X do ano passado.

As bordas são de alumínio, mesmo material da geração anterior e a falta de conector de fone de ouvido continua presente - acostume-se, já era e acabou. Acabou tanto que a Apple deixou de fornecer o dongle que faz a porta Lightning virar uma entrada de fones de 3,5 milímetros.

Falando em milímetros, o iPhone XR é 0,6 milímetro mais espesso do que os iPhones XS e XS Max, tem peso que é 17 gramas maior do que o iPhone XS e 14 gramas mais leve do que o XS Max. Em tamanho do corpo e da tela, ele também fica no meio dos dois outros iPhones deste ano.

Comparando com quem ele realmente é o sucessor, os iPhones 8 e 8 Plus, o XR tem tela maior do que o Plus e corpo menor do que ele, já que utiliza o visual de bordas finas. Sim, elas são maiores do que dos iPhones XS, mas estão dentro das mais finas que um display LCD pode entregar.

O que me incomodou bastante foi a protuberância da câmera traseira. Eu entendo que o sensor precisa de espaço para as lentes trabalharem, mas já que fez um aparelho que é mais espesso, era só continuar com o ganho de gordura e fechar tudo reto.

Ah, a traseira é de vidro e isso garante carregamento sem fios. O iPhone XR pode ser carregado com carregadores que são mais rápidos também, só que isso não veio na caixa, infelizmente.

Tela

Depois do visual e dos materiais de construção, a tela é a segunda maior mudança que temos, quando comparamos com os outros modelos de iPhone lançados neste ano. A Apple trocou o display OLED e voltou ao LCD IPS que já estava nos iPhones até o iPhone 8. Ele continua sendo um dos melhores e mais precisos do mercado e agora com bordas muito mais finas do que os iPhones anteriores.

Outra mudança, essa negativa em números, mas não no uso do cotidiano, é a resolução. O iPhone XR trabalha com 1.792 x 828 pixels, o que continua fechando nos 326 pixels por polegada de densidade. É um valor abaixo de Full HD, pouco acima do 720p e que apenas é negativo se você realmente é vidrado em números e ignora o mundo de verdade.

No cotidiano, depois de passar mais de um ano com um iPhone X e sua resolução de 2.436 x 1.125 pixels, não notei que a visualização de alguma coisa ficou pior. O Google Maps continua exibindo uma quantidade considerável de ruas na navegação, o mesmo vale para o Waze e os detalhes no display são nítidos o suficiente para que você não veja os pixels. Claro que usar o smartphone colado no olho será desagradável, mas sua saúde dos olhos agradece se você não fizer isso.

Ainda no uso do dia a dia, o LCD mostra suas limitações ao não ter um preto tão profundo como as telas OLED da Apple, mas a precisão de cores é superior e isso garante até que fotos não fiquem tão incríveis na tela do celular, para depois ficarem meio estranhas no computador. Exibição de cores é fantástica e sem exageros. Os ângulos de visão também são generosos.

Hardware e bateria

Por dentro temos quase que um repeteco do que o Higa escreveu sobre o iPhone XS e o Mobilon com seu iPhone XS Max. O iPhone XR utiliza exatamente o mesmo A12 Bionic que está nos outros dois aparelhos, com a mesma velocidade e configuração de núcleos, junto do mesmo tamanho de sete nanômetros. Muda a RAM, que por aqui é de 3 GB (a mesma quantidade do iPhone X do ano passado) e a memória interna. No iPhone XR existem opções de 64 GB, 128 GB e 256 GB, a metade do máximo que podem chegar os outros iPhones de 2018.

Como temos exatamente o mesmo processador, mudando apenas 1 GB de RAM e o iPhone XR tem resolução consideravelmente menor, a matemática acaba favorecendo o modelo mais barato e entrega mais desempenho. A diferença é pequena, mas existe.

Sobre o que ele faz no cotidiano e deixando de lado a comparação, o A12 Bionic é o melhor processador que os smartphones podem ter em 2018 - lembrando que o Snapdragon 855, no momento da publicação deste review, não existe em nenhum celular do mundo e os ganhos de desempenho dele ainda não foram testados de verdade.

O XR continua entregando poder de fogo além do necessário para qualquer app ou jogo que existe hoje na App Store, com garantia de rodar bem qualquer coisa que exista nos próximos dois anos, com facilidade e os dois pés nas costas.

A bateria também é favorecida pela resolução menor e maior capacidade energética do que o XS. Ela vem com 2.942mAh e conseguiu durar mais do que a melhor bateria que a Apple já colocou em um iPhone, que estava no iPhone 8 Plus. Dá para ficar confortável o dia todo longe da tomada, com uso bastante intenso e mais ou menos 6 horas de tela ligada, para chegar em casa no final do dia e ainda ter energia sobrando para mandar umas mensagens no Telegram ou um Facetime em vídeo com os amigos.

Finalizando o tecnês, a Apple trouxe significativa melhoria para a área do chip A12 Bionic que é responsável por processamento neural, que alimenta a inteligência artificial. Na versão anterior, o A11 Bionic conseguia realizar 600 bilhões de operações por segundo apenas neste tipo de tarefa. Agora, um ano depois, é possível ter 5 trilhões das mesmas operações e no mesmo espaço de tempo.

Este modelo tem certificação IP67 pros mergulhos acidentais em piscina rasa, ou na privada e tem mais uma coisa: o iPhone XR é um dos primeiros aparelhos da Apple com suporte para dois SIM cards, sendo um deles o físico que já existe desde sempre. E o outro é virtual, no formato de eSIM e que ainda não funciona no Brasil.

Software

O iOS 12, que já vem de fábrica instalado no iPhone XR, tem tudo que já comentamos em outros momentos. De forma resumida, a versão do sistema operacional que roda neste iPhone é pouco mais aberta do que já foi no passado. Tem melhorias na área de notificações e é exatamente igual ao que o Higa escreveu no review dele, com o iPhone XS.

Nada muda por aqui. São os mesmos apps pré-instalados, os mesmos recursos e só tem uma alteração bem pequena e que eu juro que ainda não senti falta: o 3DTouch não existe no iPhone XR. A tela não responde ao nível de pressão que é exercido, mas ainda responde com um pequeno motor de vibração que é, de longe, o melhor do mercado e nenhum Android conseguiu chegar perto da precisão que o iPhone tem. O mais próximo disso, que nem Android é, está nos Joy Cons do Nintendo Switch.

Se você quer saber mais sobre o iOS 12 e tudo que ele pode oferecer, com suas mudanças em relação ao mercado, é só procurar por iOS 12 aqui no Tecnoblog. Temos alguns artigos e vídeos explicando tudo e seria muito repeteco falar mais uma vez a mesma coisa.

Câmera

Além do software, do lado de fora é a mudança mais visível depois da cor do aparelho. O iPhone XR tem apenas uma lente. Calma com os comentários negativos, já que o sensor que está logo abaixo das lentes é exatamente o mesmo que está no iPhone XS e a lente é a mesma do modo grande angular do modelo mais caro. A mesma abertura de f/1.8, a mesma estabilização ótica de imagem e a mesma resolução de 12 megapixels, com a mesma capacidade de filmar em até 4K com 60 quadros por segundo, ou em câmera lenta de 240 quadros por segundo em Full HD, com som estéreo na gravação.

As fotos são idênticas ao que os iPhones XS e XS Max conseguem, o que pode ser encaixado como uma das melhores câmeras do mercado.

As fotos tiradas durante o dia ficam bastante claras, com o novo HDR trabalhando muito bem e sem estourar as imagens. Nada de sombras exageradamente escuras ou áreas iluminadas estouradas.

De noite tudo continua igualmente incrível. O ruído é quase que inexistente e as cores são representadas com muita precisão, mesmo quando há pouca luz de verdade.

O modo retrato, que poderia deixar de existir por aqui, já que há apenas uma lente, está presente e tende a ser melhor do que nos iPhones mais caros. Tudo é feito exatamente como nos Pixel 2 e 3 do Google, que recorrem ao software para deixar o fundo embaçado.

A vantagem que leva o iPhone XR é que, como ele usa apenas a lente que tem para isso e ela é de abertura f/1.8, não há outra lente mais escura fazendo o trabalho e o modo retrato de noite fica realmente possível.

Além disso, a distância necessária para deixar o objeto desfocado não é a mesma, garantindo que modo retrato com mais da pessoa fotografada é possível e funciona muito bem - o que não acontece nos iPhones XS e XS Max.

Por outro lado, os modelos mais caros conseguem apenas uma coisa superior: eles fazem o modo retrato com qualquer coisa e o iPhone XR faz somente com pessoas. Ponto final. É isso.

Conclusão

O iPhone XR é o retorno do iPhone menos caro e que sempre existiu na versão não-Plus, mas que pareceu que morreria com a chegada do iPhone X, em 2017. Ele voltou, incorporou cores bem bacanas, manteve 95% do que está no iPhone XS e cobra quase que um terço a menos do que é necessário para levar um XS para casa. Hoje, no momento da publicação deste review, o iPhone XR tem preço inicial de R$ 5,2 mil, enquanto que o iPhone XS parte de R$ 7,3 mil.

Você economiza R$ 2,1 mil ao abrir mão de duas lentes, que só tem um ponto que realmente faz falta: zoom ótico. Abre mão de tela OLED e de maior resolução, que eu também não senti falta e se você vem de um iPhone 6, 7 ou 8, sabe o que vai encontrar neste display IPS LCD, que neste caso é maior. Ele continua como um dos melhores, se não o melhor LCD do mercado, agora com bordas arredondadas e bem finas.

Além disso, tem opção de cores que realmente existe. Se fosse com o meu dinheiro, a minha compara, de todos os iPhones disponíveis neste ano eu levaria para casa o XR. E aposto que ele será o modelo do ano de 2018, com troco suficiente para dar um Android intermediário potente para alguém de presente.

iPhone XR

PRÓS

  • Custa R$ 2,1 mil a menos do que o iPhone XS e entrega quase que tudo dele
  • Modo retrato é até melhor, mesmo com uma só lente
  • Bateria com boa autonomia
  • Menor resolução e mesmo hardware: mais desempenho

CONTRAS

  • Tá menos caro, mas ainda é caro
  • Tem uma vontade louca de cair das mãos
Nota Final 9.3

Especificações técnicas

  • Bateria: 2.942 mAh;
  • Câmera: 12 megapixels (traseira), 7 megapixels (frontal);
  • Conectividade: 3G, 4G, Wi-Fi 802.11ac, GPS, GLONASS, GALILEO, QZSS, Bluetooth 5.0, Lightning;
  • Dimensões: 150,9 x 75,7 x 8,3 mm;
  • GPU: Apple GPU (quad-core);
  • Memória externa: não;
  • Memória interna: 64GB, 128 GB ou 256 GB;
  • Memória RAM: 3 GB;
  • Peso: 194 gramas;
  • Plataforma: iOS 12;
  • Processador: hexa-core A12 Bionic de 2,5 GHz;
  • Sensores: acelerômetro, giroscópio, proximidade, bússola digital e barômetro;
  • Tela: IPS LCD de 6,1 polegadas com resolução de 1792 x 828 pixels (~326 PPI).
Mais sobre: , ,

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Robson Meira Neves
Responda por vc. Sair de um Samsung OLEDs para uma tela LCD dá diferença sim e ponto. Só cego não vê.
Paulo Henrique Arruda
Opinião sincera, celular muito bom! Mas passa vergonha quando colocado de lado com bons celulares Android intermediários com telas Full HD+. A diferença é notável! Não tô dizendo o que eu acho somente baseado nas specs mas o que eu vejo nas minhas próprias mãos. Resolução menor e cores menos vivas. Foi o primeiro iPhone que a tela me decepcionou...
Valdemar Kjær
Nos iPhones, o único defeito sério é o preço e a única vantagem séria é a facilidade de uso. Se tec specs e dinheiro forem o problema, um Note 9 da vida ainda bate o iPhone em praticamente tudo. A única razão pela qual usaria o iPhone é que meus filhos têm iPad e o Facetime só roda de Apple pra Apple...Do ponto de vista do oftalmologista que vos escreve (desculpem o trocadilho), a resolução das telas realmente faz pouca diferença para a capacidade da maioria dos olhos das pessoas. Há mais resolução disponível em praticamente todas as telas de smartphones premiuns do que a capacidade de percepção dos olhos das pessoas normais, usando o celular numa distância decente (35-45 cm).A questão mais importante não é a resolução, portanto, mas, sim, o "brilho" e a precisão das cores, ou seja, a capacidade da tela cobrir o espectro de cores e contrastes do olho humano. Vou falar uma "asneira" técnica de propósito, só pra facilitar a compreensão dos leigos: o que importa é quão "HDR ou HDR+" a tela é, vamos dizer assim. Nesse quesito, a briga começa a ficar interessante entre os aparelhos... ainda acho que o Note 9 leva vantagem nisso também, mas é bom pesquisarem por si mesmos, antes.
Davidson
kkkk, vai pensando assim, o importante pro pessoal hj é whats app, instagram, facebook, e uma camera para tirar selfie.
disqus_KWPJN4FVzL
harry_specter already read
vital9y
jonathaslarruda wrote
Matheus Siqueira Moreno
Como os olhos de algumas pessoas ganharam funções a mais, reconhecer uma tela fullHD. Vai ser hatter lá na PQP. Usei um iPhone XR hoje e achei a tela bem mais bonita que do meu 7+ que é fullHD.
Eliézer José Lonczynski
Uso óculos aprovado por 02 profissionais, obrigado. A distância que mantenho a tela dos olhos é a mesma e ainda assim na tela menor enxergo melhor por que tem mais definição.
Mickão
Quem diz que não tem diferença pro usuário entre tela HD e Full HD provavelmente nunca migrou de uma pra outra. Assista um filme na resolução HD e depois faça a mesma coisa numa Full HD, daí me diga se não há diferença PERCEPTÍVEL.
Conde De La GOT™
Isso se chama miopia. Provavelmente, por ser pequena, o senhor aproxima a tela dos olhos para enxergar e vê bem, enquanto com a tela maior, afasta a tela e vê com “definição ruim” (usando sua expressão, ainda que incorreta). Peça para a mamãe te levar a um oftalmologista, não dói nada e é para seu bem, abiguinho!
Fabio Santos
Meu nível de satisfação com o Xr só aumentou com o uso do aplicativo halide que fez modo retrato em animais e demais itens que a câmera do iOS não faz, sim em ambos casos não se usa hardware e sim software, porém faz muito bem e o importante é o resultado final.
kadu
Parabéns pelo malabarismo.
fan
Existe uma coisa chamada parâmetro. Se vc comparar smartphones Android com iPhones, com certeza os iPhones custam muito mais caro. Mas se vc comparar iPhones com iPhones, eu posso dizer que dentre a linha X o Xr é o baixo custo dessa linha. Mas isso não faz dele a representação fiel do que é baixo custo, como um zenfone 5z que é o top de linha mais barato do Brasil.
fan
Não só procede como vc mesmo está dizendo que pretende voltar ao Android se o s10 vier valendo a pena. O meu comentário se baseia em pessoas que realmente nunca pensariam em usar Android.
Thiago Mocci
O problema dos iPhones é o descolamento da realidade entre produto e preço. Foda-se que não tem tela Full HD se o aparelho é bom e te atende. Só que... a R$ 5 mil não, né?Eu não saio do Android pela variedade e preço. Eu só experimentaria um iPhone se, com essa especificação ai, fosse até R$ 2 mil (considerando o processador excelente).
Paula
Boa tarde, fiquei com uma dúvida em relação ao modo retrato para objetos, não é possível realizar com o Xr? Aquela foto da batata, que está no blog, não foi com o Xr? Obrigada e aguardo resposta
Leandro Nascimento
Não sei qual é a pegada da galera que tem iPhone e não usa o 3D Touch... o negócio é atalho pra tudo, é ótimo! Eu não compraria o XR porque não consigo ficar sem, deixa meu X quieto aqui, vamos ver 2019 como vai ser.
Drax
Exato, é como comprar uma BMW com rodas de aço e calotas, ao invés de rodas de liga.
Rafael Moreira
Muito caro. Esse Xr era pra custa no máximo R$ 4mil reais. O Galaxy S9+ e o Pixel 2 XL que possui configurações melhores no meu ponto de vista, já está custando R$ 3.600 reais. Sem contar que hoje em dia o sistema android está muito bom, até quando é customizado pela fabricante. Um exemplo é o launcher da Samsung que está mais clean. Sem contar as tecnologias embarcadas como codec Aptx e LDAC, maior resolução e densidade PPI, tela com tecnologia P-OLED coisas que para algumas pessoas não é relvante pois o que interessa é ligar o celular e sair usando, mais que para mim é de suma importância. Pagar caro em um celular e não ter algumas tecnologias embarcadas pra mim não dá. Por esse preço anunciado na matéria, é muito mais negócio comprar um Macbook Air 2017 novo ou um Macbook Pro usado no lugar.
Higo
Então beleza, vamos lá. O aparelho não tem tela full HD, pq isso não faz diferença. Não tem tela OLED pq a tela LCD dele já é considerada muito boa. Não tem entrada de 3.5mm pq a Apple não quer. Não tem zoom ótico na câmera. Então pq RAIOS continua custando uma fortuna? O fato de custar o equivalente a um Galaxy S8 a menos do que o irmão mais caro é vantagem? O aparelho custa 5,2 fucking milhares de reais. Com esse valor posso comprar o melhor celular que o dinheiro pode pagar fora do mundo Apple e ainda me sobra grana pra gastar com um excelente churrasco regado a cerveja durante uma semana inteira.Aqui no Tecnoblog mesmo vi o review do Motorola One, um aparelho que custa menos de um terço desse iPhone. Os defeitos listados foram:1- Câmera com qualidade apenas razoável e processamento lento;2- Hardware é decente, mas poderia ser mais atualizado;3- Tela com brilho e definição abaixo da médiaComo que em um aparelho muito mais caro como o iPhone, os mesmos "defeitos" não tem tanta importância assim?Na boa, os anos se passam e continuo não conseguindo ver nada no iPhone que me atraia de verdade, dado o preço do aparelho no Brasil. Não tenho dúvidas de que se tratam de ótimos produtos, mas quando as pessoas vão se tocar de que eles não valem nem metade do que custam?
Magnosama
Quem pagar 5k no XR TERÁ um produto de MUITA qualidade. Basta ler o revi
Evandro Sousa 
Não conheço ninguém que fale “n eh fullHD mimimi” e tenha usado o aparelho. No teste cego feito (YouTube) 22 pessoas viram o mesmo vídeo fullHD no XR e num Android amoled fullHD, e as 22 pessoas votaram no XR como melhor tela.No Brasil é um roubo esses preços, mas isso n desmerece a qualidade do aparelho
Weliton Junior
Gente, eu vendo iPhones há 5 anos. E o XR é o iPhone do momento. É o mais vendido. E olha que eu tenho o leque todo de iPhones disponíveis. E mais uma verdade? 99% dos clientes está cagando pra tela FULL HD ou não, pq eles nem sabem a diferença de uma coisa pra outra. As pessoas querem o que elas quiserem comprar, e larguem de ser chatos criticando quem gastou ou não o dinheiro que nem é de vocês. Mania besta de cuidar da vida dos outros e ficar metendo o bedelho.
Eliézer José Lonczynski
kkkkkkkkkkk haters gonna hate
Don Ramón
Não há qualquer recurso ou figurinha gravada na traseira que justifique pagar 5k fucking golpes num aparelho de celular. Não tem como isso ser um bom negócio, nem para quem procura uma boa câmera. Por menos que isso se leva uma câmera de verdade pra casa...
gbitte
Porque no produto mais caro ele troca então se uma tela melhor não faz diferença?
robsonc
Sentiria uma falta enorme do 3D touch. Quando atualizou e eles tiraram o 3D touch da beirada (que voltou depois em outra atualização) foi quando eu percebi que precisava daquela bobagem de mais. Facilita de mais o uso pra mim.
The Dark Knight
Matéria sensacional como de costume, parabéns ao tecnoblog!Sou usuário Apple desde 2007 e tinha minhas dúvidas se migraria do meu 8 Plus pra um Xs Max ou um Xr, porem agora com essa leitura eu arriscaria o modelo mais barato.
DeadPull
Isso mesmo. Já que iUser não se importa com isso, poderia ser até tela TFT com a mesma resolução do iPhone 3GS que todos vão achar lindo. Afinal, iUser não se importa mesmo com resolução de tela.¯\_(ツ)_/¯
Juliano Machado Olivetti
Achei uma evolução bem legal em cima do antecessor 8 Plus, mas vai acabar se convertendo como opção para quem precisa desesperadamente trocar seu modelo de gerações mais antigas, acho que a Apple não consegue mais o apelo necessário que justifique trocas anuais a quem não é entusiasta. Antes que alguém me corrija, esse não é apenas um desafio para a Apple, mas a todos os fabricantes. Vejo o meu exemplo, troquei meu Nexus 6P por um Pixel 2XL, e só pretendo trocá-lo novamente com o lançamento da quarta geração...
Ronaldo Rodrigues
Essas Samy girls são um sarro, conseguem ser pior que qualquer Apple fanboy!
Ronaldo Rodrigues
As Samy girls piram nos reviews da Apple, rs!
Robert Rey
Hein? Eu tinha um S8 e comprei um XS MAX, mas ano que vem penso em voltar pro Android se o S10 vier valendo muito a pena. Seu comentário não procede.
kadu
Mano vou te dar um crédito porque você tem uma maçã na foto de perfil, vou me convencer de que tu trabalha na Apple :) Porque dizer que um smartphone de 5 mil reais é de baixo custo é realmente o maior exemplo de "campo de distorção da realidade" que eu já vi na vida.
Fabio Santos
Eu tinha este mesmo pensamento depois que um amigo insistiu em pegar meu XS Max que trouxe dos eua e me passou o XR dele mais uma quantia generosa na volta, no dia a dia não vejo a tela HD+ como ruim tem qualidade em 90% dos momentos.Claro se comparar o preço Brasil tem coisa melhor, mais to feliz com o meu que anda fazendo 9 horas de tela número ótimo pra meu uso, tenho um Mi8 também nitidamente a tela do XR é muito parecida (claro que não nos níveis de preto já que o mi8 tem amoles), no fim tenho dois bons aparelhos e to feliz e com dinheiro no bolso kkkk.
fan
Nao se compara iPhone com Android, são públicos distintos. Quem compra um não compra o outro.
Caleb Enyawbruce
Pra mim é gritantemente contra. Apenas. Mas respeito sua opinião.
Jhon
Pro meu uso eu prefiro o Touch ID, acho mais prático.
Diogo
Poderia ter colocado como contra a tela não ser full HD em um aparelho de 5 mil, também...
Diogo
Como já comentaram, o ponto não é esse. Quem paga 5 mil num celular está procurando por um produto de qualidade e com as melhores specs. Mas claro que isso é na teoria. Na prática, boa parte do público alvo da Apple realmente não se importa com specs e apenas quer pagar caro por um celular pra ostentar, mesmo.
Eliézer José Lonczynski
Sou mesmo vc queria que fosse fanboy de LG? haha
Eliézer José Lonczynski
Letras gigantes não garantem leitura confortável., fato é que cabe muito mais texto com muito mais qualidade na tela do iPhone, só aceite.
Paulo
Perder por falta de Touch ID se tem Face ID? WTF.
DeadPull
ex.: Eu consigo ler com facilidade em fontes menores na tela de 4,7" do iPhone já em muitas telas de 6" com resolução 2k vejo pixelado e com definição ruim.Eu já vi muita gente que mente na maior cara de pau, mas você merece um Oscar.
Eliézer José Lonczynski
Assim como número de pixels em câmera não diz nada, tamanho da resolução tambem não, o iPhone tem desde sempre a melhor legibilidade, ex.: Eu consigo ler com facilidade em fontes menores na tela de 4,7" do iPhone já em muitas telas de 6" com resolução 2k vejo pixelado e com definição ruim.
Eliézer José Lonczynski
Verdades difíceis de engolir: 1- Tela OLED é um caminho sem volta;2- 3D touch faz falta depois que vc acostuma com a usabilidade;3- iPhone o melhor hardware e software que não vale a compra.
Bruno
review nível macmagazine.
Bruno
Só que 1 mês depois já tá uns 30 ou 40% mais barato.
Ygor Nascimento
Excelente review! Algumas pessoas ainda não conseguem entender que existe público pra tudo. Alguns (que não tem respeito nenhum por alguém, talvez nem pela mãe, e por isso se nota a infantilidade de quem ainda não tirou as fraldas) dirão que são burros, idiotas e outras idiotices mais... verdade é que cada um compra o que quer. Seja pela experiência no uso, seja pela ostentação, seja por trabalho, seja por gosto (que é bom lembrar que cada um tem o seu), seja pela confiança na marca, pelo sistema ou seja pelo simples fato de querer algo. Quem é você pra querer dizer se é bom ou ruim a escolha da outra pessoa? A maioria aqui infelizmente nunca trabalhou, depois que você começar a pagar suas contas, vai ver que cada um compra o que quiser. A, mais a tela não é full hd! O preço é caro (concordo)! Tem opções Android mais baratas! Meu Chines é melhor (quase 100% dos aparelhos são fabricados lá). O fato de não valer a pena pra você não significa que não vale pra todo mundo e, o mundo não gira em sua volta.
ochateador
Entra no hardmob > fórum > promoções.Lá tem ums post com o XR custando menos de 4300 e a loja ainda te garante quase 1000 reais em créditos para a próxima conta. Ainda é caro, mas qualquer redução no preço já ajuda :P
Baidu feat MC Brinquedo
O Higa é um apple maníaco e todos nós sabemos, mas ao meu ver ele consegue passar mais a parte técnica, pois pontua bem os defeitos (sem justificá-los em demasia) e isso deixa o review bem isento.O que assisti nesse review foram muitas justificativas para coisas injustificáveis (não tem problema dizer que a Apple pisou na bola). Estou sendo sincero, não quero ofender ninguém.Obs: É um puta telefone, com um mega hardware e software, porém o preço é surreal demais para deixar coisas simples passarem despercebidas (tela e carregador).
DeadPull
Fanboy, meu querido. Fanboy. Se rodar iOS e tiver uma maçã na traseira, pode vir com tela 352x288 e custar R$20.000 que continuará não sendo um problema.
Ícaro
Pocofone tem tela FHD+ e custa quatro vezes menos, essa comparação não tem nem pé nem cabeça mesmo se tratando da grife Apple
Ícaro
Se eu não encontrei foi porque eu li, oras bolas.
fan
Sobre as bordas, os zenfones tem bordas finas nas laterais e na parte de cima, mas em baixo tem uma borda grosseira. Onde ficam os conectores internos da placa.O que a Apple fez foi reduzir as bordas em baixo, mas deixando tudo simétrico, até pra que não tenhamos vazamento de luz. Pra isso ser feito foi preciso dobrar internamente os conectores da tela, mas eles não são tão flexíveis assim, então ele precisa ter mais bordas, mas ainda assim mais finas que os de toda concorrência.E outra, ele è um baixo custo, tem que ter desvantagens em relação aos Xs. Ele so sacrifica a resolução em troca de uma tela ligeiramte abaixo do Full HD, mas de muita qualidade. Quem se sente incomodado com esses cortes no preço è prq nao è o perfil de usuário.Mas sim, è chato ele custar 5 mil reais que è o preço de um top de linha è ser um intermediário. O pocofone de luxo da apple 😂
raphael_silva
Tenho uns amigos assim, essa semana um mesmo tava precisando de 2 go pro pra comprar pra fazer uns vídeos do carro.Foi lá e comprou 2 Go Pro Hero 7 Black de 2000 cada uma e pagou avistinha, outro amigo comprou 2 iPhone XS Max pra ele e pra esposa, comprou com esses caras que importam, mais de 10mil a vista.Tranquilidade financeira é algo reconfortante.
Comentário Mil Grau℗
O problema é que 5 mil reais não é nem de longe CxB, poderia claramente trocar esse termo por 'menos caro' ou no máximo 'mais acessível'.
Comentário Mil Grau℗
Me desculpe, mas quando vc está querendo gastar 5 mil reais em um smartphone, algumas coisas começam a pesar e claramente fazem este smartphone não valer a pena pelo que já temos no mercado.Tela não é, no mínimo, Full HD e isso precisa sim ser ratificado pq é um aparelho de 5 MIL REAIS! Não estamos falando de 1500 ou 2 mil reais, são 5 fucking mil reais!A tela ser OLED, AMOLED ou LCD isso é gosto pessoal, já fui fã de LCD e hj prefiro AMOLED, então vá do gosto de cada um.A tela eu gostaria que fosse um pouco menor que a do XS, um 5.5" ou 5.6" seria perfeito para ele, mas como sabemos que a tendência é telas grandes então isso nem chega a ser um ponto negativo.Outra coisa que percebi é que os apps ainda não estão otimizados para o notch, dois exemplos claros foram o Instagram e Facebook, então nem chega a ser on contra do aparelho, e sim do OS (ou apps).Essa protuberância na câmera é escrota dms! O aparelho já é meio gordinho, custa deixar a traseira toda flat com a câmera ali dentro da carcaça? Steve Jobs estaria pistola com uma coisa dessas, pelo menos tentem respeitar um pedido dele lá de dentro!E por último, essas bordas poderiam ser um pouco mais finas tmb, não adianta culpar falando que é o LCD pq tem outras fabricantes que fizeram bordas mais finas, vide o Zenfone 5/Z. No mais é um aparelho que eu recomendaria comprar daqui há um ano, pelo preço não compensa nem lá fora, por aqui vc acha um S8, Zenfone 5Z e LG V30 por melhores preços, ressaltando o preço do 5Z como imbatível! Importar esquece dps da palhaçada que a ANATEL fez, provavelmente para beneficiar as empresas que atuam por aqui.
André Cardoso
Já foram feitos testes cegos e as pessoas não souberem dizer qual tela era full HD e qual não era. Se você pegar um iPhone XR na mão vai saber do que eu to falando.
André Cardoso
Gente, e essa onda nos comentários? hahahaha chega a ser engraçado um bando de marmanjo de doendo por review
Renan Alves
não precisa de full hd, o importante é ter o ios e a maça
Renan Alves
vendo esses preços 5,2 mil ou 7 fico pensando o quanto sou pobre. como deve ser ver algo, gostar e comprar, sem a preocupação de preço
ochateador
Tem um iPad 3 aqui em casa faz uns 5 anos ou mais. Ainda hoje a tela me deixa impressionado.Resolução é o de menos, se os sensores que trabalham atrás da tela forem ruins a imagem será ruim. Mas se forem sensores bons, sai um milagre.
Jhon
A tela não deixa de ser boa ou ter qualidade só por não ser Full HD. Vai na loja e pega ele na mão que você vai ver que a tela não deve nada em relação às de outros celulares.
Jhon
Sinceramente, quem liga pra isso além dos nerds tarados por specs? 99% dos usuários não está nem ai pra resolução da tela porque a partir de um ponto não impacta em nada no uso do celular.
Jhon
Pra mim a única vantagem em relação ao iPhone 7, meu celular atual, é a câmera. Tirando isso perde na falta de 3D Touch, Touch ID e pelo tamanho exagerado (além do preço).
Felipe Liʍa
mas o software sera atualizado. isso q importa ¯\_(ツ)_/¯
Felipe Liʍa
basicamente 98% das pessoas usam pra isso mesmo... os outros 2% e so pra ostentar!
Felipe Liʍa
só nao ler ¯\_(ツ)_/¯
Felipe Liʍa
opiniao dele uaii
André Fogaça
Como contra também, é só ler do lado e entender o comparativo de preço pro lado positivo :D
vacaemchamas
Parabéns galera do Tecnoblog a qualidade do vídeo continua ótima e mesmo assim ainda sai um artigo aqui no site, por favor continuem com os dois
Caleb Enyawbruce
serio q colocaram o preço disso ai como pró? Mds...
Trovalds
E os haters chegam a estar espumando... fiquem tristes não, tem Android de R$ 500 que faz quase a mesma coisa: tira foto, manda zap e de vez em quando você pode atender ligação e ligar dele.
Trovalds
O Galaxy S10 tá chegando...
Harry Specter
Não entendi pq tanto hate. Ele foi bastante claro e eu entendi que, DENTRE OS IPHONES LANÇADOS ESSE ANO, o iPhone XR é a melhor opção cxb. Nada foi falado sobre valer a pena ou comparando com outros celulares top de linha - o que é uma omissão, não uma falta de imparcialidade.
thejorsias
Menor resolução e mesmo hardware: fazendo o usuário de otario.
Fábio Moser
Gente... Mas que babação é essa???? Não esperava muita imparcialidade, mas dessa vez se superaram.
Miguel
A tela é uma bosta mas a camera é ótima.
Bruno
Nao adianta esse malabarismo textual todo aí. Celular é caro para um caraleo só pq tem a maçã atrás.
Jônathas Arruda
num review de um produto apple, não ter tela full hd num aparelho nessa faixa de preço se torna um benefício, uma feature, uma função que auxilia o usuário a não permanecer com os olhos juntos à tela por muito tempo. incrível! rs
Daniel Lucena
Nuss, sexta feira, a esta hora e este amigo com esta raiva toda no coração...
Ícaro
Vim pro review procurando objetividade na avaliação. Não encontrei. Mas não estou surpreso...