Início » Celular » Donos do Motorola Razr se queixam de ruído na tela dobrável

Donos do Motorola Razr se queixam de ruído na tela dobrável

Motorola Razr causa estranheza devido a um rangido ao ser aberto e fechado; celular dobrável custa R$ 8.999 no Brasil

Felipe Ventura Por

O Motorola Razr chegou às lojas físicas dos EUA na quinta-feira (6) e foi entregue para quem participou da pré-venda: o celular dobrável aposta na nostalgia do antigo V3, mas vem causando estranheza em alguns usuários por conta de um rangido ao ser aberto e fechado.

Motorola Razr

Max Weinbach, do XDA Developers, diz que a dobradiça do Motorola Razr “não soa bem” ao abrir e fechar o aparelho. Ela “também parece frágil e barata para um celular de US$ 1.500”, ele afirma.

Nirave Gondhia, diretor editorial da Mobile Nations, mostra no Twitter que tem o mesmo problema no Razr dele. Em nosso hands-on com uma unidade de pré-produção, a dobradiça não fazia esse rangido.

Chris Fox, da BBC, demonstra em vídeo que o Razr dele também faz um barulho ao ser aberto ou fechado. Além disso, ele aponta que a tela não fica totalmente presa ao celular: o display é solto perto da dobradiça para se curvar de forma suave e evitar vincos.

Motorola Razr

A Lenovo não diz quantas vezes a tela aguentará ser dobrada e desdobrada, mas espera que ela será capaz de durar “ao longo da vida útil do celular”. O Galaxy Fold pode ser dobrado até 100 mil vezes, assim como o Huawei Mate X.

Em um teste da CNET, o Razr aguentou ser dobrado 27 mil vezes continuamente por uma máquina até quebrar. A Motorola contestou o resultado, dizendo que isso “não reflete a durabilidade” do aparelho.

Motorola Razr quebrou em algumas lojas

O dono da conta Dark Matter no YouTube publicou um vídeo de um Razr em exposição numa loja: a tela tem duas linhas cruzando na vertical, talvez devido a mau uso, e a dobradiça também faz um rangido.

Em outra loja, o Motorola Razr foi bastante danificado: a tela está preta ao redor da área da dobradiça, e fica piscando na parte inferior. Novamente, pode ser um problema de mau uso: quem comprou este celular não encontrou falhas na tela dobrável — ainda é uma situação diferente do Galaxy Fold.

O novo Razr está em pré-venda no Brasil por R$ 8.999, podendo ser adquirido nos canais da Motorola e nas lojas físicas da TIM, Claro e Vivo.

Com informações: Ars Technica.

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
8 usuários participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

@ksio89

Early adopter só se ferra kkkk.

Lucas Santos (@Lucas_Santos)

Isso que eu chamo de teste prático, não aqueles testes milimetricamente calculados.

Fábio Laurindo (@Fabio_Laurindo)

Só um óleo de máquina de costura e blz kkk

Alexandre (@AlexandreR)

ta mais para beta testers pagantes do q early adopters

Manug (@Manug)

Não sei, mas sou de uma época em que beta tester não pagava tão caro pra testar os produtos…

Tiago Freitas (@tiago_fr)

Provavelmente eu vou morrer sem saber como alguém tem coragem de gastar R$ 8.999 num smartphone.

Edilson Junior (@Edilson)

Hahahaha…Me lembrei da minha avó quando começava a ranger a dobradiça da porta