Início » Internet » YouTube removerá vídeos de políticos que violam regras, mas analisará contexto

YouTube removerá vídeos de políticos que violam regras, mas analisará contexto

A plataforma vai abrir exceções para vídeos que tenham valor educacional, jornalístico, científico ou artístico

Victor Hugo Silva Por

Após o Facebook afirmar que não removerá todos os posts de políticos que descumpram suas regras, o YouTube seguirá uma linha parecida. A plataforma também promete remover vídeos de políticos que violarem suas regras, mas adianta que analisará o contexto de cada caso.

YouTube / i-m-nik / Unsplash

A declaração foi feita pela CEO do YouTube, Susan Wojcicki, durante o The Atlantic Festival, o mesmo em que o Facebook explicou o que fará com posts de políticos por meio de seu vice-presidente de relações internacionais, Nick Clegg.

Em sua fala, Wojcicki explicou que o YouTube vai apagar vídeos que violam suas regras independente de quem seja a pessoa. No entanto, a plataforma poderá abrir exceções caso a declaração tenha valor educacional, jornalístico, científico ou artístico.

“Quando você tem político que está fornecendo informação que é realmente importante para seus eleitores ou outros líderes globais, esse é o conteúdo que deixamos de lado [na moderação] porque achamos importante que outras pessoas vejam”, afirmou a executiva.

Com isso, o YouTube não deverá remover vídeos com falas polêmicas caso o contexto envolva debates e outros eventos políticos, por exemplo. Este é mais um posicionamento de uma rede social meses antes da eleição presidencial dos Estados Unidos, marcada para novembro de 2020.

Na terça-feira (24), Clegg informou que o Facebook avaliará a situação antes de remover publicações de políticos que violam suas diretrizes. Segundo ele, a proposta é analisar se o interesse público da fala supera o risco de danos.

O Twitter, por sua vez, deve agir de uma forma um pouco diferente. A empresa pretende manter no ar todos os tweets de políticos, inclusive os mais polêmicos, mas exibirá um aviso para os usuários caso eles violarem as suas regras.

Com informações: The Verge.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Leo Otávio

Os gigantes da tecnologia perseguem o conservadorismo de maneira covarde

ricms

AHAHAHAHAH fala do 247 com um post do antagonista. Sujo falando do mal lavado.

johndoe1981

Já acontece isso. Nas eleições houve denúncias que o Foicebook estava deletando grupos de vertente conservadora.

ricms

Prove.

Lumberjack

O cara reclama de Brasil 247 e coloca Antagonista como fonte, hahahahahaha

Mario Bros

Espero que continue a perseguição para os extremos. :)

Leo Otávio

Espero que não haja perseguição aos vídeos de direita

Meiksonq

google e nada resolvendo isso são a mesma coisa

ricms

Curtam aqui quando aparecerem os incel ancap reaça de 13 anos pistolando para dar umas risadas pfv.

ricms
Curtam aqui quando aparecerem os incel ancap reaça de 13 anos pistolando para dar umas risadas pfv.
ricms

Fazia tempo que não te via passar vergonha na internet.

Keaton

"YouTube removerá vídeos de políticos que violam regras"

Espera... Politico tinha imunidade as regras? Pq se viola as regras, tem de ser removido mesmo. Q

Vagner Da Silva

Golden shower?

MARTINS CASTRO

Eguinorante não se matou ainda? Kkkkkkkkkk

MARTINS CASTRO

E sua mãe na zona, rendeu quantos? Kkkkkkkkk

Exibir mais comentários